Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Vigilância Sanitária definirá medidas de segurança para academias

O Departamento de Vigilância em Saúde (Devisa), por meio da Vigilância Sanitária, vai publicar, nos próximos dias, no site da Secretaria de Saúde, um documento voltado para academias, principalmente as que oferecem aulas de natação e hidroginástica. A medida foi desencadeada depois de um acidente com a mistura de substâncias químicas em um estabelecimento de Campinas.
O objetivo é destacar a importância da regularização sanitária, da segurança no manuseio e abrigo de produtos utilizados no tratamento de água de piscina, a qualificação de fornecedores, entre outros pontos.
O documento também será divulgado em um encontro com profissionais da área, em data ainda a ser definida. A expectativa é que seja no início de 2019.
Na tarde desta quarta-feira, 5 de dezembro, o secretário municipal de Esportes, Dário Saadi, a diretora do Devisa, Andrea von Zuben, a coordenadora da Vigilância Sanitária, Ana Laura Tosi Zanatto Bortolli, o diretor da Associação Brasileira das Academias (Acad), Ailton Mendes da Silva, e o representante de Campinas da Acad, Carlos Eduardo Mazzucco Fontes, se reuniram para esclarecer algumas dúvidas do segmento.
A reunião foi muito importante neste momento em que a Vigilância Sanitária está elaborando o documento sobre o assunto. Os representantes da Acad nos procuraram e a disposição da entidade no sentido de difundir as boas práticas no segmento é um avanço”, afirmou Saadi. Ele ainda ressaltou que o documento e o encontro de 2019 também serão importantes para a Pasta, já que há 17 piscinas públicas em Campinas.
A parceria entre as secretarias de Saúde e de Esportes em prol da regularização e melhoria das boas práticas das academias será muito importante para aumentar a qualidade dos serviços prestados neste segmento”, disse Andrea.