Connect with us

Geral

V Festival de Música Contemporânea Brasileira divulga programação completa

Publicado

em

Em sua quinta edição, o Festival de Música Contemporânea Brasileira (FMCB) terá como palco de suas atividades a Unicamp, o Instituto CPFL e o Teatro Municipal José de Castro Mendes, no interior de São Paulo, em Campinas. O evento, que neste ano homenageia Egberto Gismonti e Marisa Rezende, dois grandes nomes da música contemporânea no Brasil, irá promover cinco dias de atividades gratuitas abertas ao público em geral.

Os concertos de abertura e encerramento terão participações especiais. A abertura será no dia 21 de março, no Instituto CPFL, com apresentação do Quarteto de Cordas de São Paulo, seguido de um bate papo com os homenageados: Egberto Gismonti e Marisa Rezende. Já o encerramento está agendado para o dia 24 de março, no Teatro José de Castro Mendes, com apresentação da Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas, uma das mais antigas do Brasil.

Os recitais comentados pelos próprios homenageados serão realizados nos dias 22 e 23 de março, sempre às 20h30, também no Teatro Municipal José de Castro Mendes. Estas atividades são oportunidades de ouvir Egberto Gismonti e Mariza Rezende falarem pessoalmente sobre suas obras, são momentos de grande aprendizado sobre o processo criativo dos compositores e uma oportunidade única de proximidade com estes mestres da música.

No Instituto de Artes da Unicamp são realizadas principalmente as mesas redondas e atividades relacionadas às pesquisas acadêmicas, com apresentação dos projetos selecionados pelo Comitê Científico. Ao todo, foram selecionados 13 projetos, com comunicações orais e apresentações artísticas voltadas às obras dos homenageados.  Além disso, o FMCBl realiza todos os anos uma Mostra Musical Beneficente, uma intervenção musical junto aos pacientes do Centro Infantil Boldrini, com atividades de musicoterapia como forma de auxiliar o tratamento de saúde por meio da música.

FMCB

Com uma estrutura inovadora unindo pesquisa e performance, o festival se tornou um dos eventos culturais mais importantes da cidade de Campinas, reunindo músicos de todo o Brasil e do exterior em homenagem à música contemporânea brasileira em produção atual no país. Na edição de 2017 participaram 26 universidades, 240 cidades representadas e mais de 500 mil pessoas alcançadas, presencialmente, online ou pelas redes sociais.

Destaque no cenário musical nacional pelo ineditismo de sua estrutura, o FMCB proporciona uma visão global da obra dos homenageados por meio de apresentações e oportunidade de contato com estes compositores que além de estarem presentes durante todo o evento, também apresentam suas próprias obras, detalhes e curiosidades de sua criação, inspirando outros músicos e trocando experiência.

Confira a programação completa:

Mostra Musical Beneficente no Centro Infantil Boldrini
20 de março de 2018
10h00
Centro Infantil Boldrini
Atividades de musicoterapia com Junior Cadima

Abertura

21 de março de 2018
20h00
Instituto CPFL

Bate-papo com Egberto Gismonti e Marisa Rezende

Concerto de Abertura
Quarteto Radamés Gnatalli & Convidados

Homenagem a Egberto Gismonti

22 de março de 2018

10h00 às 17h00: Auditório do Instituto de Artes, Unicamp
20h00: Teatro Municipal de Campinas José de Castro Mendes

Comunicações Orais

10h00: A sonoridade de Egberto Gismonti no início de sua trajetória (1969-1977)
Maria Beatriz Cyrino Moreira

10h30: Água e Vinho a velha mestra e o jovem poeta
Renato de Barros Pinto

11h00: Do ensaio ao palco: A “gramática” musical de Mário de Andrade em Egberto Gismonti
Renato de Sousa Porto Gilioli

11h30: Notas sobre a trajetória de Egberto Gismonti na ECM entre 1976 e 1995: interações, transculturalidade e identidade artística
Fabiano Araújo Costa

Mesa-Redonda

13h30
Estética musical e textura rítmica nas obras de Egberto Gismonti
Pesquisadores: Fausto Borém, Hemilson Garcia (Budi), Paulo Tiné

Apresentações artísticas

15h00: Egberto Gismonti para violão solo
Daniel Murray

15h30: O pensamento musical de Egberto Gismonti na obra 7 Anéis para piano
Marcelo Magalhães Pinto

