Connect with us

Geral

Público lota Ceasa Gourmet para ver aula show de Felipe Bronze

Published

on

A aula show do chef Felipe Bronze atraiu uma multidão de pessoas no Ceasa Gourmet, evento gastronômico realizado no píer do Mercado de Flores da Ceasa Campinas, na manhã e começo da tarde deste sábado (12/08). O premiado chef, que faz sucesso com programas gastronômicos na TV, foi a principal atração da segunda edição do evento. Às 11h, Bronze subiu ao palco e preparou um bacalhau na brasa com ervas, além de um prato vegetariano com queijo e mel e um sorvete com chocolate branco tostado na brasa. Tudo com muita criatividade e simpatia, que contagiaram o público. Cerca de 17 mil pessoas estiveram presentes.

Além da apresentação de Bronze – que durou cerca de uma hora -, o público também acompanhou com muito interesse as demonstrações dos alunos e professores de Gastronomia da Universidade São Francisco (USF), no Ceasa Cozinha Show, e fez fila para degustar as várias opções de pratos especiais, dos mais variados estilos, dos 15 restaurantes, buffets e bares presentes nesta edição. Música ambiente de qualidade completou a relação de atrações do evento.

A aula show de Bronze foi transmitida simultaneamente para dois telões de LED posicionados nas laterais do palco e, ao vivo, por meio das redes sociais. O presidente da Ceasa Campinas, Wander Villalba, deu as boas-vindas ao público, restaurantes participantes e chamou Bronze ao palco.

O chef aprovou a iniciativa da Ceasa e adorou conhecer o Mercado de Flores. “Acho ótimo esse tipo de evento. Primeiro, me faz ficar mais perto do público. A TV me propiciou chegar na casa das pessoas e esse tipo de evento me faz chegar fisicamente perto das pessoas, elas vêm que a gente faz comida de verdade, não só na televisão. E estar na Ceasa é mais legal ainda, porque você junta todas as pontas que compõem a gastronomia: o público, o chef e o produtor”, disse Bronze. “Fiquei encantado com as plantas e flores do mercado. Incrível”, completou o apresentador dos programas Perto do Fogo, Que Seja Doce e The Taste Brasil (canal GNT).

“O Ceasa Gourmet novamente foi um grande sucesso. Mostra que o evento é uma marca que fixou seu nome no município de Campinas, já entrou na rota dos grandes eventos e faz com que a Ceasa tenha, no mercado municipal, estadual e federal, um reconhecimento pelos seus produtos. Tenham certeza absoluta que outros eventos virão e com o mesmo sucesso”, disse Wander Villalba.

Depois da apresentação, Bronze permaneceu no local e atendeu a dezenas de pedidos de fotos e autógrafos. O público presente também aprovou o evento. Rafaela Zanchetta estava animada com a presença do chef Felipe Bronze. “Esse evento é muito bom para conhecer os restaurantes de perto. Também assisto aos programas do Felipe Bronze, gosto muito dele”, disse.

Letícia Pinheiro de Mattos, de Campinas, estava pela primeira vez no Mercado de Flores e no Ceasa Gourmet. “Estou gostando bastante do evento. Vim por causa da gastronomia da USF. Fiz técnico de gastronomia e quero fazer faculdade também”, disse.

Para Vivi Góes, proprietária do Buffet Boca de Anjo, um dos participantes, o evento é muito interessante “para trazer mais as pessoas para a cultura da gastronomia”. “As pessoas estão aprovando esse tipo de evento. O público está excelente, assim como foi na primeira edição”, afirmou. “A presença do Felipe Bronze atrai um público mais direcionado, da área da culinária, interessado em se aperfeiçoar”, avaliou Ana Lú Piolla Costa, do restaurante Piolla Costa.

Parceria

O Ceasa Gourmet é promovido pela Ceasa Campinas em parceria com o Campinas e Região Convention & Visitors Bureau (CRCVB) e integra o 9º Festival Gastronômico de Campinas e Região – “Brasil: um mundo de sabores”.

Realizado pela primeira vez no último dia 13 de maio, o Ceasa Gourmet foi sucesso de público e crítica, com a presença do prefeito Jonas Donizette e a participação de nove restaurantes. Novas edições do evento deverão ser realizadas pelos organizadores.

Geral

Lei complementar vai impulsionar economia em regiões da cidade

Published

on

By

O prefeito Dário Saadi sancionou lei complementar que permitirá a instalação de 2.375 atividades comerciais nas vias coletoras da Zona Mista 1 (ZM1), onde estão bairros como Campo Grande, Ouro Verde, Taquaral, Amarais, Vila Brandina, entre outros. 

 

 

 

A lei está publicada na edição desta terça-feira, 15 de junho, no Diário Oficial do Município. A nova legislação altera a lei de uso e ocupação do solo, de 2018, e impulsionará o desenvolvimento econômico de regiões da ZM1.

