Connect with us

Geral

Papel dos museus no período pós-pandemia será abordado em live gratuita

Publicado

em

 

 

“Museus: perdas e recomeços”. Esse é o tema de uma live que será realizada pelo Museu da Cidade na quarta-feira, 22 de setembro, às 19h, pelo’ canal do Youtube ‘Cultura Abraça Campinas’. O tema instiga os museus a refletirem sobre seu papel acolhedor e como instituições de apoio social para os recomeços que teremos que enfrentar na situação (pós) pandêmica. O evento tem apoio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo.

 

 

Quem quiser certificado de participação deve se inscrever por e-mail [email protected] Quem desejar apenas assistir, não precisa fazer inscrição.

 

 

O tema foi proposto pela “Primavera dos Museus”, um programa de incentivo à reflexão e visibilidade dos museus nacionais, realizado pelo Instituto Brasileiro de Museus (IBRAM). Todos os anos, o Museu da Cidade participa do programa e, em 2021, convidou duas profissionais da área de museus no campo educativo: Mila Chiovatto e Jurema Sampaio.

 

 

A palestrante Mila Chiovatto abordará o tema “Educação Museal durante e depois da pandemia: o que aprendemos?”, trazendo suas experiências a partir do Núcleo de Ação Educativa da Pinacoteca de São Paulo e contando como se deu a atuação nesse período de pandemia. A apresentação abrangerá questões como: Quais perdas foram mais sensíveis? E quais aprendizados podemos ter a partir do cenário dado?

 

 

A palestrante Jurema Sampaio falará sobre “Criatividade e Inovação na gestão de espaços de arte/educação”. Ela fará uma análise sobre o aumento da quantidade de espaços que oferecem oportunidades de vivenciar a arte, a adultos e crianças.

 

 

Segundo a palestrante, projetos sociais, museus, galerias, empresas e clubes vêm investindo em criar espaços e proporcionar várias iniciativas na área. Ela acredita que as atividades de Arte/Educação devem se fortalecer em diversos tipos de espaços, além da escola. A proposta é refletir sobre a relação entre a gestão dos espaços de arte/educação e a respeito de quem são os profissionais de ensino de arte, como se preparam e onde atuam.

 

 

Sobre as palestrantes

 

 

Mila Chiovatto é graduada em Educação em Artes pela Faculdade de Comunicação da Universidade Mackenzie, Mestre em Ciências da Comunicação (ECA-USP). Foi professora de História da Arte na Faculdade de Comunicação da Fundação Armando Álvares Penteado (FAAP). Participou da equipe do Núcleo Educação e coordenou os atendimentos educativos da XXIV Bienal de São Paulo; coordenou as ações educativas das exposições De Picasso a Barceló, em 2001 e Artecidadezonaleste em 2002. Autora do projeto educativo da exposição Vistas do Brasil da Coleção Brasiliana – Fundação Estudar em 2004. Realizou exposições coletivas e individuais de seus trabalhos artísticos incluindo a galeria SESC – Paulista; Mostra SESC Ares e Pensares; Selecionados do Centro Cultural São Paulo; VII Salão da Bahia; Temporada de Projetos Paço das Artes e XXIV Salão de Arte Contemporânea de Ribeirão Preto. Consultora em projetos educativos em museus e em arte, é autora de publicações e materiais para público diverso em artes. Atualmente coordena o Núcleo de Ação Educativa da Pinacoteca do Estado de São Paulo desde 2002 e foi presidente do CECA-ICOM (Comitê de Educação e Ação Cultural do Conselho Internacional de Museus) de 2016 a 2019

 

 

Jurema Sampaio é doutora em Artes pela ECA/USP, Mestre em Artes Visuais pelo IA/UNESP com pesquisa sobre uso de Realidade Virtual por VRML para EaD em Artes Visuais; Especialista em Arte: Ensino e Produção, pela PUC Campinas com pesquisa sobre uso de Tecnologias Digitais para formação continuada de professores de arte. Licenciatura Plena em Artes Plásticas e Curta em Educação Artística, também pela PUC Campinas.

Pesquisadora colaboradora no IA UNICAMP, responsável pelas disciplinas de Elementos de Prática de Pesquisa e Gestão de Espaços de Arte/Educação. Empresária e consultora em User Experience, Criatividade, Inovação e Tecnologia Educacional com atuação em Formação de Professores: Inicial/Continuada e Comunidades Virtuais de Práticas Colaborativas. Editora-chefe da Revista Digital Art& e membro do conselho editorial das Revistas (in)Visibilidades, da Rede Iberoamericana de Educação Artística; e Ijeta, International Journal of Education through Art – IJETA, da International Society for Education through Art – INSEA. Temas e Interesses: Formação de professores de Arte; Criatividade, Inovação, Arte/Educação; Metodologia de Ensino e Pesquisa em Arte; Gestão em Arte/Educação; Educação à Distância em Artes Visuais. 

