Connect with us

Geral

Secretaria de Habitação remove famílias situadas no traçado do BRT Campinas

Publicado

em

Técnicos da Coordenadoria Especial de Habitação Popular (Cehap), ligada à Secretaria Municipal de Habitação (Sehab), iniciaram, na manhã desta quinta-feira, 14 de setembro, a remoção de 18 famílias cujas casas estão situadas no traçado do futuro Bus Rapid Transit ou Ônibus de Trânsito Rápido (BRT) na Rua Francisco Elisiário, bairro Bonfim, perto da nova estação rodoviária.

De acordo com o coordenador setorial de Habitação Norte, Jair Perez Júnior, as famílias foram avisadas com antecedência, tomaram ciência do projeto e foram notificadas desde a segunda quinzena de julho. “Sobre a necessidade de desocuparem a área, os moradores estão cientes disso até porque fizemos diversas reuniões com eles que, inclusive, tiveram tempo suficiente para remover móveis e utensílios”, disse.

Segundo o coordenador da Cehap, Edison Cunha, nenhuma família vai ficar desamparada. “É importante destacar que nós estamos fazendo a remoção mas não estamos abandonando essas famílias. Todas foram incluídas no Auxílio Moradia”, afirmou.

O Benefício

Auxílio Moradia consiste numa ajuda de custo mensal, atualmente, no valor de R$ 558,00 como forma de auxílio a famílias atingidas por enchentes, ou removidas por habitarem local inadequado, ou ainda nos últimos anos, por conta do Processo de Regularização Fundiária ou de obras, como no caso do BRT.

Publicidade

Criado pela Lei Municipal 13.197/2007 e posteriormente alterado pela Lei Municipal 13.784/2010, o Auxílio Moradia é um benefício pago até que se efetive o reassentamento das famílias em unidades habitacionais construídas por meio dos programas habitacionais Minha Casa Minha Vida (PMCMV) e Casa Paulista. O benefício também pode ser estendido a beneficiários envolvidos em ações previstas no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

As famílias regularmente cadastradas têm direito de receber o benefício por até um ano, período este que poderá ser prorrogado, dependendo do caso. Os recursos que garantem os pagamentos são provenientes do Orçamento Municipal.

BRT

Os três corredores BRT do município – Campo Grande, Ouro Verde e Perimetral – terão custo total de R$ 451,5 milhões. Serão 36,6 km de corredores, com tempo previsto de três anos para a conclusão das obras.

No Campo Grande serão 17,9 km de extensão, saindo da região central, seguindo pelo leito desativado do antigo VLT (Veículo Leve sobre Trilhos), John Boyd Dunlop e chegando ao terminal Itajaí. Já no Ouro Verde serão 14,6 km de extensão, também saindo da região central, seguindo pela Avenida João Jorge, Avenida das Amoreiras, Avenida Ruy Rodriguez, Avenida Camucim até o Terminal Vida Nova.

Publicidade

Entre eles haverá um corredor perimetral com 4,1 km de extensão, ligando a Vila Aurocan ao Campos Elíseos, seguindo pelo leito desativado do VLT.

O BRT deve reduzir, de acordo com o projeto, o tempo de viagem entre bairros periféricos e a região central em até 25%.

Geral

Saúde realiza ação educativa contra febre maculosa nesta quinta-feira, 19

Publicado

em

Por

A Secretaria de Saúde realiza na próxima quinta-feira, 19 de maio, mais uma ação educativa sobre a febre maculosa no Parque Linear José Mingone, no Jardim Capivari, região Sudoeste da cidade.

Durante os eventos, as pessoas que estiverem no parque serão abordadas por profissionais de saúde para receber orientações sobre a doença (cuidados, sintomas, transmissão etc).

No dia 26 deste mês, uma nova ação está prevista no mesmo local.

Na segunda-feira, 16 de maio, foi confirmada a primeira morte por febre maculosa em Campinas em 2022. A vítima é um homem de 18 anos, que apresentou sintomas em 20 de abril e morreu no dia 24 do mesmo mês. O local provável de infecção fica na região Norte. Este também é o primeiro caso da doença confirmado este ano na cidade.

