Connect with us

Geral

Confira o funcionamento dos serviços no feriado de Finados em Campinas

Published

on

A Prefeitura de Campinas terá um esquema especial de plantão para os serviços essenciais para garantir atendimento emergencial no próximo sábado, dia 2 de novembro, em função do feriado do Dia de Finados.

Confira os serviços e como será o funcionamento no feriado:

 

 

Defesa Civil – Atendimento 24h, com chamadas pelo telefone 199. 

 

Guarda Municipal – A guarnição manterá a rotina de trabalho, com funcionamento 24 horas. O serviço poderá ser acionado pelo Disque Guarda Municipal, o 153. 

 

Disque Cimcamp – Atendimento 24 horas pelo telefone 153.

 

Sanasa/Água e esgoto – O expediente administrativo fica suspenso no sábado, no entanto, uma equipe permanece de plantão para execução de reparos emergenciais. O serviço de atendimento ao cliente funcionará pelos telefones 3735-5000 / 0800 7721195. 

 

Mercado Municipal – Abre no sábado, das 7h às 13h. 

 

Cemitérios Municipais – Abrem em horário especial no Dia de Finados: das 6h às 19h.

 

Bosques – A Lagoa do Taquaral e o Bosque dos Jequitibás abrirão normalmente, das 5h às 22h e das 6h às 19h, respectivamente. 

 

Torre do Castelo – A Torre do Castelo vai funcionar das 9h até a meia-noite no sábado, excepcionalmente, em função da Festa de Haloween. 

 

Sistema de Atendimento 156 – Não funciona neste próximo no sábado. O atendimento retorna na segunda, dia 4 de novembro, às 7h. 

 

Limpeza Urbana – Haverá coleta de lixo normalmente. Mas a varrição manual será feita em sistema de plantão. 

 

Sistema Público de Saúde – Os prontos-socorros dos hospitais Mário Gatti e Ouro Verde e as Unindades de Pronto Atendimento (UPA) Padre Anchieta, Campo Grande e São José atendem normalmente, assim como o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), que recebe chamadas por meio do telefone 192. 

 

Os Centros de Saúde permanecem fechados no sábado 2 de novembro e retomam atendimento em seus horários normais na segunda-feira. 

 

Centro Público de Apoio ao Trabalhador (CPAT) – As unidades Centro, Ouro Verde e Campo Grande não vão funcionar no sábado de Finados. Retomam o atendimento ao público na segunda-feira, dia 4 de novembro, em seus horários habituais.

 

Feiras – As feiras do Largo do Pará, Boa Vista, Padre Anchieta, Praça da Concórdia e Lagoa Mingone funcionam normalmente durante o feriado. 

 

Ceasa Campinas – A área administrativa retoma o trabalho somente na segunda-feira, às 8h. O Mercado de Hortifrútis e o Mercado de Flores, Plantas e Acessórios funcionarão normalmente no sábado do feriado. O Banco de Alimentos, o Departamento de Alimentação Escolar e o Instituto de Solidariedade para Programas de Alimentação (ISA), seguirão o horário da área administrativa.

 

Confira o horários: o Mercado de Hortifrutigranjeiros funciona às segundas, quartas e sextas-feiras, das 4h às 13h; terças e quintas-feiras, das 7h às 16h; sábados, das 7h às 11h. Mercado de Flores e Plantas, de segundas e quintas-feiras, das 6h às 12h, para cadastrados, e segundas e quintas-feiras, das 12h às 16h30 para o público geral; sábados, das 8h às 13h. O Varejão da Ceasa, a Feira de Orgânicos da Ceasa e a Feira de Artesanato da Ceasa, ocorrem aos sábados, das 8h às 13h.

 

 

Trânsito e transporte coletivo – A Emdec mantém os serviços essenciais e de emergência em atividade no Dia de Finados. As equipes de trânsito e transporte, a operação nos terminais urbanos, equipes semafóricas e de sinalização e a operação na Divisão de Controle Operacional atuam normalmente.

A população pode realizar solicitações pelo telefone 118, o “Fale Conosco Emdec”. Também de forma remota, na seção “Fale Conosco”, no endereço eletrônico www.emdec.com.br.

 

PAI-Serviço – Os agendamentos do PAI-Serviço não serão alterados pelo feriado. O transporte previamente agendado para a data operará normalmente. 

O PAI-Serviço também atende pelo número 118, na opção 1.

 

 

Poupatempo – O posto da Emdec no Poupatempo Campinas Shopping segue o procedimento adotado pelo órgão e fecha no sábado. A reabertura será na segunda-feira, dia 4 de novembro. O Disque Poupatempo atende pelo número 0800 772 3633.

 

Não haverá alteração nos serviços presenciais de atendimento ao público, na sede da Emdec e nas unidades do Agiliza Campinas, que já funcionam apenas de segunda a sexta-feira. 

 

Procon – Fechado no sábado do feriado. Os atendimentos no 151, no Procon Móvel, bem como nas unidades de atendimento do Agiliza e sede Administrativa encerram o expediente na sexta e voltam na segunda-feira, dia 4 de novembro. As unidades que atendem no Poupatempo do Campinas Shopping e do Centro/Poupatempo também ficam fechados no sábado do Feriado de Finados e retomam na segunda. O Procon Digital receberá o registro de reclamações via Internet, no www.procon.campinas.sp.gov.br, normalmente durante o feriado.

