Connect with us

Indaiatuba

Fundação Pró Memória realiza balanço das principais ações de 2018

Publicado

em

Foto: Arquivo Giuliano Miranda – RIC/PMI

A Fundação Pró-Memória de Indaiatuba destaca 2018 como um ano muito positivo pelas parcerias e ações de incentivo à leitura nas diferentes faixas etárias. O Casarão Pau Preto passou por uma manutenção preventiva, para cuidados com a infraestrutura. Já no Museu Municipal Casarão Pau Preto houve a reformulação do acervo para as futuras exposições que serão realizadas em 2019.

A continuidade da parceria com o departamento de história da Unicamp proporcionou a sequência das atividades da Escola do Patrimônio, que oferece cursos gratuitos com professores especializados sobre patrimônio cultural para a comunidade, e este ano o projeto foi estendido para as cidades vizinhas como Campinas, Itu e Sorocaba.

Em 2018 a Fundação participou da Segunda Semana Nacional de Arquivos, e promoveu oficinas junto as escolas estaduais. Também foram desenvolvidas ações educativas e de conscientização que atendem todas as faixas etárias. A oficina de Musicalização Infantil foi uma novidade para as crianças e deve continuar em 2019.

Outra ação da Fundação foi o cuidado com os Patrimônios Tombados e de Interesse Histórico, realizamos diversas pesquisas e atividades de conservação que resultaram em estudos e laudos que serão publicados em 2019.

Para Carlos Gustavo Nóbrega de Jesus, Superintendente da Fundação Pró-Memória, estes foram os destaques deste ano. “A evolução da digitalização da hemeroteca e o atendimento ao cidadão, possibilitou a abertura das portas do Arquivo Público para o público poder fazer pesquisas e consultas. Continuamos com a constante renovação do acervo da Biblioteca Municipal Rui Barbosa. Também realizamos o curso de redação para o Enem e o Encontro Cultural Literário 2018, com diversas atividades para incentivar o hábito da leitura nas diversas faixas etárias”, finaliza Nóbrega.

Trabalhos realizados pela Fundação Pró-Memória

Digitalização e disponibilização da Hemeroteca do Arquivo Público Municipal

A hemeroteca do Arquivo Público Municipal possui 100 títulos de periódicos que circularam na cidade de Indaiatuba entre o início do século XX até os dias de hoje. O trabalho já foi iniciado em 2016, porém, com a grande quantidade de periódicos que o acervo possui, ele deverá se estender por mais um ano.

Ação Educativa Arquivo Público Municipal e Museu Municipal Casarão Pau Preto

A ação educativa ocorreu de março a outubro, por meio de visitas técnicas com alunos das escolas municipais, estaduais, particulares e universidades ao Museu Municipal. Além da visita técnica ao espaço expográfico do Casarão Pau Preto, os alunos também têm contato com alguns documentos do acervo do Arquivo Público Municipal para o entendimento da história da cidade e também sobre o funcionamento do Arquivo como custodiador dos documentos históricos.

Local: Casarão Pau Preto

Público: Cerca de 500 alunos

2ª Semana Nacional de Arquivos

A 2ª Semana Nacional de Arquivos aconteceu entre os dias 04 e 09 de junho. O evento foi criado pelo Arquivo Nacional e a Fundação Casa de Rui Barbosa no ano de 2017. As instituições participantes devem criar eventos, palestras, seminários de cunho artístico cultural para a divulgação dos acervos.

Oficina “Conservação e pequenos reparos em papel”

Esta oficina é dedicada à comunidade Indaiatubana para a conservação de documentos em casa, como: certidões, registros, fotografias, álbuns, quadros, capa de discos, entre outros.

Local: Tulha Casarão Pau Preto

Público: 60 pessoas

Atividade lúdica com fotografias do acervo do Arquivo Público Municipal “Nilson Cardoso de Carvalho”

Oficina para alunos e professores das escolas municipais com fotografias que se encontram no acervo do Arquivo Público Municipal com o intuito de explorar a memória e contra um pouco da história de Indaiatuba por meio deste importante documento histórico.

Local: Tulha Casarão Pau Preto

Público: 160 pessoas no total

Biblioteca Pública Municipal “Rui Barbosa”

A Biblioteca atende atualmente cerca de 100 usuários dia e mantém uma média mensal de 60 novos associados, o que demonstra que continua a crescer e conquistar um novo público. Sendo assim se faz necessário frente a essa demanda a constante atualização do acervo e a compra de livros para reposição do que se perdeu por falta de devolução ou que foi extraviado.

