Connect with us

Geral

Via no Núcleo Residencial Boa Vista 4 recebe pavimentação

Publicado

em

A Rua Oswaldo Bittencourt Neto, no Núcleo Residencial Boa Vista 4, região Norte, está recebendo pavimentação e a instalação de guias e sarjetas. O trabalho, que está sendo feito pela equipe da Secretaria de Serviços Públicos em parceria com a Secretaria de Habitação, começou há uma semana e está sendo finalizado nesta sexta-feira, 19 de fevereiro.

A via, que era de terra, tem 100 metros de extensão, recebeu 200 metros de guias e sarjetas (100 metros de cada lado) e asfalto. Foram utilizadas 85 toneladas de massa asfáltica e 34 toneladas de concreto. O restante do bairro já era pavimentado.

A mão de obra e o maquinário são da Secretaria de Serviços Públicos e a aquisição do material foi pela Secretaria de Habitação, por meio do Fundap (Fundo de Apoio à População de Sub-habitação Urbana).

Geral

GM e PM trabalharão juntas para evitar aglomerações em Campinas

Publicado

em

Por

A Guarda Municipal de Campinas e o 47º Batalhão da Polícia Militar vão somar esforços para realizar ações preventivas visando conter aglomerações em praças e vias públicas. O trabalho conjunto começa neste sábado. O esquema foi acertado em reunião na tarde de ontem, quarta-feira, dia 3, entre o comando das duas forças de segurança.
Os locais onde vão ocorrer as ações preventivas já foram mapeados pela Guarda Municipal em patrulhamentos anteriores, e identificados pelo Serviço de Inteligência da GM. São praças e ruas que costumam ter reunião de pessoas todo final de semana.
A ideia é intensificar o patrulhamento e colocar viaturas para monitorar as áreas e impedir a formação de fluxo de pessoas. “Vamos otimizar o efetivo e ampliar o patrulhamento, trabalhando juntos, para cobrir mais pontos da cidade. Nossa intenção é agir de forma preventiva, inibindo a formação das aglomerações nas praças”, informou o Secretário de Cooperação nos Assuntos de Segurança Pública de Campinas, Christiano Biggi.
Além da aglomeração, que pode causar propagação do coronavírus, os frequentadores destes locais fazem manobras perigosas com motocicletas. Os veículos são irregulares e de leilão. “Tanto a GM quanto a PM também vão agir para reprimir este tipo de atitude. As manobras dos motoqueiros podem causar acidentes e machucar as pessoas”, disse o secretário.
A GM e a PM vão, ainda, compartilhar informações dos serviços de inteligência. O Serviço de Inteligência da GM vem monitorando redes sociais para identificar possíveis festas clandestinas e essas informações também serão compartilhadas e embasarão as ações.

Continue Lendo

Geral

Foram registradas mais nove mortes pela Covid-19, Campinas soma 1.914

Publicado

em

Por

A Secretaria Municipal de Saúde registrou mais 36 casos de Covid-19 em Campinas nesta quinta-feira, dia 5 de março. O sistema do Ministério da Saúde está fora do ar, comprometendo a notificação de casos. Agora são 70.795 na cidade.

Foram registradas mais nove mortes pela Covid-19, que agora somam 1.914. Desses nove óbitos, cinco eram homens e quatro mulheres. Apenas uma pessoa não tinha doenças preexistentes.

Vítimas

Das nove mortes, seis tinham mais de 60 anos.
– Homem de 56 anos. Tinha comorbidades. Morreu no dia 2 de março.
– Mulher de 68 anos. Tinha comorbidades. Morreu dia 2 de março.
– Mulher de 70 anos. Tinha comorbidades. Morreu no dia 2 de março.
– Homem de 68 anos. Tinha comorbidades. Morreu no dia 3 de março.
– Homem de 81 anos. Tinha comorbidades. Morreu no dia 15 de janeiro.
– Homem de 75 anos Tinha comorbidades. Morreu no dia 18 de fevereiro.
– Homem de 76 anos. Tinha comorbidades. Morreu no dia 19 de fevereiro.
– Mulher de 57 anos. Tinha comorbidades. Morreu no dia 25 de fevereiro.
– Mulher de 56 anos. Não tinha comorbidades. Morreu no dia 28 de fevereiro.

Vacinação

A vacinação contra o novo coronavírus prossegue em Campinas. Já foram aplicadas 67.534 primeiras doses e 30.596 segundas doses, segundo mais recente levantamento da Secretaria Municipal de Saúde.

Continue Lendo

Geral

Gripário do Hospital Metropolitano já está recebendo pacientes

Publicado

em

Por

O Hospital Metropolitano, mais uma unidade de saúde que reforçará o combate à pandemia do novo coronavírus em Campinas, começou a funcionar às 15h desta quinta-feira, dia 4 de março. Até as 17h, havia recebido 15 pacientes. A unidade permanecerá aberta também durante a noite. Nos próximos dias, dez leitos de UTI e 20 de enfermaria Covid serão abertos no Metropolitano, que desde terça-feira está sob gestão da Rede Mário Gatti.
A área farmacêutica e sete leitos exclusivos para esse atendimento já estão estruturados nesse novo espaço. A rede de gases também já foi revisada. Os primeiros pacientes a serem atendidos no Metropolitano foram transferidos do gripário, que atualmente funciona no Ambulatório do Hospital Mário Gatti .
Com isso, os pacientes que procurarem o ambulatório a partir de agora serão direcionados para o Metropolitano. O gripário é um espaço exclusivo para o atendimento de pessoas com sintomas gripais, funciona como um pronto-socorro e a demanda é espontânea.
Atualmente, o gripário está atendendo entre 120 e 140 pessoas por dia (contra até 100 pessoas/dia em fevereiro) e já terá imediatamente sete leitos de observação, o que não havia no espaço antigo. Alguns pontos importantes diferenciam o novo espaço para atender o aumento da procura: a estrutura oferece mais recursos e conforto aos usuários e profissionais. Um grande reforço, a partir de agora, é que o espaço também contará com 12 pontos de oxigenoterapia, que substituem os antigos cilindros.
A equipe conta com médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem e poderá ser reforçada conforme necessidade. Todo o gerenciamento da unidade – após a incorporação pela Prefeitura Municipal de Campinas – ficará a cargo da Rede Mário Gatti, incluindo a estrutura física, remanejamentos ou contratações emergenciais.

Continue Lendo









<





Populares