Connect with us

Passeios & Viagens

Turismo em Brotas tem programação extensa para temporada de inverno

Publicado

em

Apesar de conhecida nacionalmente pelos esportes de aventura, a cidade de Brotas, a apenas 240 km da capital, reserva várias atrações para turistas que buscam um refúgio tranquilo nesta temporada de inverno. O Hotel Fazenda & Ecoturismo Areia que Canta, por exemplo, reúne em mais de 300 hectares de área verde, a serenidade da vida no campo, estrutura completa e confortável de hospedagem, gastronomia de qualidade e muitas atrações para diversão em família.

Conhecido por abrigar a nascente “Areia que Canta”, um famoso ponto turístico de Brotas, o hotel estimula a interação com a natureza e o resgate das tradições culturais do interior. Ao mesmo tempo, investe sempre em novidades para surpreender os hóspedes e visitantes. Este ano, além dos circuitos de ecoturismo disponíveis, que incluem o “Circuito das Águas”, “Circuito das Frutas e Relaxamento”, “Circuito de bicicleta”, “Birdwatching – Observação de Pássaros” e “Cavalgada na Fazenda”, o sítio turístico apresenta o “Circuito Fazendinha”, que permite a interação com os animais do campo, respeitando seu bem estar e o dia a dia da fazenda. Fazendo jus ao termo ‘Hotel Fazenda’, a Areia que Canta oferece ainda uma série de atividades culturais ligadas à vida no campo: passeio de trator, a cavalo ou de charrete; ordenha; moagem de cana para fazer garapa; colheita de frutas no pomar; visita à horta orgânica e até mesmo aulas de culinária, usando os ingredientes locais. Os monitores estimulam e propõem atividades para que crianças e famílias brinquem juntas, mas, na temporada de férias, a brinquedoteca recebe reforço na monitoria, para que os pais também possam aproveitar a folga e curtir momentos de descanso a sós.

Atrações para os dias frios

As temperaturas mais baixas no inverno não atrapalham a programação. Pelo contrário, o hotel prepara opções especiais para esta época. O clima de festa junina se prolonga durante todo o mês de julho, especialmente nos sábados à noite, com música ao vivo, fogueira e quentão. No restaurante, o fogão à lenha garante um ambiente quentinho, charmoso e aconchegante para aproveitar todas as refeições, com receitas tradicionais do interior paulista, doces caseiros e verduras saídas da própria horta orgânica da fazenda. As diárias incluem pensão completa e mais um ‘detalhe’ especial: um café da tarde caprichado, no fogão à lenha, cortesia para todos os hóspedes.

Programação especial para agosto

Durante o mês de agosto, o Hotel Fazenda & Ecoturismo Areia que Canta segue com programação especial. No dia 08, os pais comemoram seu dia em grande estilo. Aqueles que se hospedarem acompanhados de mais um adulto e filhos ganham a diária de presente. Os pais visitantes que optarem pelo esquema de day use no domingo para almoçar no Restaurante Areia que Canta ganham como cortesia o passeio à nascente. Para visitantes, recomenda-se o agendamento prévio pelo telefone ou e-mail.

A nascente Areia que Canta deu origem ao nome do hotel. Nela, a água que brota da terra forma uma piscina natural de 10m de diâmetro e águas límpidas, que se misturam a uma areia muito branca e fina, de quartzo puro. Quando as partículas de quartzo entram em atrito com o esfregar das mãos, por sua forma arredondada, produzem um som parecido com o de cuíca, por isso o nome “Areia que Canta”.

Outra atração especial para os visitantes de Brotas em agosto é o festival gastronômico da cidade. De 13 a 15 de agosto, acontece a 4ª edição do “Brotas Gourmet”, que apresentará nesse ano o tema “Receitas Recheadas de Lembranças”. O restaurante Areia que Canta, que funciona dentro do hotel, participa desde a 1ª edição do Brotas Gourmet. Para os hóspedes não ficarem de fora desse grande evento da cidade, e terem a chance de provar os pratos especiais, quem estiver hospedado no hotel no dia 13, abertura do festival, ganha um passaporte para o evento.

Para fechar o mês de agosto, comemora-se o Dia do Folclore, no dia 22. A data foi criada para valorizar as histórias e personagens do folclore brasileiro. Acostumado a valorizar e comemorar tradições nacionais, o hotel vai organizar oficinas especiais para resgatar as brincadeiras folclóricas, como jogos de peteca, brincadeiras de roda e oficinas de pipa para encerrar o mês.


Pacotes

As diárias para o mês de julho no Hotel Fazenda & Ecoturismo Areia que Canta variam de R$708,00 (apartamentos Ipê e Flamboyant, para duas pessoas) a R$1.597,00 (apartamento para 05 pessoas), incluindo pensão completa. Já estão disponíveis também os pacotes para o mês de agosto. As diárias com pensão completa variam de R$582,00 (apartamentos Ipê e Flamboyant, para duas pessoas) a R$1.358,00 (apartamento para 05 pessoas). O hotel tem preço diferenciado para crianças de 06 a 11 anos e oferece, para crianças de até 05 anos acompanhadas por dois adultos, uma cortesia por apartamento.