Curso de Redação para o ENEM

A Fundação Pró-Memória de Indaiatuba ofereceu no mês de junho o Curso de Redação para o ENEM. Com 04 aulas aos sábados, o curso apresentou seus principais conceitos e critérios de avaliação, além de preparar o estudante, de modo objetivo e didático, para elaborar uma redação satisfatória para o Exame Nacional do Ensino Médio. Na última semana, foi entregue, aos estudantes, um tema de redação inédito, que simulou, perfeitamente, um do ENEM, na qual os alunos elaboraram a redação em suas casas.

Local: Tulha Casarão Pau Preto

Público: 150 pessoas

Encontro Cultural Literário de Indaiatuba

A Fundação Pró-Memória promoveu o Encontro Cultural Literário 2018, no Casarão Pau Preto. O objetivo é de incentivar o hábito da leitura entre as diferentes faixas etárias. Houve uma feira de venda de livros usados com preços populares a partir de R$0,50. O evento, que tem entrada gratuita, contou com extensa programação cultural como oficinas, apresentação teatral e sarau.

Local: Casarão Pau Preto

Público: 200 pessoas

Passeios da Memória

O projeto Passeios da Memória é uma parceria entre a Fundação Pró-memória de Indaiatuba, Secretaria Municipal de Educação e Secretaria Municipal de Esportes, atendendo todos os alunos do 4° ano do Ensino Fundamental, da Rede Municipal de Ensino de Indaiatuba.

Local: Museu Municipal Casarão Pau Preto

Público: 1600 crianças

Exposição temporária – Colecionismo

O que é uma coleção? Um conjunto de objetos reunidos com certo critério. Muitas pessoas adoram colecionar carrinhos, figurinhas, moedas, cartões postais, bonecas e muitas outras coisas. Guardam e cuidam das coleções, gostam de mostrar para outras pessoas o que têm, e continuam fazendo a coleção crescer. Colecionismo é o ato de colecionar. Um museu é uma instituição colecionadora, possui muitas coleções e pratica o colecionismo. A exposição tem o intuito de mostrar o espírito colecionador do Museu Municipal Casarão Pau Preto.

Local: Museu Municipal Casarão Pau Preto

Público: 500 pessoas

Aulas de capoeira

Aulas de Capoeira com o mestre Pezão que aconteceram duas vezes por semana no Casarão Pau Preto gratuitamente, de janeiro a setembro.

Local: Tulha Casarão Pau Preto

Público: 20 pessoas

Curso Básico e Avançado de fotografia

A Fundação Pró-Memória ofereceu cursos gratuitos de fotografia no nível básico e intermediário para a população. Os dois módulos foram ministrados pelo fotográfico e professor Vagner Luiz Fracchia, no Casarão. Os alunos e a comunidade em geral também puderam participar de uma palestra sobre astrofotografia com o fotógrafo Wellington Penilha.

Local: Tulha Casarão Pau Preto

Público: 80 pessoas

Semana de Museus – Museu Municipal Casarão Pau Preto

O Museu Casarão Pau Preto, da Fundação Pró-Memória, integrou a Semana Nacional de Museus. O evento, que é coordenado pelo Ibram (Instituto Brasileiro de Museus), convida os museus nacionais para refletir e discutir temas atuais e importantes para o desenvolvimento das instituições e da sociedade em comemoração ao Dia Internacional de Museus. Neste ano, a sua 16ª edição aconteceu entre os dias 14 e 20 de maio e teve como tema “Museus hiperconectados”.

Local: Casarão Pau Preto

Público: 80 pessoas

Férias no Casarão

O Projeto proporcionou diversas atividades que aconteceram durante uma semana, no mês de julho, no Casarão Pau Preto, com crianças de 06 a 10 anos,com o intuito de incentivá-las a conhecer tanto o Museu Municipal como o espaço do Casarão.

Local: Casarão Pau Preto

Público: 50 crianças

Escola do Patrimônio

A Fundação Pró-Memória em parceria com o Departamento de História do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas na Unicamp, promoveram 04 oficinas gratuitas da Escola do Patrimônio durante o ano de 2018. A Escola do Patrimônio é um projeto realizado em parceria entre Fundação Pró-Memória e o Departamento de História do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas na UNICAMP desde 2014, que visa discutir questões referentes ao patrimônio documental, cultural e ambiental e sua preservação por meio de oficinas gratuitas destinadas à comunidade e este ano se estendeu aos municípios de Campinas, Itu e Sorocaba.

Local: Museus de Campinas, Itu, Sorocaba e Indaiatuba (irá acontecer dia 24/11/2018)

Público: 60 pessoas

Projeto Escava-Ação

Mais um projeto inovador sobre o tema Arqueologia, ensinando as crianças dos 4º anos do ensino municipal de Indaiatuba, as tarefas de arqueólogos que vão a campo à procura de descobertas sobre civilizações que já não mais existem. Nesta oficina, as crianças entenderão como funciona esse trabalho, que busca entender o passado por meio de vestígios materiais.

