Connect with us

Geral

Saudável e gratuito, Verão Vivo é opção de lazer para o fim de semana

Published

on

O Verão Vivo é boa opção de lazer saudável para o fim de semana. Nesta sexta-feira, dia 29 de novembro, o Verão Vivo ocorre das 19h até as 22h. No sábado, dia 30, das 16h até as 21h. E no domingo, dia 1º de dezembro, das 7h até as 13h.

 

 

O Verão Vivo consiste na abertura da pista interna da Avenida Dr. Heitor Penteado, no entorno da Lagoa do Taquaral e da Praça Arautos da Paz, para atividades recreativas, como caminhadas, prática de exercícios físicos, ciclismo, passeios de skate ou patins, passeios em família e com animais de estimação. A pista interna da avenida fica fechada ao tráfego de veículos, em ação coordenada pela Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (Emdec).

 

 

A ciclofaixa de lazer Taquaral / Norte-Sul não estará em operação no domingo, dia 1º de dezembro, por conta da realização do 9º Passeio Ciclístico Band Campinas. O passeio tem traçado pelo percurso da ciclofaixa de lazer. Com largada a partir das 9h, em frente ao Ginásio de Esportes, o trajeto do passeio abrange o entorno da Lagoa do Taquaral e da Praça Arautos da Paz; e avenidas Júlio Prestes e José de Souza Campos (Norte-Sul).

 

 

Mas é possível andar de bicicleta com segurança nas ciclovias do município, implantadas em Barão Geraldo; nos canteiros centrais das avenidas Washington Luiz, Baden Powell, Theodureto de Almeida Camargo, Norte-Sul, Mackenzie (Isaura Roque Quércia); e nos três trechos no Distrito de Nova Aparecida.

 

 

Agentes da Mobilidade Urbana da Emdec acompanham a operação do Verão Vivo. É importante que os esportistas usem equipamentos de segurança. Dúvidas da população podem ser esclarecidas pelo telefone 118, o “Fale Conosco Emdec”.

 

Geral

Campinas dispersa 2.261 pessoas na 2ª noite da Operação Aglomeração Zero

Published

on

By

No segundo dia da Operação Aglomeração Zero em Campinas, entre a noite de sábado, 19/06, e a madrugada de domingo, 20/06, equipes de fiscalização da Prefeitura dispersaram 2.261 pessoas que se encontravam em situação de desobediência às medidas de distanciamento social e sem uso de máscaras, em festas e bares da cidade. Três estabelecimentos foram fechados e os proprietários de outros 136 foram orientados pelos fiscais.

 

Festa clandestina

 

A Guarda Municipal também autuou e multou o organizador de uma festa clandestina numa chácara no Jardim Novo Sol, no Distrito do Ouro Verde. A Guarda Municipal foi acionada por meio de uma denúncia anônima para verificar a ocorrência de aglomeração e desobediência às normas de distanciamento e de descumprimento das medidas sanitárias. Os agentes chegaram às 23h ao local, onde acontecia a festa com 150 pessoas sem máscaras e consumindo bebidas alcoólicas. O organizador foi multado em R4 18.943,00.

 

A Operação Aglomeração Zero teve início na sexta-feira, 18/06, em Campinas e visa evitar e dispersar qualquer agrupamento com 10 ou mais pessoas na cidade. É coordenada pela Secretaria de Cooperação nos Assuntos de Segurança Pública. O foco das ações são os locais com maior número de chamados de aglomerações, bairros com mais casos de Covid-19 e onde há mais denúncias pelo 156 e 153.

 

A medida amplia as iniciativas da Administração no combate à pandemia de Covid-19. Também para conter o avanço do coronavírus, a partir desta segunda-feira, 21/06, Campinas terá novo horário do Toque de Recolher, das 19h01 às 4h59. O consumo de bebidas alcoólicas em vias e espaços públicos e também em dependências de postos de combustíveis está proibido desde sábado.

 

Foragido e traficante preso

 

 

Também na noite de sábado, em ronda pela cidade, os agentes da Guarda Municipal desconfiaram das atitudes de um homem com uma bolsa a tiracolo. Ao sentir a aproximação dos agentes, o suspeito dispensou a bolsa e saiu correndo, mas foi alcançado e detido. Na bolsa foram encontrados vários pinos de crack. Conduzido ao Primeiro Distrito Policial apurou-se que o homem era foragido da Justiça.

