Connect with us

Geral

Shopping Dom Pedro inaugura mais de 10 novas lojas com a chegada do final de ano

Published

on

O Shopping Dom Pedro , dando sequência à qualificação de seu mix de lojas, anuncia a chegada de mais de 10 operações até o final do ano, além da expansão da Livraria Leitura. As novidades, algumas inéditas, trazem novas experiências de consumo ao empreendimento, que vai além de um centro de compras, mas um lugar de convivência e conveniência.

Com as futuras inaugurações, o shopping chega ao final de 2019 com 10% de renovação de suas lojas (400 operações) e 98,5% de taxa de ocupação da Área Bruta Locável (127,3 m²), consolidando seu modelo de negócio diferenciado, que busca atrair investimentos que reforçam o mix de produtos e serviços com marcas exclusivas e inéditas.

O crescimento relevante de público, levou a Livraria Leitura, a primeira da rede em Campinas, a virar referência com destaques para as áreas de livraria, quadrinhos, volta às aulas e eventos. Para atender melhor e se manter como ponto de encontro para um público altamente qualificado, a loja passou por uma expansão e agora ocupa cerca de 1.800 m², distribuídos em 2 pisos, com entrada no Anel de Águas, e com previsão de inauguração de sua cafeteria no 1º semestre de 2020.

A Alameda Parque D. Pedro, que vem atraindo grandes marcas como a Daiso Japan e a Mega Store da Caca Show, traz a inédita Iron Studio, onde os amantes da cultura pop poderão conferir super-heróis e vilões da Disney/MarvelComic, DC Comics e muitos outros produtos e atrações inspiradas em quadrinhos, cinema e séries. A Iron Studios é a primeira empresa brasileira a desenvolver e produzir produtos licenciados, 100% feitos de colecionadores para colecionadores, cada vez mais exigentes e atentos aos mínimos detalhes. Assim como acontece em São Paulo, exposições temáticas prometem atrair fãs de toda a região.

“A Alameda Parque D. Pedro vem ganhando operações com foco na experiência, o que contribui para elevar ainda mais a qualificação do seu mix de 36 lojas, agregando valor ao empreendimento e contribuindo para o aumento do fluxo”, diz Rodrigo Galo, superintendente do Parque D, Pedro Shopping. Segundo ele, só este ano a circulação de pessoas teve um aumento de 6% em relação ao ano passado. Quem passar pelo local ainda pode conferir o Mestre Cervejeiro (cervejas artesanais) e a Nero (gelatos).

Outro nome exclusivo na Alameda é a B.LEM Padaria Portuguesa, ampliando as opções gastronômicas que o shopping oferece ao público, entre elas um espaço gourmet com o melhor da culinária brasileira e internacional, Praça de Alimentação com 1.844 lugares e restaurantes renomados nas principais entradas do empreendimento. A padaria, como já diz o nome, é um verdadeiro passeio gastronômico por Portugal, reunindo delícias como o Pão de Deus, Bola de Berlim, Pão Alentejano e irresistíveis doces, como Ovos Moles e o tradicional Pastel de Nata.

Para os amantes de churrasco, o Matuto, previsto para inaugurar em novembro, na Entrada de Colinas, oferece a opção de rodízio de carnes nobres em uma arquitetura moderna, espaço reservado para reuniões corporativas e área kids, com monitores em tempo integral. No cardápio, cortes tradicionais como cupim e picanha grill, que resgatam as origens interioranas da empresa campineira, ao lado das sofisticadas paleta e carré de cordeiro, entre outros.

No segmento beleza, a Natura Cosmésticos inaugura em novembro, em Colinas, seu novo conceito de loja, que valoriza a jornada do consumidor através de atendimento personalizado e ilhas de experimentação (perfumaria, corpo e make), além do uso da tecnologia que permite efetuar o pagamento da compra por sistema mobile. Na moda e acessórios a Capodarte (Árvores) e a Jorge Bischoff (Flores) se juntam a recém-inaugurada Loja 18 (Árvores).

