Connect with us

Geral

SP reverte decisão judicial e mantém volta às aulas presenciais para 8 de fevereiro

Publicado

em

O Governo do Estado reverteu a decisão judicial que suspendia o retorno das aulas presenciais para o dia 8 de fevereiro. A decisão foi proferida nesta sexta-feira (29) pelo Presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo, Geraldo Francisco Pinheiro Franco.

Com isso, as 5,1 mil escolas da rede estadual ficam autorizadas a iniciar o ano letivo a partir do dia 8, enquanto que unidades particulares e municipais podem retomar antes.

A Secretaria de Estado da Educação argumentou que cerca de 1,7 mil escolas estaduais em 314 municípios retomaram atividades presenciais em São Paulo desde setembro de 2020, sendo 800 na capital. Não houve nenhum registro de transmissão de coronavírus dentro dessas unidades até o momento.

Para garantir a segurança na retomada, o Estado distribuiu insumos destinados a estudantes e servidores, como 12 milhões de máscaras de tecido, mais de 440 mil protetores faciais de acrílico), 10.740 termômetros a laser, 10 mil totens de álcool em gel, 221 mil litros de sabonete líquido, 78 milhões de copos descartáveis, 112 mil litros de álcool em gel, 100 milhões de rolos de papel toalha e 1,8 milhão de rolos de papel higiênico.

Merenda

A partir de segunda (1), as escolas estaduais estarão abertas para ofertar merenda aos estudantes que se cadastraram previamente. Todos os 3,3 milhões de alunos da rede estadual poderão se alimentar nos dias de aulas presenciais. Para os 770 mil mais vulneráveis, a merenda será servida diariamente.

Retorno regional

O retorno ocorrerá de forma regionalizada, de acordo com os Departamentos Regionais da Saúde e segundo critérios de segurança estabelecidos pelo Centro de Contingência do coronavírus.

A decisão para manter escolas abertas em todas as fase do Plano São Paulo é baseada em experiências internacionais e nacionais e visa garantir a segurança dos alunos e professores, bem como o desenvolvimento cognitivo e socioemocional das crianças e adolescentes.

Se uma área estiver nas fases vermelha ou laranja do plano, as escolas da educação básica, que atendem alunos da educação infantil até o ensino médio, poderão receber diariamente até 35% dos alunos matriculados. Na fase amarela, elas ficam autorizadas a atender até 70% dos estudantes; e, na fase verde, até 100%. Os protocolos sanitários devem ser cumpridos em todas as etapas.

Em 2020, as 5,1 mil escolas estaduais também receberam R$ 700 milhões pelo Programa Dinheiro Direto na Escola de SP. A verba foi destinada para manutenção e conservação das unidades para a volta segura das aulas presenciais. Outros R$ 700 milhões já foram liberados para os preparativos do ano letivo de 2021.

Veja o despacho completo do TJ-SP que permite o retorno às aulas presenciais.

Geral

Unicamp e Santander criam hub para inovação e geração de tecnologias no Instituto de Computação

Publicado

em

Por

Uma parceria entre Unicamp e o Santander Universidades estabeleceu um hub de inovação no Instituto de Computação (IC) da Universidade, cujo espaço físico foi inaugurado nesta quarta-feira (24).

A parceria tem como objetivo o fomento da inovação e o desenvolvimento de tecnologias digitais e conta com R$2,5 milhões de investimento do Santander em bolsas de mestrado e doutorado. Serão estimuladas pesquisas em áreas como inteligência artificial, aprendizado de máquinas e internet das coisas.

O investimento inicial será utilizado para financiar nove bolsas de mestrado e oito de doutorado. O espaço do hub, conforme pontua o diretor do IC, Anderson de Rezende Rocha, funcionará como um laboratório onde pesquisadores possam desenvolver seus estudos. “Nosso objetivo é desenvolver pesquisa de ponta que leve à inovação e à geração de conhecimento e que ao mesmo tempo tratem problemas de interesse do parceiro”, afirma.

Para ele, a parceria tem um grande potencial, tende a ser duradoura e trará benefícios tanto para a Universidade como para o Santander. “Para o IC, a parceria permite trabalhar em problemas em sintonia com a indústria, que são de interesse no momento e que podem gerar impacto direto, social e econômico, para a população. Para o parceiro, eles terão um contato direto com a academia e com a Universidade, onde há pesquisadores de ponta trabalhando em problemas que podem se converter em soluções importantes para serem aplicadas no dia-a-dia”, avalia.

Outra frente de desenvolvimento do hub está voltada para a troca de conhecimento e de experiências entre ambas as partes. Serão oferecidos regularmente workshops entre profissionais do Santander, alunos e pesquisadores da Unicamp. Também estão previstos eventos de recrutamento, feiras e hackathons [maratonas de programação].