Serviço:

Hotel Fazenda e Ecoturismo Areia que Canta
Rodovia Paulo Nilo Romano, KM 124,5 – Brotas/SP
As diárias têm início às 17h e se encerram às 14h.
Taxas opcionais: 5% de serviço e R$ 2,00 taxa de turismo por dia
Informações: (14) 3653-1382 / areiaquecanta@areiaquecanta.com.br

Passeios & Viagens

São José da Lapa será a sede do maior parque aquático de Minas Gerais

Publicado

em

Por

Cidade da Região Metropolitana de Belo Horizonte, distante apenas 28 km da capital mineira, foi escolhida para receber o Aquabeat, que deve ser inaugurado no final de 2022, com piscina de ondas dupla, rio lento, toboáguas e várias outras atrações

Conhecida pela mineração de calcário, a cidade de São José da Lapa começa a ser projetada nacionalmente como um destino turístico concorrido na Região Metropolitana de Belo Horizonte. O município, que fica a apenas 28 Km da capital mineira e 10 minutos do Aeroporto Internacional de Confins, foi o local escolhido para sediar o Aquabeat, que será o maior parque aquático do estado, com piscina de ondas dupla, rio lento, toboáguas de adrenalina, áreas infantis, quiosques, restaurantes, choperias e várias outras atrações.

O empreendimento, criado pelos mesmos construtores do parque aquático Minas Beach, em Raul Soares, interior de Minas Gerais, ocupará um terreno de 87 mil m² e, ainda na fase de construção, deve gerar mais de 400 empregos diretos e indiretos. As obras serão iniciadas ainda no mês de março em uma área às margens do Km 18 da rodovia MG-424, o que facilitará o acesso de visitantes oriundos de Belo Horizonte ou do Aeroporto Internacional de Confins.

De acordo com Tassar Neto, sócio do empreendimento, o local escolhido para a construção do parque não foi por acaso. “É uma localidade rica em água, ao lado de um parque ecológico e possui posição geográfica privilegiada, além da proximidade do aeroporto. A região possui clima tropical com temperaturas altas a maior parte do ano, dispondo também de belezas naturais únicas na região. São José da Lapa ainda conta com infraestrutura de excelentes rodovias pavimentadas e sem problemas de tráfego”, explica.

Prefeito comemora

Os sócios da iniciativa afirmam que a prioridade para o preenchimento das vagas para trabalhar no estabelecimento é para os habitantes de São José da Lapa, o que é motivo de comemoração para o prefeito Diego Álvaro dos Santos (Avante). “A cidade
fica muito satisfeita por receber um empreendimento como o Aquabeat, que envolve turismo, lazer, desenvolvimento econômico e, acima de tudo, criação de emprego e renda para o nosso município”, conta o chefe do executivo.

De acordo com o prefeito de São José da Lapa, a instalação do empreendimento, que tem a expectativa de receber quase 500 mil pessoas por ano, ajudará a desenvolver um setor até então não explorado pela cidade. “O nosso município está dentro da região calcária, que desenvolve atividades relacionadas aos segmentos cimenteiro e de calcinação e, junto a isso, aos serviços relacionados. Agora, passaremos a ser um polo turístico, a partir do indutor econômico que vai ser o Aquabeat, que não ficará restrito ao parque, mas impactará também na rede hoteleira, restaurantes e outros negócios que se beneficiem do turismo. E isso ajuda no crescimento da economia da cidade como um todo”, destaca Diego Álvaro do Santos (Avante).

Oportunidade

O empreendimento disponibilizou três mil títulos para os chamados sócios fundadores, que são os primeiros clientes adquirir o direito de usufruir da estrutura do parque aquático. Posteriormente, o documento poderá ser vendido para qualquer outra pessoa, o que pode se tornar uma oportunidade para investidores.

Mais informações, imagens aéreas do terreno e vídeos com a projeção de como será o empreendimento podem ser acessados pelo site www.aquabeat.com.br.

Continue Lendo

Passeios & Viagens

O que fazer em Ilhéus na Bahia?

Publicado

em

Por

Você sabe o que fazer em Ilhéus/BA quando for visitar esta cidade incrível? Assim como fizemos no texto sobre Itacaré, daremos dicas de praias, quiosques e locais interessantes para conhecer.

São pouco mais de duas horas de voo caso saia do Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo. Importante se programar e comprar a passagem com, pelo menos, um mês de antecedência. Após isso, os valores vão aumentando gradativamente.

  • PRAIAS, QUIOSQUES E VENDEDORES AMBULANTES

A Praia dos Milionários é parada obrigatória para quem quer aproveitar o mar – que tem a temperatura ideal! É bem verdade que nos dias em que estive por lá, as ondas estavam agitadas e precisava de cuidado redobrado. Há uma grande quantidade de salva-vidas.

