Geral

Motocicletas com mais de R$ 30 mil em multas são apreendidas em duas blitze

Em duas operações de fiscalização promovidas pela Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (Emdec) e pela Guarda Municipal (GM), no Centro e na região dos Amarais, foram apreendidas motocicletas com débitos somados de mais de R$ 30 mil em multas. As blitze ocorreram na avenida José Nicolau Ludgero Maselli, na segunda-feira 8 de abril, e na avenida Cônego Antônio Roccato nesta terça-feira, dia 9. Ao todo, foram 109 autuações e 29 remoções ao Pátio Municipal. 

Na região central, na avenida Ludgero Maselli, a blitz foi realizada próximo à rua Cônego Cipião, resultando em 64 autuações, aplicadas a 61 motocicletas e três carros. Dezessete motocicletas foram apreendidas ao Pátio Municipal, duas delas com débitos de R$ 24 mil e R$ 5,6 mil em multas.

Nos Amarais, na avenida Cônego Antônio Rocatto (sentido centro-bairro), próximo à Etecap, foram registradas 45 autuações, aplicadas a 42 motocicletas e três carros. Onze motocicletas e um automóvel foram removidos ao Pátio Municipal. No histórico de uma das motos, débitos de R$ 3,2 mil em multas.

Nas duas operações, foram abordados 131 veículos – 115 motocicletas e 16 automóveis. Vinte motocicletas, 10 em cada blitz, foram removidas por apresentaram irregularidades no escapamento, não sanadas no local. Com foco na segurança, a GM abordou 140 homens e 14 mulheres.

“Esse trabalho de fiscalização foi intensificado a partir da ampliação, por legislação, das competências da Emdec e da Guarda Municipal. O objetivo principal é educar a população, principalmente motociclistas, para que circulem de acordo com a regulamentação, com cautela e segurança. Inclusive, em algumas situações, como no caso de irregularidades no escapamento, é possível solucionar as situações no local”, destaca o coordenador de Fiscalização e Operação de Trânsito, Marcelo Carpenter.

Agilidade

Nas operações realizadas nesta semana, os agentes da Emdec passaram a utilizar tablets, que permitem o registro instantâneo dos dados coletados – número de autuações, veículos abordados, remoções, etc.

O equipamento elimina a necessidade de migração dos dados em papel para planilhas e possibilita a geração de relatórios estatísticos.  Além disso, os dados podem ser transmitidos em tempo real e armazenados em nuvem.

40 operações em 2024

Entre janeiro e abril de 2024, a Emdec já promoveu 40 operações conjuntas de fiscalização, que resultaram em mais de 1,3 mil atuações e mais de 300 remoções ao Pátio, todas integradas com as forças de segurança – Guarda Municipal, Polícias Civil e Militar.

A fiscalização é uma das ações previstas no Plano de Segurança Viária, lançado em fevereiro. A Emdec intensificou as operações conjuntas com base na Lei 14.599/2023, que ampliou as competências dos órgãos municipais no que se refere à fiscalização de trânsito. Desde então, os agentes da Mobilidade Urbana podem fiscalizar diversos enquadramentos do Código de Trânsito Brasileiro, entre eles o estado de conservação dos veículos e a documentação.

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS
Compartilhar no Facebook

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor desabilite o AdBlock