 

 

 

Atividades como supermercados, padarias, clínicas, que até agora só eram permitidas nas vias arteriais (avenidas), poderão ser instaladas também nas ruas que levam o tráfego para as avenidas. 

 

 

 

Com a sanção da lei, atividades de comércio varejista, serviços e institucionais de média incomodidade e de comércio atacadista de baixa incomodidade, que estavam instaladas irregularmente nas vias coletoras da ZM1, também poderão ser regularizadas. 

 

 

 

A mudança na lei de uso e ocupação do solo foi precedida de duas importantes alterações no regramento de classificação de atividades e de vias de Campinas.

 

 

 

Uma delas foi a atualização da Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE), utilizada para regrar quais atividades são exercidas por uma empresa e seu grau de incomodidade no território.  É com base nessa classificação que a Prefeitura define os locais em que as empresas podem ser instaladas na cidade, uma vez que os CNAEs estão atrelados ao zoneamento. A última atualização havia ocorrido em 2019. 

 

 

 

Outra alteração ocorreu em março, quando a Seplurb definiu a nova classificação para 1.651 vias na cidade, entre vias de trânsito rápido, arteriais e coletoras. Todas as demais permaneceram como vias de trânsito local. É também como base na hierarquização das vias que o zoneamento de Campinas estabelece onde os usos habitacionais, comerciais, industriais e de serviços podem ser instalados na cidade.

 

 

 

A lei publicada hoje no Diário Oficial estabelece que novos empreendimentos, parcelamento do solo e glebas em processo de cadastramento em toda a cidade deverão ter calçadas com cinco metros de largura nas vias arteriais, de quatro metros nas coletoras, e de três metros nas vias locais. A definição dessas metragens permite arborização e sinalização de paradas de ônibus, por exemplo, sem prejuízo da circulação de pedestre.

Continue Reading

Geral

Aberto cadastro para doses sobrantes de vacina a partir de 40 anos

Published

on

By

A Secretaria de Saúde de Campinas abriu cadastro nesta terça-feira, 15 de junho, para pessoas a partir de 40 anos receberem as doses que sobram da vacina contra a Covid-19. A medida pretende evitar a perda de doses e ocorre perto do horário do fim dos atendimentos apenas quando há frasco (multidoses) de imunizante já aberto com sobra de vacina. O cadastro pode ser feito pelo link https://vacina.campinas.sp.gov.br/gestao-doses-sobrantes. 

 

É necessário informar um telefone válido para a convocação.  

 

Ao ser chamada, a pessoa precisa chegar ao local escolhido no ato do cadastro em, no máximo, 20 minutos após o contato. Para ser vacinado, é preciso apresentar documento com foto e comprovante de endereço em Campinas em nome do interessado. Se convocado, terá que assinar o Termo de Ciência e Aceite de que está recebendo dose que sobrou. 

 

Os interessados que já fizeram cadastro permanecem na lista de espera por ordem de inscrição, incluindo os interessados com 18 anos ou mais.

 

A Pasta esclarece que são poucos os dias em que há sobras. Quando isso ocorre, podem ser frascos com apenas uma dose ou um pouco mais.  

 

Vale ressaltar que o cadastro não é um agendamento com garantia de que será convocado. 

Continue Reading

Geral

Associações do Terceiro Setor de Campinas recebem R$ 1,450 milhão do Fiec

Published

on

By

Associações do Terceiro Setor do município foram contempladas nesta sexta feira, dia 11  de junho, pela Secretaria de Esportes e Lazer de Campinas,  com verba de aproximadamente R$ 1,450 milhão do Fundo de Investimentos Esportivo de Campinas (Fiec) .

 

 

 

O repasse do Fiec é destinado à todas as associações  que trabalham com  fomentos de projetos esportivos e paradesportivo. Esses recursos irão auxiliar o Terceiro Setor em várias ações destinadas a formação, massificação e alto rendimento nas mais variadas modalidades.

 

 

 

O Fundo Fiec é fruto da Lei Municipal 12.352/2005 criada para incrementar as agremiações e ao mesmo tempo aproximar a população de projetos esportivos que contribuem na formação e na qualidade de vida das pessoas. A cada ano amplia sua abrangência e proporciona um crescimento significativo no número de participantes.

 

 

 

Para o secretário de Esportes e Lazer, Fernando Vanin, o projeto ganha robustez a cada ano. “É motivo de enorme satisfação esta pareceria que temos com as associações esportivas. O  nosso grande objetivo é o trabalho sério realizado pelas partes, que beneficia a população”, afirmou o secretário.

 

 

 

A verba repassada é fundamental para a continuidade e criação de novos projetos. O presidente e professor da associação campineira de judô, Claúdio Tateama, ressalta o significativo apoio que recebe do Fiec: “É um recurso importante porque nos permite trabalhar com planejamento. A ideia é crescer, ter espaço e cuidar do desenvolvimento de todos. O esporte é um agente transformador”, concluiu Tateama.

Continue Reading

Populares