Quiosques como a Cabana Gabriela e a Narigas são mais conhecidas e, por consequência, mais movimentadas. Há uma grande variedade de porções, pratos para almoço, drinks e bebidas não alcoólicas.

Mas se sua ideia é menos agitação, a Cabana do Papai pode ser boa pedida, já que também conta com cardápio variado e menos aglomeração. Aliás, há certos pontos em que não há este tipo de comércio e diversos banhistas colocam seus guarda-sóis e passam o dia desta forma.

E quanto aos vendedores ambulantes, prepare-se para encontrar todo tipo de abordagem e produto. Mas até isso se transforma num charme da região e a maioria são educados e pouco evasivos.

  • OPÇÕES PARA ALIMENTAÇÃO

Fizemos um roteiro bem variado no que diz respeito ao cardápio fora dos quiosques.

  • Cabana da Empada: com opções de sucos, empadas, almoço e doces. O valor é justo e o ambiente agradável e super arejado.
  • Pizzaria Pinocchio: tem um dos melhores custos benefícios da região. O cliente pode escolher entre rodízio de massas (R$ 33,00 por pessoa) ou a la carte.
  • Kintal Pub Burger Artesanal: boa música ao vivo e um local menos badalado – para quem procura sossego. Ótimas opções de drinks e porções. Apenas o hambúrguer estava mais salgado do que deveria.
  • BurguerStock: este foi no Delivery e nos deliciamos! Com um combo que vale a pena, minha sugestão é que se deliciem com o Woodstock e o Yellow Submarine!

Se tiver tempo, passe pelo centro histórico e pela Casa de Cultura Jorge Amado e ponte Jorge Amado, só para citar alguns!

E agora, ficou mais fácil de saber o que fazer em Ilhéus? Comente com a gente!

Continue Lendo

Passeios & Viagens

O que fazer em Itacaré na Bahia?

Publicado

em

Por

Você conhece ou sabe o que fazer em Itacaré/BA? Se a resposta for não, fique tranquilo! Daremos algumas dicas a respeito desta cidade!

Desci no Aeroporto Jorge Amado, em Ilhéus, alugamos um carro por lá e rumamos para nosso destino.

Saímos por volta das 8 da manhã e, logo no início, paramos na Fábrica Chocolate Caseiro Ilhéus e fizemos umas compras (R$ 23,00 cada 100g de chocolate). Em períodos fora da pandemia, pode-se visitar alguns pontos da fábrica e acompanhar o processo de feitura dos produtos.

A estrada é relativamente boa, com muitas paisagens e um mirante no meio do caminho.

No mirante, você estaciona o carro por R$ 10,00 e fica a vontade para tirar quantas fotos quiser – além de haver um estabelecimento onde paga-se R$ 20,00 e o valor se transforma em consumação.

Foram cerca de uma hora e meia até a Pousada Vira Canoa. Um espaço bem cuidado e cheio de vida, com valores acessíveis (pensando no grau de conforto e beleza). Além de um quarto ótimo, bar, piscina e hidromassagem, nosso pacote ainda incluía café da manhã.

O centro conta com uma infinidade de restaurantes e outros estabelecimentos – com uma vida noturna agitada, pelo menos ao que parece.

Dentre os restaurantes, conhecemos o Manga Rosa e o Núúh!! Bistrô. Dois estilos completamente diferentes de cardápio, mas que provam o cuidado e o carinho deles para com os clientes.

Mas você deve estar se perguntando… E as praias, hein?!

  • PRAIA DA CONCHA

Talvez a mais conhecida e centralizada, conta com algumas opções de Cabanas para se estabelecer enquanto curte um sol e, porque não, pede porções e faz refeições completas.

O visual tem um farol que deixa a experiência ainda mais incrível. Há quem se aventura para chegar até esta construção, mas prepare-se, pois precisará passar por diversas pedras e um caminho um tanto tortuoso.

  • PRAIA DO RESENDE

Do centro até este “Caminho das Praias” pode-se ir andando. A entrada da Praia do Resende te dá às boas vindas e prepara para toda a beleza da região. A faixa de areia não é muito grande e algumas piscinas naturais se formam, devido a grande quantidade de pedras que há no local e a força da maré.

Alugue guarda sol e cadeiras para o dia todo por R$ 20,00. Preço muito interessante e justo.

  • PRAIA DA TIRIRICA

Praia com maior faixa de areia e, também, mais frequentada que a do Resende, a Tiririca, além de exuberante, te dá a opção de caminhar pelas pedras, passar por outra pequenina praia e para chegar a nossa última parada.

  • PRAIA DO RESENDE

Água deliciosa para banho e mar agitado (por isso, cuidado), boa estrutura do quiosque e visual de encher os olhos. Para os mais radicais, pode-se fazer tirolesa e passar por cima de toda extensão de areia.

Os valores de aperitivos, refrigerantes e outros produtos, variam pouco de um local para outro. Portanto, o ideal é encontrar a praia que mais te agrade e se fixar para passar um dia inesquecível.

E você, já foi para lá? Quais outras dicas você daria para: o que fazer em Itacaré/BA

Continue Lendo







Populares