A CASA&VIDEO, uma das maiores redes de varejo do Rio de Janeiro, escolheu o Parque D. Pedro para continuar seu plano de expansão pelo Sudeste do País. Com mais de 100 unidades, a loja traz uma diversidade de produtos na linha de smartphones, eletroportáteis, utilidades domésticas, ferramentas, organizadores e brinquedos. Com previsão da inauguração para dezembro, a loja ficará próxima ao cinema.

“O segundo semestre começou com muitas novidades no centro de compras, que segue investindo para oferecer um mix cada vez mais completo e exclusivo para o público de Campinas e região”, diz o superintendente, lembrando que neste período a Decathlon abriu suas portas com foco principal na alta demanda de praticantes de fitness, corrida e montanhismo.

Sobre o Parque D. Pedro Shopping

Inaugurado em março de 2002, o Parque D. Pedro é o mais completo centro de compras, lazer, entretenimento, gastronomia e serviços do Interior de São Paulo. Tem 127,3 mil m² de Área Bruta Locável (ABL) que concentra 395 operações, entre elas 32 lojas âncoras, 21 bares e restaurantes, 38 lojas de fast food, complexo de cinema com 15 salas (incluindo uma sala IMAX),  buffet infantil, centro de convenções e 8 mil vagas de estacionamento. Anualmente recebe 18,1 milhões de visitantes.

Referência em sustentabilidade no setor foi o primeiro a receber certificação ambiental (ISO 14001), adota desde sua construção políticas de preservação do meio ambiente, saúde e segurança ocupacional. Atento às principais tendências de comportamento e consumo investe na interação digital com seus clientes. Entre as iniciativas lançadas estão o aplicativo do Parque D. Pedro, o Chega de Fila, Consultor WhatsApp , #CompraJunto e o marketplace.

Endereço: Av. Guilherme Campos, 500 – Campinas – SP

Informações: 4003-7740

Geral

Associações do Terceiro Setor de Campinas recebem R$ 1,450 milhão do Fiec

Published

on

By

Associações do Terceiro Setor do município foram contempladas nesta sexta feira, dia 11  de junho, pela Secretaria de Esportes e Lazer de Campinas,  com verba de aproximadamente R$ 1,450 milhão do Fundo de Investimentos Esportivo de Campinas (Fiec) .

 

 

 

O repasse do Fiec é destinado à todas as associações  que trabalham com  fomentos de projetos esportivos e paradesportivo. Esses recursos irão auxiliar o Terceiro Setor em várias ações destinadas a formação, massificação e alto rendimento nas mais variadas modalidades.

 

 

 

O Fundo Fiec é fruto da Lei Municipal 12.352/2005 criada para incrementar as agremiações e ao mesmo tempo aproximar a população de projetos esportivos que contribuem na formação e na qualidade de vida das pessoas. A cada ano amplia sua abrangência e proporciona um crescimento significativo no número de participantes.

 

 

 

Para o secretário de Esportes e Lazer, Fernando Vanin, o projeto ganha robustez a cada ano. “É motivo de enorme satisfação esta pareceria que temos com as associações esportivas. O  nosso grande objetivo é o trabalho sério realizado pelas partes, que beneficia a população”, afirmou o secretário.

 

 

 

A verba repassada é fundamental para a continuidade e criação de novos projetos. O presidente e professor da associação campineira de judô, Claúdio Tateama, ressalta o significativo apoio que recebe do Fiec: “É um recurso importante porque nos permite trabalhar com planejamento. A ideia é crescer, ter espaço e cuidar do desenvolvimento de todos. O esporte é um agente transformador”, concluiu Tateama.