Local: Casarão Pau Preto

Público: 200 crianças

Aulas de Musicalização Infantil

Em comemoração ao mês das crianças foram oferecidas para crianças entre 05 e 10 anos no Casarão Pau Preto aulas de musicalização Infantil com a Professora Tatiane Mendes Carvalho. A partir de instrumentos confeccionados pelas próprias crianças foram trabalhadas composições infantis de Nabor Pires Camargo além de músicas do cotidiano infantil.

Local: Tulha Casarão Pau Preto

Público: 60 pessoas

17° Prêmio Nabor Pires Camargo

A Fundação Pró-Memória realizou a 17ª edição do Prêmio Nabor Pires Camargo-Instrumentista. Além de divulgar as obras do clarinetista e compositor indaiatubano Nabor Pires Camargo, o prêmio visa revelar novos talentos da música popular brasileira instrumental. Após uma triagem, dez finalistas participaram de uma audição pública, realizada no dia 27 de abril, no Ciaei. O melhor músico foi premiado com R$ 8 mil, o segundo R$ 6 mil, o terceiro R$ 5 mil, o quarto R$ 4 mil e o quinto colocado R$ 2 mil. Os participantes classificados entre a 6ª e a 10ª colocação receberam um cachê de participação no valor de R$ 500. O evento foi apresentado pelo produtor e apresentador do Programa Chorinho Brasil na Rede Boa Nova de Rádio, João Tomás do Amaral. O Prêmio contou com 60 inscritos de diversos estados.

Local: CIAEI

Público: 400 pessoas

Indaiatuba

Secretaria da Fazenda lança formulário de sugestões para elaboração do planejamento orçamentário

Publicado

em

Por

Foto: Arquivo-Eliandro Figueira RIC/PMI

A Prefeitura de Indaiatuba por meio da Secretaria da Fazenda, lança na quarta-feira (10) o formulário de participação da população na elaboração do Plano Plurianual – PPA 2022-2025, e Lei de Diretrizes Orçamentárias – LDO 2022 e Lei Orçamentária Anual – LOA 2022. Para participar, basta acessar o link https://www.indaiatuba.sp.gov.br/fazenda/orcamento/, no período de 10 de março a 30 de junho.

Através do formulário eletrônico será solicitado o preenchimento de alguns dados pessoais e, logo em seguida, cada cidadão poderá selecionar dentre as opções disponíveis, 03 (três) áreas que em sua opinião necessitam de maior atenção da administração municipal, devendo ainda indicar 02 (duas) ações que considera prioritárias, nas áreas selecionadas.

Caso tenha sugestões adicionais, não contempladas nas opções disponíveis para seleção, o cidadão terá a oportunidade de registrá-las ao final do preenchimento do formulário.

Este canal de comunicação entre o poder público e a população visa tornar a administração pública municipal mais transparente, democrática e participativa. “Entendemos que este é o momento mais propício para a participação popular, pois é neste ano que a administração pública municipal tem a obrigação de elaborar todas as peças de planejamento, dentre elas o Plano Plurianual, que é a peça que norteará o planejamento orçamentário municipal para os próximos 4 anos, através da edição anual da LDO e da LOA”, explica o secretário da Fazenda, Orlando Schneider Vianna.

O objetivo desta ação, além de ampliar a participação de toda a população, é identificar as áreas prioritárias e aproveitar as sugestões para o aperfeiçoamento constante dos programas de governo possibilitando a construção de um orçamento voltado ao desenvolvimento social e econômico sustentável do município, proporcionando maior efetividade e dinamismo à gestão pública.

“Outro ponto positivo de realizar a audiência pública eletrônica nesta fase, é o tempo hábil para os órgãos técnicos e Administração avaliarem e decidirem quanto a viabilidade e possibilidade de inclusão das demandas no planejamento orçamentário”, conclui Vianna.

As demandas prioritárias identificadas nos canais disponíveis serão sempre submetidas primeiramente aos órgãos setoriais da administração municipal para análise técnica, o que envolve a verificação da pertinência, da validade/legalidade, da viabilidade e da oportunidade do seu acolhimento. Em seguida serão encaminhadas ao Chefe do Poder Executivo que poderá determinar a inclusão nas peças de planejamento, em função das diretrizes orçamentário-financeiras e de governo.

Importante frisar que as audiências públicas eletrônicas são instrumentos de consulta popular, sem caráter deliberativo, previstos na Lei de Responsabilidade Fiscal e na Lei de Diretrizes Orçamentárias, que permitem aos cidadãos manifestarem suas demandas e participar da elaboração das peças de planejamento (Plano Plurianual – PPA, Lei de Diretrizes Orçamentárias – LDO e Lei Orçamentária Anual – LOA).