16h00: O Brasil de Egberto Gismonti: peças para violão solo
Eddy Andrade da Silva

16h30: Egberto encontra Villa
Duo Gisbranco

Recital Comentado pelo compositor homenageado

20h00
Teatro Municipal de Campinas José de Castro Mendes
Egberto Gismonti & convidados
Comentários de Egberto Gismonti
Entrada Gratuita

Homenagem à Marisa Rezende

23 de Março de 2018

10h00 às 17h00: Auditório do Instituto de Artes, Unicamp
20h00: Teatro Municipal de Campinas José de Castro Mendes

Comunicações Orais

10h00: Ressonâncias e Miragem em casa e myths & visions: dois recitais de piano/performances interdisciplinares
Késia Decoté

10h30: Um olhar sobre a obra Recorrências de Marisa Rezende
Flávia Vieira

11h00: A Ginga de Marisa Rezende: processos composicionais em uma de suas obras para grupo de câmara.
Potiguara C. Menezes

11h30: Mutações e contrastes em duas peças para piano de Marisa Rezende
Tadeu Moraes Taffarello

Mesa-Redonda

13h30
Discurso musical e construção sonora nas obras de Marisa Rezende
Pesquisadores: Lidia Bazarian, Marcos Vinício Nogueira, Silvio Ferraz

Apresentações artísticas

15h00: Ponderações sobre a construção interpretativa da peça Contrastes de Marisa Rezende
Tatiana Dumas Macedo

15h30: O clarinete na obra camerística de Marisa Rezende
Ensemble Ricciardi

Recital Comentado pela compositora homenageada

20h00
Teatro Municipal de Campinas José de Castro Mendes
Quinteto Pierrot & Convidados
Comentários de Marisa Rezende
Entrada Gratuita

Concerto de Encerramento

24 de Março de 2018
20h00
Teatro Municipal de Campinas José de Castro Mendes
Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas
Maestro Victor Hugo Toro
Participação especial: Egberto Gismonti e Marisa Rezende

Serviço:

V Festival de Música Contemporânea Brasileira
Data: de 20 a 24 de março de 2018

Geral

Pedreira do Chapadão terá Feira de Orquídeas e Suculentas

Publicado

em

Por

A Feira de Orquídeas e Suculentas terá mais uma edição no sábado, dia 6 de novembro, e domingo, 7 de novembro, das 9h às 17h, na Pedreira do Chapadão. A entrada será gratuita, com uso obrigatório de máscara de proteção. Não será permitida a entrada de animais.
O evento é uma realização da Sumaré Festivais com apoio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo de Campinas. Os visitantes encontrarão espécies e mudas de orquídeas da época como cattleyas, oncidium, cymbidium, laelia purpurata, sapatinho e também poderão adquirir plantas raras muito apreciadas por colecionadores. Outro destaque serão as plantas suculentas em vasos e terrários, que valorizam qualquer ambiente.
Profissionais estarão de plantão para dar dicas e tirar dúvidas sobre cultivo dessas plantas. O local possui um amplo estacionamento gratuito, área de alimentação e ampla área verde e de lazer.
Doações
No local, também haverá um ponto de arrecadação de alimento não perecível para doações. Os mantimentos serão encaminhados ao Banco de Alimentos do Ceasa Campinas e distribuídos às entidades assistenciaise famílias carentes do município.
Serviço
Feira de Orquídeas e Suculentas em Campinas
Local: Pedreira do Chapadão.
Endereço: R. Dr. Alcides Carvalho, s/n – Jardim Chapadão, Campinas – SP
Datas e horários: sábado, 6/11 e domingo, 7/11, das 9h às 17h.
Entrada: gratuita
Mais informações: telefone / whatsapp : (19) 99822-1001
Facebook: @festivaldeorauideas Instagram: /festival de orquideas

