Connect with us

Geral

Sanasa substituirá 135 km de redes antigas de água para reduzir as perdas

Publicado

em

O prefeito de Campinas, Dário Saadi, e o presidente da Sanasa, Manuelito Magalhães Júnior, assinaram nesta segunda-feira, 25 de julho, a ordem de serviço para o início das obras de substituição de 135 quilômetros de redes de água. Ação faz parte do programa de combate às perdas na distribuição de água da Sanasa e abrange área onde há tubulações mais antigas.

 

 

As obras serão executadas em quatro lotes e vão beneficiar 48.160 moradores, que correspondem a 12.040 ligações. O investimento total é de R$ 90,1 milhões, sendo R$ 85.595.000,00 financiados pela Caixa Econômica Federal e R$ 4.505.000 com contrapartida da Sanasa. O prazo de execução será de até 19 meses.

 

Publicidade

 

As redes serão substituídas pelo método não destrutivo (MND), que não necessita de abertura de valas. As novas tubulações serão de polietileno de alta densidade, material com vida útil bem maior.

 

 

De 1994 até agora, a empresa já trocou 600 quilômetros de redes, sendo que só em 2021 foram mais de 150 quilômetros de tubulação substituída. Esse trabalho integra o programa de combate às perdas na distribuição da Sanasa.

Publicidade

 

 

Campinas possui um índice de perdas de 20,57%, enquanto a média do País é de 40,14%. “Campinas está situada em uma região de extrema escassez hídrica, por isso é importante investirmos no programa de redução de perdas em que o carro-chefe é a troca de redes. É muito fácil fazermos campanha para reduzir o consumo, difícil é fazer investimento estrutural como a Sanasa tem feito”, afirmou Manuelito.

 

 

Publicidade

De acordo com o prefeito, esse trabalho é fundamental. “São 135 quilômetros de troca de redes em uma região com tubulações antigas onde certamente o vazamento é maior do que a média da cidade”, destacou Dário Saadi.

 

 

 

Bairros contemplados

Publicidade

 

Jardim do Lago (Bloco 1), Cidade Jardim, Vila Pompéia e Jardim Novo Campos Elíseos, beneficiando 14.608 pessoas. Investimento é de R$ 25,1 milhões.

 

 

 

Publicidade

Vila Boa Vista, Parque Fazendinha e Jardim Eulina (Bloco 2), beneficiando 14.716 pessoas. Investimento de R$ 16,3 milhões.

 

 

 

Jardim Bela Vista (Blocos 1, 2 e 3) e Jardim Santana, beneficiando 13.492 pessoas. Investimento de R$ 33,4 milhões.

Publicidade

 

 

Sousas (Bloco 1), Joaquim Egídio, Vila Sônia e Chácara da Barra, beneficiando 5.344 pessoas. Investimento de R$ 15,3 milhões.

Geral

Medalha da PM reconhece parceria com GM e Defesa Civil em prol da cidade

Publicado

em

Por

A comandante da Guarda Municipal de Campinas, Maria de Lourdes Soares, e o coordenador regional e diretor da Defesa Civil de Campinas, Sidnei Furtado, receberam a medalha do centenário do 8º Batalhão de Polícia Militar do Interior (BPM/I) nesta segunda-feira, dia 8 de agosto, durante celebração do 121º aniversário do regimento.

Os servidores municipais estão entre as 40 personalidades laureadas pelos relevantes serviços ao Estado e à região de Campinas, além de terem contribuído para elevar o nome da corporação.

Para a comandante, Maria de Lourdes Soares, a homenagem se estende à Guarda. “É uma honra para mim pessoalmente, e também para a GM. Temos uma relação estreita com o batalhão e este é um reconhecimento pela parceria e pelos serviços prestados”.

O diretor da Defesa Civil, Sidnei Furtado, também agradeceu a honraria e destacou a colaboração do serviço com o regimento. “Nossa colaboração é muito antiga e se ampliou com as ações de enfrentamentos à pandemia e a outros desastres na região”.

O secretário de Cooperação nos Assuntos de Segurança Pública de Campinas, Christiano Biggi Dias, também participou da cerimônia. Ele e o prefeito de Campinas, Dário Saadi, foram agraciados com a medalha no ano passado.

Publicidade

O aniversário do Batalhão contou com passagem de tropa, desfile de viaturas da polícia, GM, Emdec e Defesa Civil. Também foi descerrado o busto do patrono do 8º BPM/I, o coronel da PM Germano Denisale Ferreira.

Continue Lendo

Geral

Atendimentos da Policlínica 1 passam a ser feitos nas unidades 2 e 3

Publicado

em

Por

Com o objetivo de facilitar o acesso e qualificar a assistência, os atendimentos da Policlínica 1 do Jardim Guanabara passam a funcionar de modo permanente nas Policlínicas 2 e 3, a partir desta segunda-feira, dia 8 de agosto. Essas unidades localizam-se respectivamente no Centro e Parque Itália.
As policlínicas atendem pacientes encaminhados pela rede básica de saúde, por meio de agendamento. Há especialidades como cardiologia, mastologia, urologia, pré-natal de alto risco, nefrologia e ostomia, entre outras. Os serviços oferecem ainda exames de ultrassonografia, mamografia, raio-X odontológico e exames laboratoriais, além de realizarem procedimentos e pequenas cirurgias.
Segundo a diretora de Saúde da Prefeitura de Campinas, Sara Sgobin, a mudança é definitiva e foi realizada para “unificar o atendimento, otimizar a linha de cuidado e a chegada da população”. 

Continue Lendo

Geral

Emdec presta apoio operacional à disputa entre Ponte Preta e Vasco

Publicado

em

Por

A Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (Emdec) realiza uma operação especial de trânsito para o duelo entre a Ponte Preta e o Vasco da Gama, pela 23ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro 2022. A disputa será nesta terça-feira, 9 de agosto, às 20h30, no estádio Moisés Lucarelli.

As ações operacionais da Emdec começam na madrugada, com a reserva de vagas em trechos das ruas Capitão Pedro de Alcântara, Fernando Costa e Cásper Líbero. A partir das 7h, não será permitido estacionar nestes pontos.

Os bloqueios viários no entorno do estádio começam às 18h30. Serão nove pontos de bloqueios totais, nos acessos para a Rua Casper Líbero pelas vias Afonso Pena, Frei José de Monte Carmelo, Salvador Caruso e Fernando Costa. Também haverá interdições nos cruzamentos da Rua Capitão Pedro de Alcântara com as vias Professor Luís Cerqueira Monteiro e Afonso Pena; e da Rua Fernando Costa com a Rua Thomaz Ortale.

Em outros seis pontos com bloqueios totais, o acesso local será permitido, nos cruzamentos da Avenida Monte Castelo com as vias Afonso Pena, Dom Lino Deodato Rodrigues de Carvalho, Frei José de Monte Carmelo e Fernando Costa; e, também, nos cruzamentos da Rua Proença com as vias Dr. Quirino e Luzitana.

No total, oito agentes da Mobilidade Urbana atuam na operação, além de operadores da Divisão de Controle Operacional e equipes semafóricas. A previsão é de que a operação seja encerrada até 23h30.

Publicidade

Para esclarecer dúvidas sobre trânsito e transporte, acesse os canais do Fale Conosco Emdec, pelo telefone 118, site (portal.emdec.com.br/faleconosco); ou pelo aplicativo “Emdec”, disponível para download no Google Play e App Store. Para chamadas realizadas a partir de outra cidade ou DDD, o telefone é (19) 3731-2910.

Continue Lendo

Populares