 

Geral

Multivacinação já atingiu 4.214 crianças e adolescentes em Campinas

Publicado

em

Por

Desde o dia 1º de outubro, quando teve início a Campanha Nacional de Multivacinação para atualização do calendário regular, até as 12h30 deste sábado, (16/10), 6.660 crianças e adolescentes de 0 a 15 anos compareceram aos Centros de Saúde de Campinas. Deste total, 4.214 foram imunizados. O restante estava com a carteira de vacinação em dia e recebeu orientações sobre as próximas doses.

 

Do total de imunizados nesta faixa etária,1.880 são bebês de até 1 ano, 1.209 de 1 a 4 anos e 1.125, de 5 a 14. Até as 17h deste sábado, Dia V da Campanha, 65 dos 67 Centros de Saúde do município estarão abertos para atualizar o esquema vacinal. Apenas os CSs Carlos Gomes e Boa Esperança não participam da ação.

 

A Campanha Nacional de Multivacinação prossegue até 29 de outubro. Durante a semana, as vacinas são aplicadas das 8h às 11h.

Continue Lendo

Geral

Projeto idealizado pelo prefeito ganha ouro em torneio internacional

Publicado

em

Por

Os lutadores de taekwondo da Equipe Fighters foram homenageados pelo prefeito Dario Saadi nesta sexta-feira, dia 15 de outubro. O projeto social iniciado no Centro de Treinamento de Lutas, no Taquaral, mostrou que pode ser bem sucedido também em competições. No final da semana passada, conquistou seis títulos e cinco vices, na 13ª Copa América de Taekwondo, realizada em Arujá.
O secretário de Esportes, Fernando Vanin, e o vereador Igor Diego também acompanharam a cerimônia, que teve ainda as presenças dos técnicos da equipe Fighters, Sérgio Pacheco e Alberto Iha. Atletas e apoiadores, responsáveis pela logística de toda estrutura monstada para a disputa, também foram recepcionados.
O prefeito Dário Saadi estava emocionado com a presença dos técnicos e lutadores porque foi um dos mentores do projeto, quando ainda atuava na secretaria de Esportes e Lazer: “O Sério e o Alberto são os verdadeiros idealizadores do projeto. Na época, quase quatro anos atrás, eu só apoiei e pedi paciência. E felizmente, o resultado está aí”, finalizou.
A semente iniciada com apenas um aluno, hoje ultrapassada 80 participantes e a tendência é de crescimento. O secretário de Esportes e Lazer valorizou não apenas as conquistas. Fez questão de ressaltar o esporte como formador: “claro que o motivador são as conquistas. Mas é importante projetar o esporte como formador de cidadãos. E isso, o projeto tem conseguido. É motivo de orgulho para todos nós”, concluiu.

Continue Lendo

Geral

Equipe campeã da 360º nas Areias é homenageada pelo prefeito Dário Saadi

Publicado

em

Por

O prefeito Dário Saadi recebeu nesta sexta-feira, 15 de outubro, na Sala Azul do Paço Municipal, representantes da “Campinas 360° nas Areias”, equipe de handebol de praia, campeã feminina da Copa do Brasil. A competição foi disputada em João Pessoa, na Paraíba, no início do mês. É o primeiro título do projeto que tem o apoio do Fundo de Investimentos Esportivos de Campinas, Fiec.
A cerimônia contou também com a presença do secretário de Esportes e Lazer, Fernando Vanin; do vereador Igor Diego; da presidente da equipe e técnica, Juliana Saraiva. Também participaram atletas de reconhecimento internacional na modalidade, como a capitã Thaís da Silva Nascimento, eleita melhor jogadora do mundo na modalidade em 2013, além da goleira Noélia Nunes, nome que está na lista de pré convocados para a Seleção Brasileira.
Ao destacar a parceria do Projeto Campinas 360° nas Areias, voltado para a formação e competição, o prefeito Dario Saadi fez questão de ressaltar a determinação da equipe comandada pela técnica e presidente Juliana Saraiva. “É com muita alegria que recebo vocês aqui. A conquista comprova a importância da união de entidade esportiva com poder público. Vocês são pessoas comprometidas, que fazem a diferença. Campinas se orgulha deste tipo de trabalho”, ressaltou.
A ideia do projeto é se propagar cada vez mais pelos bairros de Campinas. O diferencial é oferecer espaço para a prática de esporte com orientação de pessoas competentes e especialistas na modalidade. Na base do projeto está a certeza de que a boa formação é uma das bases para a competição.
O secretario Fernando Vanin enalteceu o título, principalmente porque Campinas foi campeã contra equipes mais experientes e diante de adversários mais adaptados à modalidade. “Ser campeã frente a equipes especialistas em modalidades de praia, como o handebol, é um marco. Além disso, fazer o fomento com atletas em formação é formar cidadão”, concluiu.
A equipe feminina “Campinas 360° nas Areias” já garantiu vaga na etapa decisiva do Campeonato Brasileiro de Handebol de Praia. A competição vai ser disputada em Matinhos, Paraná, de 13 a 15 de janeiro do ano que vem.

Continue Lendo

Populares