Connect with us

Geral

Aeroporto de Viracopos coloca em operação mais quatro pontes de embarque

Publicado

em

O prefeito Dário Saadi participou da cerimônia para início da operação de mais quatro pontes de embarque e desembarque no Aeroporto Internacional de Viracopos, na manhã desta sexta-feira, 1º de julho. Com as novas pontes, duas para voos domésticos e duas híbridas (voos domésticos e internacionais), o aeroporto passa a contar com 28 pontes em funcionamento. 

 

“Para Campinas, o estado e o país, o Aeroporto de Viracopos é estratégico e fundamental como indutor de desenvolvimento, para a retomada do crescimento econômico. A ampliação garante o atendimento crescente de movimentação de passageiros. Nos cinco primeiros meses deste ano, a alta chegou a quase 30% em comparação com o mesmo período de 2021, quase 1 milhão de passageiros a mais”, disse o prefeito, Dário Saadi, que destacou a importância de manter a área do sítio aeroportuário, o que possibilita a expansão do aeroporto, essencial para consolidar e ampliar o potencial de Viracopos, no transporte de cargas e de passageiros. 

 

Nos cinco primeiros meses deste ano, o fluxo no Aeroporto de Viracopos foi de  4.610.388 passageiros. No mesmo período, em 2021, foi de 3.599.472. 

Publicidade

 

O secretário nacional de Aviação Civil, Ronei Saggioro Glanzmann, ressaltou a qualidade da gestão do Aeroporto de Viracopos. “Estamos voltando com tudo, gerando atividade econômica, bem-estar à sociedade, transporte de qualidade e colocando o Brasil como referência mundial em aviação civil”, disse. Ele ressaltou que o investimento total em obras foi de R$ 66 milhões, sendo R$ 50 milhões nas pontes e R$ 16 milhões na reforma da pista de pousos e decolagens. 

 

O presidente do Conselho de Administração da concessionária Aeroportos Brasil Viracopos, João Villar Garcia, lembrou dos esforços ao longo dos anos para viabilizar novos terminais e comemorou hoje o Aeroporto de Viracopos ser considerado o 10º melhor do mundo, segundo o ranking AirHelp Score 2022.

 

Publicidade

Também participaram os secretários municipais de Desenvolvimento Econômico, Adriana Flosi; e de Trabalho e Renda, Gustavo Tella; o presidente da Sanasa, Manuelito Magalhães Júnior; prefeitos da RMC; autoridades do Aeroporto Brasil Viracopos; do Governo Federal; da Polícia Federal, entre outros.       

Geral

Com A Vida Canta II, Coral de Jovens se apresenta no Bosque neste sábado

Publicado

em

Por

O Bosque dos Jequitibás recebe neste sábado, 13 de agosto, às 11h, a 2ª edição do coral de Jovens – A Vida Canta. A apresentação é gratuita e será em frente ao chafariz. A apresentação é acessível em libras e o local tem fácil acesso para cadeirantes, idosos ou pessoas com mobilidade reduzida. 

 

Esta será a primeira apresentação de três, ainda este ano. Serão cantadas as músicas: Joyful, Joyful; Kyrie (Missa Festiva); Benedictus; O Trenzinho do Caipira (Heitor Villa-Lobos), Anunciação (Alceu Valença), Trevo (Ana Vitória), Aquarela do Brasil (Ary Barroso) e Velha Infância (Tribalistas). 

 

O projeto a Vida Canta II oferece oficinas gratuitas de canto/coral a jovens adolescentes, de 13 a 18 anos, abordando principalmente a música erudita, além da folclórica e popular, preparando os alunos para apresentações públicas. Tem como objetivo fornecer para os jovens uma nova prática de atividade cultural, incentivando-os à vivência e formação musical, de uma forma transformadora e atrativa, utilizando o canto como um meio de expressar a arte, contribuindo com a qualidade de vida, podendo torná-los protagonistas de uma transformação pessoal, familiar e no local onde moram, demonstrando disciplina e trabalho em equipe, trabalhando um repertório variado de música popular, folclórica e principalmente erudita. 

Publicidade

 

 Visa também estimular a descoberta de novos talentos, ampliando o interesse dos mesmos pela arte, através do canto coral, podendo motivar novos participantes, reforçando a questão do protagonismo social e democratização cultural para o desenvolvimento dos jovens. 

 

É uma realização do Ministério do Turismo, Secretaria Especial da Cultura, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura. O maestro e regente é Rafael Leandro Gouveia, a preparadora vocal Thaís Costalonga, a pianista Natália Spostes, a coordenadora pedagógica Luciane Augusta, coordenação geral e produção executiva da Madia Produções, apoio da Associação Vida e Prefeitura de Campinas e patrocínio da Fertilizantes Heringer. 

 

Publicidade

Serviço

 

A Vida Canta II- Coral de Jovens

 

Dia: 13 de agosto 

Publicidade

 

Hora: às 11h 

 

Local: Bosque dos Jequitibás (em frente ao chafariz) na Rua Coronel Quirino, 2 – Bosque – Campinas/SP 

 

Publicidade

A entrada é gratuita. 