Continue Reading

Geral

Prefeito doa sangue em hemocentro e incentiva população

Published

on

By

O prefeito de Campinas, Dário Saadi, doou sangue na manhã desta segunda-feira, dia 14 de junho, no posto Mário Gatti do Hemocentro da Unicamp e incentivou a população a contribuir também. No “Junho Vermelho”, mês que marca a importância da doação de sangue para salvar vidas, o Hemocentro tem sofrido com estoques próximos de situação crítica. A quantidade atual é suficiente para dois ou três dias.

 

De acordo com o Hemocentro, por conta da pandemia e da vacinação, o mês de maio foi um dos piores dos últimos anos, levando à suspensão de procedimentos importantes como transplantes. As doações também são extremamente importantes para os procedimentos de urgência ou emergência, como por exemplo, para pessoas que sofreram acidentes.

 

 

O prefeito ressaltou o quanto a doação é fundamental para salvar vidas: “Precisamos sempre da conscientização de todos para colaborar com o Hemocentro e melhorar o estoque de sangue, principalmente nesse momento difícil que estamos atravessando”, disse.

 

 

No posto do Mário Gatti, o prefeito foi recebido pelo coordenador do Hemocentro Unicamp, Erich de Paula e também foi acompanhado pelo presidente da Rede Mário Gatti, Sérgio Bisogni, que também aproveitou para fazer sua doação de sangue.

 

 

O que é preciso para ser um doador de sangue?

 

– Ter entre 16 e 69 anos;

 

– Pesar no mínimo 50 quilos;

 

– Não estar em jejum, apenas evitar alimentos gordurosos e, após o almoço, aguardar 3 horas;

 

– Estar descansado;

 

– Não fumar até 2 horas antes e 2 horas depois da doação.

 

Confira os locais de doação e mais informações no portal do Hemocentro da Unicamp.

 

 

Intervalo vacina contra Covid-19 e doação de sangue

 

 

Dependendo da vacina recebida, há necessidade de ficar sem doar sangue por períodos distintos – a CoronaVac impede a doação por 48 horas (após cada dose) e as vacinas AstraZeneca, Pfizer e Jannsen impedem por 7 dias (também após cada dose). Dessa forma, o Hemocentro da Unicamp solicita a apresentação do comprovante para os candidatos que forem vacinados a fim de garantir segurança aos pacientes que recebem o sangue.

Continue Reading

Geral

Covid: Saúde abre agendamento da vacina para quem tem mais de 50 anos

Published

on

By

A Secretaria Municipal de Saúde inicia, às 14h, desta segunda-feira, 14 de junho, o agendamento da vacina contra a Covid para pessoas com mais de 50 anos, moradoras de Campinas e sem doenças preexistentes (comorbidades). O agendamento deve ser feito preferencialmente pelo site http://vacina.campinas.sp.gov.br ou pelo telefone 160. Pessoas que tiverem dificuldade em marcar o horário podem procurar seu Centro de Saúde de referência para ajuda.

 

 

As vacinas serão aplicadas em Centros de Saúde do município apenas com o horário marcado. São 63 unidades de saúde disponíveis para a vacinação. Cada unidade abre em um dia da semana exclusivamente para a vacinação, sendo terça-feira ou quinta-feira ou sexta-feira. Ficam de fora apenas os CSs Boa Esperança, Carlos Gomes, Campina Grande e Bassoli.

 

 

É necessário levar CPF e documento de identidade com foto, comprovante de endereço e comprovante emitido no final do agendamento (pode ser no celular). Para comprovar o endereço é possível levar, por exemplo: contas de água, energia elétrica, telefone, gás, serviços de internet, conta de banco, conta de cartão de crédito, carnê de IPTU, etc.

 

 

 

Intervalo entre a vacina da gripe e a da Covid

 

 

Quem tomou a vacina contra a gripe precisa esperar 14 dias para tomar a vacina contra a Covid. O mesmo vale se for o contrário: só depois de 14 dias de ter tomado a vacina contra Covid é que a pessoa pode tomar a da gripe.

Continue Reading

Populares