Continue Lendo

Geral

Temporais são esperados entre quarta e quinta-feira (24 e 25/02)

Publicado

em

Por

O Cepagri (Centro de Pesquisas Meteorológicas e Climáticas Aplicadas à Agricultura), da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas), divulgou boletim, afirmando que, “devido ao calor, podem ocorrer temporais localizados”, na região, entre esta quarta e quinta-feira (24 e 25/02).

Para minimizar o efeito das chuvas e tempestades, nesta época do ano, o Governo do Estado de São Paulo, realiza a “Operação Verão” 2020/2021. A iniciativa prevê a formulação tanto de planos preventivos, realizados durante todo o ano, quanto de contingência, feitos em conjunto com outros órgãos municipais e contando com a participação da sociedade. 

A operação começou oficialmente em dezembro e vai até, pelo menos, o final de março de 2021, podendo ser prorrogada, se necessário, por razões climáticas. Uma orientação importante, vinda da Defesa Civil municipal, para evitar acidentes, é que a população limpe as canaletas de vielas e descarte corretamente os resíduos, orgânicos e recicláveis, nos equipamentos disponibilizados pela Prefeitura, seja por meio da coleta porta a porta de material orgânico, seja por meio da coleta seletiva via PEVs (Pontos de Entrega Voluntária de Entulho e outros Materiais Recicláveis) e LEVs (Locais de Entrega Voluntária de recicláveis). O descarte incorreto de garrafas pet, objetos plásticos e de material orgânico, em tempos de chuvas de verão, típica deste período, contribui para a obstrução de canaletas e bueiros, provocando alagamentos.

Confira abaixo as dicas da Defesa Civil de como se comportar durante os temporais, seja em casa, seja em espaços públicos.

Saiba o que fazer, quando:

1) há previsão de chuvas fortes:

– Verificar as condições de conservação das paredes e do madeiramento do telhado.

– Desligar os aparelhos eletrônicos e a chave geral de energia;

– Em locais de alagamento brusco, evitar caminhar, trafegar com bicicleta ou outro veículo, pois pode haver buracos, formação de enxurrada e outros riscos. Recomenda-se aguardar em local alto e seguro até a chuva passar.

2) Se está dentro do carro, durante chuva forte:

– Caso esteja em local seguro e ocorram chuvas fortes na cidade, não se aventure a enfrentar alagamentos, pois os riscos são muito grandes.

– Não feche cruzamentos e facilite a passagem de veículos de socorro.

– Quando possível, evite dirigir sob fortes chuvas. Pare em local seguro e espere a chuva passar. O mais importante é manter sempre a calma. Assim você consegue ajudar a si e a outras pessoas.

3) há ocorrência de raios:

Cuidados fora de casa:

– Abrigue-se em uma casa, edifício;

– Caso esteja em um veículo, não saia. Feche os vidros e não encoste nas parte metálicas;

– Evite lugares abertos, como estacionamentos, praias, campos de futebol, etc;

–  Se estiver no mar, rio, lago ou piscina, saia imediatamente;

– Mantenha distância de objetos altos e isolados, como árvores, postes, quiosques, caixas d’água, etc;

– Afaste-se de objetos metálicos grandes e expostos, como tratores, escadas, cercas de arame, etc;

– Evitar jogar bola, nadar e fazer exercícios em locais abertos, onde há risco de ser atingido por raio; 

– Evite soltar pipas e não carregue objetos, como canos e varas de pesca;

– Evite andar de bicicleta, motocicleta ou a cavalo;

– Se não houver nenhum abrigo por perto, fique agachado com os pés juntos até a tempestade passar. Não deite no chão.

Cuidados em casa:

– Afaste-se de aparelhos e objetos ligados à rede elétrica, como televisores, geladeiras e fogões;

– Afaste-se de janelas, tomadas, torneiras, canos elétricos e evite tomar banho.

Continue Lendo

Geral

Campinas tem 88,42% dos leitos de UTI-Covid ocupados nesta quarta, 24

Publicado

em

Por

Campinas conta nesta quarta-feira, 24/02, com 285 leitos de UTI exclusivos para pacientes com Covid-19 nas redes pública e particular. Deste total, 252 estão ocupados, o que corresponde a 88,42%. Há 33 leitos livres somando as redes pública e particular.

Os leitos estão divididos da seguinte forma:

SUS Municipal: 118 leitos, dos quais 115 estão ocupados, o que equivale a 97,46%. Há 3 leitos livres.

SUS Estadual: 30 leitos, dos quais 22 estão ocupados, o que corresponde a 73,33%. Há 8 leitos livres.

Particular: 137 leitos, dos quais 115 estão ocupados, o que equivale a 83,94%. Há 22 leitos livres.

Continue Lendo









<





Populares