Em 2021, foram registrados 11 casos e cinco mortes. Em 2020, foram sete casos e cinco óbitos.

Publicidade

Cuidados

A febre maculosa é uma infecção grave, causada por uma bactéria e transmitida pelo carrapato conhecido como estrela.

Pessoas que residam, trabalhem ou tenham frequentando durante outras atividades, como lazer, áreas com vegetação, mata e próximos a rios, lagos e lagoas, devem ficar atentas aos sintomas da doença, que são febre, dor de cabeça, dor intensa no corpo, mal-estar generalizado, náuseas, vômitos e, em alguns casos, manchas vermelhas pelo corpo.

Ao apresentar um destes sinais, a pessoa deve procurar o serviço de saúde o mais rápido possível e descrever os sintomas e informar que teve contato com o carrapato e/ou esteve com locais de risco, pois os indicativos podem ser confundidos com outras doenças, como dengue, viroses respiratórias, entre outras.

Não existe vacina contra a febre maculosa e não é possível eliminar totalmente o carrapato. A doença tem cura, mas o tratamento com antibióticos apropriados deve ser iniciado precocemente.

Publicidade
Continue Lendo

Geral

Com umidade baixa, Campinas entra em Estado de Atenção

Publicado

em

Por

O município de Campinas está em Estado de Atenção pela baixa Umidade Relativa do Ar (URA). Às 12h40 desta terça-feira, dia 17 de maio, o índice atingiu 28%, conforme boletim emitido pelo Departamento de Defesa Civil do município, a partir de dado recebido da Estação Ciiagro/IAC Campinas Região Norte, responsável pela medição.

 

O Estado de Atenção é decretado quando a umidade relativa do ar registra índice entre 20% e 30%. Nesse caso, a principal recomendação é consumir muita água e ter cuidado especial com crianças e idosos.

 

Também é aconselhado que a população evite exercícios físicos ao ar livre, entre 11h e 15h, e mantenha os ambientes umidificados com vaporizadores, toalhas molhadas ou recipientes com água.

Publicidade

 

É sugerido, ainda, aguar os jardins e, sempre que possível, permanecer em locais protegidos do sol, em áreas vegetadas. Outra orientação é evitar queimadas que, além de proibidas por lei, prejudicam o meio ambiente e a saúde.

 

 

 

Publicidade

 

 

 

Continue Lendo

Geral

Prefeitura abre agendamento para castração gratuita no Jardim São José

Publicado

em

Por

A Prefeitura de Campinas realiza o agendamento para a castração gratuita de cães e gatos nesta terça e quarta-feira, 17 e 18 de maio, para tutores de animais que sejam moradores do Jardim São José, localizado na região Sul de Campinas. Os agendamentos devem ser feitos presencialmente, das 9h às 16h, no Centro Esportivo Educacional São José, na Rua Rodolfo Panoni, altura do número 57. São disponibilizadas 1.000 vagas. 

 

As castrações ocorrerão na semana que vai de segunda-feira, 30 de maio, até sexta-feira, 3 de junho. Os procedimentos serão realizadas no Castramóvel – ônibus adaptado que realiza as cirurgias em ação que percorre os bairros do município. 

 

Para realizar o agendamento, é preciso ser maior de 18 anos, levar comprovante de endereço no nome do solicitante e documentos pessoais.

Publicidade

 

A castração evita fugas, agressividade, marcação de território, tumores, infecções, ninhadas indesejadas e, por consequência, o abandono de filhotes, de acordo com o diretor do Departamento de Proteção e Bem-Estar Animal (PBEA), Vagner Bellini. “É uma decisão muito importante para a saúde dos cães e dos gatos, garante melhor qualidade de vida e longevidade para os bichos”, explica.

 

O serviço é uma realização do DPBEA, órgão da Secretaria Municipal do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (SVDS). Novas ações como esta ocorrerão em outras regiões da cidade durante o ano. A Prefeitura realizou 4.600 castrações gratuitas até o mês de abril deste ano e estão previstas mais 1.600 castrações para o mês de maio de 2022.

 

Publicidade

 

Continue Lendo

Populares