 

 

 

 

Publicidade

 

Continue Lendo

Geral

Mata de Santa Genebra está com inscrições abertas para Visita Autoguiada

Publicado

em

Por

A Fundação José Pedro de Oliveira (FJPO) está com inscrições abertas para a Visita Autoguiada pela Mata de Santa Genebra, projeto em os visitantes caminham sem o acompanhamento de um condutor por trilhas e roteiros pré-determinados. Monitores ficam à disposição para esclarecimento de dúvida na sede da fundação. O participante poderá permanecer na unidade de conservação por um período de duas horas. Os inscritos deverão assistir um vídeo explicativo sobre a atividade.

 

Os visitantes poderão fazer a caminhada para o Laguinho da Sanã e para a Trilha do Jatobá. A visita autoguiada é gratuita e recomendada para visitas individuais ou em pequenos grupos. As datas e horários disponíveis para visitação são sempre às quintas e sextas (manhã e tarde), e aos sábados (manhã). Para conferir, preencher o formulário e realizar as inscrições, é preciso entrar no link https://www.fjposantagenebra.sp.gov.br/visita-autoguiada. Deverá ser feita uma inscrição para cada participante, inclusive crianças. 

 

Para grupos com mais de 10 pessoas a FJPO orienta que se verifique a possibilidade de contratação de um condutor de visitantes no https://www.fjposantagenebra.sp.gov.br/visita-monitorada-para-grupos no projeto Visita Monitorada. As inscrições para visitas monitoradas gratuitas já estão com todas as vagas preenchidas para a atividade em 2022. 

Publicidade

 

O que levar e vestir

 

Para a proteção dos participantes, é necessário trajar calça comprida e calçado fechado, evitando acidentes com plantas e animais. Há muitos mosquitos no ambiente de floresta e portanto o uso de repelente para insetos é fundamental para aumentar o conforto na atividade. A atividade poderá ser cancelada em caso de chuva ou ventos fortes. Os visitantes deverão trazer garrafinha d’água que poderá ser reabastecida em no bebedouro da FJPO.

 

Publicidade

Roteiros

 

Caminhada para o Laguinho da Sanã

Extensão completa do roteiro: 1.600 m

Classificação: Leve

Publicidade

Duração aproximada do roteiro: 1h

O roteiro envolve uma caminhada agradável pela estrada que contorna a floresta.

O Laguinho da Sanã fica a 800m da sede da fundação e é um local propício para o avistamento de aves e contemplação da natureza. O local conta com uma pequena lagoa artificial e, nas épocas mais secas do ano, é possível ter acesso ao riacho.

Trilha do Jatobá

Extensão da Trilha do Jatobá: 500 m

Publicidade

Extensão completa do roteiro: 900 m

Classificação: Leve

Duração aproximada do roteiro: 30 min

O roteiro envolve caminhada em trilha e pela estrada que contorna a floresta. Durante a caminhada os visitantes poderão fazer paradas para contemplar o gigante Jatobá com quase 30 metros de altura.

 

Publicidade

Mais informações sobre as ações da Fundação José Pedro de Oliveira podem ser obtidas no site http://fjposantagenebra.sp.gov.br ou pelo e-mail contato.fundacao@fjposantagenebra.sp.gov.br . 

 

Sobre a Mata de Santa Genebra

 

A Mata de Santa Genebra é considerada a maior floresta urbana da Região Metropolitana de Campinas. A reserva ecológica possui 251,7 hectares de Mata Atlântica, totalizando um perímetro de nove quilômetros. É uma Unidade de Conservação Federal com grande diversidade de fauna e flora nativa. Caracteriza-se como um importante remanescente preservado em meio urbano, utilizado para educação, pesquisa e conscientização ambiental.

Publicidade
Continue Lendo

Geral

Agentes de Artes Visuais criam mapeamento para articular o setor

Publicado

em

Por

Será realizado até o dia 20 de agosto, sábado, o mapeamento de pessoas interessadas na área das Artes Visuais no município de Campinas. A iniciativa é do Segmento Temático das Artes Visuais, espaço de organização da sociedade civil interessada pelo tema dentro da Câmara Setorial das Artes, vinculada ao Conselho Municipal de Políticas Culturais de Campinas

 

A participação, online,  é voluntária, por meio de um formulário disponível na internet ( https://forms.gle/fxsN89s2S2s8uUH17 ). 

 

O interesse do grupo é o levantamento de dados a respeito da diversidade de artistas, pesquisadores, curadores, educadores e públicos das artes visuais em Campinas. São doze perguntas disponibilizadas buscando informações para georeferenciar os agentes nas diferentes regiões da cidade e também busca entender as práticas, principais atuações e locais de fruição artística das pessoas interessadas. 

Publicidade

 

O Segmento Temático como instância aberta para participação da sociedade conta com reuniões mensais para discutir temas pertinentes ao setor. O Conselho, por sua vez, é uma instância regulamentada, consultiva e deliberativa, que promove a mediação entre a sociedade civil e a Administração Pública no desenvolvimento de políticas para o setor. Desde a criação da Lei Municipal número 15.999, de 07 de Outubro de 2020, o Conselho passa a funcionar a partir de uma nova organização, mais descentralizada e participativa. 

Serviço

 

Mapeamento de Artes Visuais

Publicidade

 

De 15 de Junho à 20 de Agosto

 

Para participar acesse: https://forms.gle/fxsN89s2S2s8uUH17

 

Publicidade

Mais informações: https://www.instagram.com/segmento_artesvisuais_cps/

Continue Lendo

Populares