Continue Reading

Geral

Campinas vacina 27.870 e alcança marca de 100 mil doses feitas em Dias D

Published

on

By

Campinas aplicou 27.870 doses de vacina contra a Covid-19 neste sábado, 19/06, no quarto Dia D contra a doença na cidade. Com o resultado de hoje, o município alcançou 100.104 doses aplicadas em quatro edições da estratégia. Também neste sábado foi a maior quantidade de doses aplicadas  em um único dia na cidade desde o início da campanha.

 

No primeiro Dia D, em 22 de maio, foram vacinadas 23.612 pessoas. Na segunda edição, 4 de junho, foram 23.104. Na terceira estratégia, em 12 de junho, foram aplicadas 25.518 doses de vacinas, até então o maior número de imunizados em um único dia.

 

Com os dados vacinais deste sábado, 457.778 pessoas já receberam a primeira dose contra a Covid em Campinas e 169.311 a segunda dose. No total, já foram aplicadas 627.089 doses desde o início da campanha, em janeiro, em residentes no município. Com isso, a cidade segue na liderança entre os municípios com mais de 500 mil habitantes que mais vacinaram no Estado de São Paulo.

 

A diretora da Secretaria de Saúde de Campinas, Deise Hadich, avaliou o Dia D como um sucesso. “Atingimos um recorde de vacinados, sem aglomeração, sem filas, sem espera, tudo com tranquilidade, as equipes de saúde com muita dedicação e excelente adesão da comunidade”, disse Deise.

 

A diretora de saúde alerta que cuidados básicos como uso de máscara, distanciamento social e higiene das mãos devem ser mantidos mesmo após a aplicação das duas doses do imunizante, uma vez que nenhuma vacina garante 100% de proteção contra a doença.

 

O agendamento da vacina contra a Covid para pessoas com mais de 50 anos e para aquelas incluídas em outros grupos prioritários segue aberto para a próxima semana em Campinas no site vacina.campinas.sp.gov.br

 

O Dia D é organizado pela Secretaria de Saúde em conjunto pelo Departamento de Vigilância em Saúde e Departamento de Saúde.  A Guarda Municipal dá apoio no transporte seguro das doses.

Continue Reading

Geral

Operação Aglomeração Zero verifica 139 comércios, fecha 20 e lacra dois

Published

on

By

Na primeira noite da Operação Aglomeração Zero em Campinas, entre as 21 horas da sexta-feira e as 5 horas da madrugada do sábado, a Prefeitura fiscalizou 139 estabelecimentos comerciais na cidade, fechou vinte e lacrou dois por não estarem cumprindo as medidas sanitárias e de isolamento social.

 

Durante as ações, 1.268 pessoas foram dispersadas e orientadas sobre as medidas sanitárias para a prevenção da Covid-19, como evitar aglomerações, usar máscaras e fazer constante higienização das mãos.

 

A Operação é coordenada pela Secretaria de Cooperação nos Assuntos de Segurança Pública e endurece ainda mais as medidas da Administração para dispersar agrupamentos de pessoas na cidade. O objetivo é conter a propagação do novo coronavírus.

 

Também durante a ação, as barreiras do Toque de Recolher abordaram 297 veículos e orientaram 403 pessoas a retornarem para suas casas. As equipes de fiscalização partiram de frente ao Estádio Moises Lucarelli, na Ponte Preta, e visaram prioritariamente os locais e estabelecimentos mapeados com histórico de desobediência às medidas prevenção e, como consequência, classificadas como atividades de maior contaminação pelo vírus.

 

A Operação Aglomeração Zero estenderá por todas as noites e madrugadas até pelo menos o final do mês de junho, como medida de combate a pandemia. A partir da próxima segunda feira (21/06) o Toque de Recolher passa a vigorar a partir das 19 horas, horário que os estabelecimentos comerciais não essenciais também devem encerrar as atividades. As denúncias pelo não cumprimento das medidas podem ser feitas pelo 156 e 153.

Continue Reading

Populares