Continue Lendo

Geral

Servidores concluem curso sobre captação de recursos estaduais e federais

Publicado

em

Por

A Escola de Governo e Desenvolvimento do Servidor (EGDS) encerrou nesta quarta-feira, 27 de outubro, o curso Captação de Recursos e Planejamento Estratégico. Em sua 8ª edição, a capacitação, realizada em parceria com a Secretaria Municipal de Gestão e Controle, foi voltada para servidores da administração direta e indireta que trabalham com a área de convênios e captação de recursos.
Foram três aulas on-line ministradas no mês de outubro pelo diretor de Convênios da Secretaria de Gestão e Controle, Flávio Emílio Rabetti. Na área de captação de recursos, a capacitação abordou temas importantes, como políticas públicas, elaboração de propostas e acompanhamento de resultados. Já na parte de planejamento estratégico, as aulas se aprofundaram em assuntos como mapeamento organizacional, diagnóstico estratégico, janelas de oportunidade, análise dos riscos, plano de ação e análise dos resultados.
Contando com a participação de 45 servidores nesta edição, o curso é considerado essencial para a obtenção de melhores resultados. “Mais uma vez os servidores se mostraram interessados e focados na capacitação, o que se reflete nos procedimentos necessários à execução de políticas efetivas”, avaliou Flávio Rabetti. O diretor de Convênios também destacou a importância da parceria, neste projeto, com a Escola de Governo e Desenvolvimento do Servidor, órgão ligado à Secretaria Municipal de Gestão e Desenvolvimento de Pessoas.

Continue Lendo

Geral

Teletrabalho foi discutido em reunião do eixo temático nesta terça, 26/10

Publicado

em

Por

A Secretaria Municipal de Gestão e Desenvolvimento de Pessoas de Campinas realizou  nesta terça-feira, dia 26 de outubro, reunião para discutir o teletrabalho na Prefeitura. O debate reuniu os servidores que fazem parte do Eixo Temático “Melhoria e qualidade do ambiente de trabalho” e contou também com a presença de alguns integrantes do Grupo Intersetorial de Estudos de Teletrabalho.

 

“A reunião dos eixos internos da Secretaria, assim como a participação dos representantes do Grupo Intersetorial de Estudo, é um momento importante para os estudos e discussões sobre o teletrabalho, em especial no que diz respeito a sua aplicabilidade, sua efetividade, a economicidade e também a aferição da realização dessa modalidade de trabalho”, disse a secretária da Pasta, Eliane Jocelaine Pereira.

 

Os servidores que fazem parte deste grupo iniciaram os estudos e discussões sobre a possibilidade da implantação do teletrabalho na Administração Municipal, além de outros temas como sistema de transferência/permuta; horários de trabalho; comunicação integral; trabalho em equipe; e equidade nas relações de trabalho.

 

“Além do eixo discutido, temos outros três em andamento. Esses debates são muito importantes, porque vão subsidiar o planejamento estratégico da Prefeitura, a partir do qual serão definidas as ações voltadas para o funcionalismo nos próximos anos”, explicou Milena Ranzini, coordenadora de Apoio à Gestão e Projetos Integrados.

 

 

Os outros três eixos temáticos são: Eixo 2 – Melhoria dos processos de recrutamento e seleção; Eixo 3 – Melhoria dos processos de desenvolvimento humano; e Eixo 4 – Melhoria dos processos de desenvolvimento de carreira.

 

Com base em estudos técnico temáticos, os Grupos de Estudos Intersetoriais vão contribuir para a elaboração da Nova Política Municipal de Gestão e Desenvolvimento de Pessoas; no debate sobre a implementação do regime de teletrabalho permanente; e implantação das Políticas Afirmativas, que visam a inclusão, proteção, reconhecimento e estímulo dos servidores negros, indígenas, mulheres e pessoas com deficiência e LGBTQI.

 

EIXO 01. MELHORIA DA QUALIDADE DO AMBIENTE DE TRABALHO

Debater experiências que melhorem o ambiente de trabalho dos servidores públicos, proporcionando satisfação com a atividade laboral e atendendo às necessidades individuais e organizacionais.

 

EIXO 02. MELHORIA DOS PROCESSOS DE RECRUTAMENTO E SELEÇÃO

Neste eixo, o foco é identificar possibilidades de melhoria nos processos de ingresso no serviço público, de maneira geral, e para cargos de liderança.

 

EIXO 03. MELHORIA DOS PROCESSOS DE DESENVOLVIMENTO HUMANO

Debate focado no tema de formação, desenvolvimento e capacitação de servidores públicos.

 

EIXO 04. MELHORIA DOS PROCESSOS DE DESENVOLVIMENTO DE CARREIRA

Debater como melhorar os processos de desenvolvimento de carreira e evolução funcional dos servidores para aumentar o desempenho do setor público municipal e gerar eficácia na prestação de serviços, avaliando a possibilidade de adoção de processo de avaliação de competências que contribua para a formação do banco de talentos e formação de “banco de gestores”.

Continue Lendo

Populares