Geral

Lei complementar vai impulsionar economia em regiões da cidade

Published

on

By

O prefeito Dário Saadi sancionou lei complementar que permitirá a instalação de 2.375 atividades comerciais nas vias coletoras da Zona Mista 1 (ZM1), onde estão bairros como Campo Grande, Ouro Verde, Taquaral, Amarais, Vila Brandina, entre outros. 

 

 

 

A lei está publicada na edição desta terça-feira, 15 de junho, no Diário Oficial do Município. A nova legislação altera a lei de uso e ocupação do solo, de 2018, e impulsionará o desenvolvimento econômico de regiões da ZM1.

 

 

 

Atividades como supermercados, padarias, clínicas, que até agora só eram permitidas nas vias arteriais (avenidas), poderão ser instaladas também nas ruas que levam o tráfego para as avenidas. 

 

 

 

Com a sanção da lei, atividades de comércio varejista, serviços e institucionais de média incomodidade e de comércio atacadista de baixa incomodidade, que estavam instaladas irregularmente nas vias coletoras da ZM1, também poderão ser regularizadas. 

 

 

 

A mudança na lei de uso e ocupação do solo foi precedida de duas importantes alterações no regramento de classificação de atividades e de vias de Campinas.

 

 

 

Uma delas foi a atualização da Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE), utilizada para regrar quais atividades são exercidas por uma empresa e seu grau de incomodidade no território.  É com base nessa classificação que a Prefeitura define os locais em que as empresas podem ser instaladas na cidade, uma vez que os CNAEs estão atrelados ao zoneamento. A última atualização havia ocorrido em 2019. 

 

 

 

Outra alteração ocorreu em março, quando a Seplurb definiu a nova classificação para 1.651 vias na cidade, entre vias de trânsito rápido, arteriais e coletoras. Todas as demais permaneceram como vias de trânsito local. É também como base na hierarquização das vias que o zoneamento de Campinas estabelece onde os usos habitacionais, comerciais, industriais e de serviços podem ser instalados na cidade.

 

 

 

A lei publicada hoje no Diário Oficial estabelece que novos empreendimentos, parcelamento do solo e glebas em processo de cadastramento em toda a cidade deverão ter calçadas com cinco metros de largura nas vias arteriais, de quatro metros nas coletoras, e de três metros nas vias locais. A definição dessas metragens permite arborização e sinalização de paradas de ônibus, por exemplo, sem prejuízo da circulação de pedestre.

Continue Reading

Geral

Aberto cadastro para doses sobrantes de vacina a partir de 40 anos

Published

on

By

A Secretaria de Saúde de Campinas abriu cadastro nesta terça-feira, 15 de junho, para pessoas a partir de 40 anos receberem as doses que sobram da vacina contra a Covid-19. A medida pretende evitar a perda de doses e ocorre perto do horário do fim dos atendimentos apenas quando há frasco (multidoses) de imunizante já aberto com sobra de vacina. O cadastro pode ser feito pelo link https://vacina.campinas.sp.gov.br/gestao-doses-sobrantes. 

 

É necessário informar um telefone válido para a convocação.  

 

Ao ser chamada, a pessoa precisa chegar ao local escolhido no ato do cadastro em, no máximo, 20 minutos após o contato. Para ser vacinado, é preciso apresentar documento com foto e comprovante de endereço em Campinas em nome do interessado. Se convocado, terá que assinar o Termo de Ciência e Aceite de que está recebendo dose que sobrou. 

 

Os interessados que já fizeram cadastro permanecem na lista de espera por ordem de inscrição, incluindo os interessados com 18 anos ou mais.

 

A Pasta esclarece que são poucos os dias em que há sobras. Quando isso ocorre, podem ser frascos com apenas uma dose ou um pouco mais.  

 

Vale ressaltar que o cadastro não é um agendamento com garantia de que será convocado. 

Continue Reading

Geral

Associações do Terceiro Setor de Campinas recebem R$ 1,450 milhão do Fiec

Published

on

By

Associações do Terceiro Setor do município foram contempladas nesta sexta feira, dia 11  de junho, pela Secretaria de Esportes e Lazer de Campinas,  com verba de aproximadamente R$ 1,450 milhão do Fundo de Investimentos Esportivo de Campinas (Fiec) .

 

 

 

O repasse do Fiec é destinado à todas as associações  que trabalham com  fomentos de projetos esportivos e paradesportivo. Esses recursos irão auxiliar o Terceiro Setor em várias ações destinadas a formação, massificação e alto rendimento nas mais variadas modalidades.

 

 

 

O Fundo Fiec é fruto da Lei Municipal 12.352/2005 criada para incrementar as agremiações e ao mesmo tempo aproximar a população de projetos esportivos que contribuem na formação e na qualidade de vida das pessoas. A cada ano amplia sua abrangência e proporciona um crescimento significativo no número de participantes.

 

 

 

Para o secretário de Esportes e Lazer, Fernando Vanin, o projeto ganha robustez a cada ano. “É motivo de enorme satisfação esta pareceria que temos com as associações esportivas. O  nosso grande objetivo é o trabalho sério realizado pelas partes, que beneficia a população”, afirmou o secretário.

 

 

 

A verba repassada é fundamental para a continuidade e criação de novos projetos. O presidente e professor da associação campineira de judô, Claúdio Tateama, ressalta o significativo apoio que recebe do Fiec: “É um recurso importante porque nos permite trabalhar com planejamento. A ideia é crescer, ter espaço e cuidar do desenvolvimento de todos. O esporte é um agente transformador”, concluiu Tateama.

Continue Reading

Populares