Continue Lendo

Indaiatuba

NOTA 323 / COVID-19 / terça-feira, 09 de março de 2021

Publicado

em

Por

Foto: Divulgação

A Secretaria de Saúde de Indaiatuba informa hoje, 9 de março, o registro de mais uma morte com diagnóstico positivo para Covid-19. Além disso, foram contabilizadas 297 notificações suspeitas (entre hospitais, laboratórios particulares e unidades de saúde) e outros 11 casos positivos e 276 descartados.

O óbito aconteceu no Hospital Santa Ignês, sendo uma mulher de 69 anos, internada desde o dia 5 de fevereiro e faleceu hoje (9), tinha antecedentes de hipertensão. A administração municipal lamenta a morte e presta condolências aos familiares e amigos.

Desde o início da pandemia, 15.495 pessoas contraíram a doença no município. Desses, 15.051 são considerados curados ou estão em recuperação domiciliar; 369 evoluíram a óbito e 1.669 casos suspeitos aguardam resultados.

Na data de hoje há 100 internados, dos quais 75 estão confirmados para Covid-19. Do total, 60 estão em leitos clínicos e 40 em UTI (Unidade de Terapia Intensiva). A taxa de ocupação dos leitos é a seguinte:

Leitos Clínicos

Haoc: 100%

Santa Ignês: 60%

UTI

Haoc: 96%

Santa Ignês: 100%

*Externa: 100%

MINHA SAÚDE

Ao apresentar sintomas, o cidadão pode realizar o seu atendimento online, pelo MINHA SAÚDE COVID-19. O paciente responde questionário prévio e com a suspeita, encaminhado para médico de plantão, que realiza o atendimento por vídeo, sem sair da plataforma digital e encaminha para exame em uma Unidade de Saúde.

O link do serviço está no site da Prefeitura www.indaiatuba.sp.gov.br. Para outras dúvidas basta chamar no WhatsApp da Saúde (19) 9 9779-3856.

CUIDADOS

A Secretaria Municipal de Saúde reforça a necessidade de se manter os cuidados diariamente. Ao sair de casa use máscara e álcool em gel. Mantenha distanciamento social e evite aglomerações.

*Leitos externos contratados pelo município para atendimento SUS.

Continue Lendo

Indaiatuba

Vacinação contra a Covid-19 amplia para idosos a partir de 77 anos

Publicado

em

Por

Foto: Eliandro Figueira RIC/PMI

A Prefeitura de Indaiatuba por meio da Secretaria de Saúde amplia a vacinação contra a Covid-19 para idosos cadastrados no Minha Vacina a partir de 77 anos. A imunização será na quarta e quinta-feira (10 e 11) no CET (Centro Esportivo do Trabalhador) das 9h às 18h. Para os idosos com mais de 85 anos e profissionais de saúde que perderam a 2ª dose da vacina no dia de hoje (9), será feita também na quinta-feira (11) no mesmo local e horário. O município recebeu o 8º lote da Coronavac com mais 1.112 doses na tarde de hoje (9).

A vacinação será em sistema Drive-Thru com entrada pela Av. Tamandaré e também no formato tradicional (pedestre) com entrada pela Av. Conceição. A Secretaria de Saúde reforça que para ser imunizado a pessoa deve levar o QRcode do cadastro, um documento com foto e o comprovante de endereço (IPTU, conta de água ou luz) no nome da pessoa a ser vacinada ou se for parente levar um comprovante de parentesco. O idoso que ainda não possui o cadastro pode entrar no link https://vacinacao.indaiatuba.sp.gov.br/cadastro/ e efetuar o cadastro.

BALANÇO

Até sábado (6) Indaiatuba imunizou com a primeira dose: 5.918 trabalhadores de saúde; 4.994 idosos e 257 cuidadores e moradores de residência inclusiva. Com a segunda dose da Coronavac foram 4.075 trabalhadores de saúde; 676 idosos e 32 cuidadores e moradores de residência inclusiva. Na segunda-feira (8) foram imunizadas 1.356 pessoas com a 1ª dose.

SERVIÇO

Vacinação contra a Covid-19

1º dose

Idosos a partir de 77 anos

Dias 10 e 11 de março (4ª e 5ª-feira)

Local: CET (Centro Esportivo do Trabalhador)

Endereço: Av. Conceição, 1885 – Cidade Nova II,

Horário: 9h às 18h

2º dose

Idosos a partir de 85 anos e profissionais de saúde

Dia 11 de março

Local: CET (Centro Esportivo do Trabalhador)

Endereço: Av. Conceição, 1885 – Cidade Nova II,

Horário: 9h às 18h

Continue Lendo







Populares