Connect with us

Geral

Procon disponibiliza plataforma on-line para negociar dívidas

Publicado

em

Consumidores que quiserem aproveitar o 13º salário para quitar ou renegociar dívidas poderão fazer a proposta diretamente pela internet no site do Procon de Campinas. Para viabilizar a medida, o órgão elaborou uma ferramenta on-line, de acesso gratuito, que se encontra disponível no endereço www.procon.campinas.sp.gov.br.
A ferramenta é destinada a pessoas com idade entre 18 e 80 anos, com e-mail cadastrado no sistema do Procon e que seja morador da cidade de Campinas.
A negociação é realizada diretamente pelo consumidor, por meio do instrumento de informática, com uma das empresas que aderiram ao programa.
“Pensamos em uma ferramenta para dar autonomia ao consumidor para negociar os seus débitos. Ali, consumidor e empresa dialogam diretamente e tentam juntos chegar a um acordo”, ressalta a diretora do Procon, Yara Pupo.
Ela acrescenta que a ideia de elaborar a ferramenta veio da constatação de que muitos consumidores estavam com dificuldades de manter contato com as empresas para quem deviam, bem como não tinham ideia de como iniciar o diálogo e organizar as contas, ressalta Yara Pupo.
O consumidor que tiver dificuldades com acesso à internet também pode procurar um dos postos de atendimento do Procon. Além disso, o órgão disponibiliza uma planilha que ajuda o consumidor a organizar receitas e despesas da família.
O Procon Campinas mantém em seu site uma cartilha, que também é distribuída nos postos, com dicas para quem está no vermelho. Nesse informativo há orientações de como, por exemplo, verificar o saldo devedor antes do início de qualquer negociação, fazer os cálculos de quanto poderá dispor para quitar as dívidas, entre outras dicas.

Geral

Região Noroeste ganha Centro de Referência de Assistência Social

Publicado

em

Por

A entrega do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) Laudelina de Campos Melo que ocorreu na tarde desta quarta-feira, dia 14 de abril, vai reforçar  o trabalho de Proteção Social Básica da Secretaria de Assistência Social, Pessoa com Deficiência e Direitos Humanos, na região noroeste da cidade.  
 

Com mais esse equipamento, Campinas passa a contar com 13 Centros de Referência de Assistência Social, quatro deles na região noroeste. O CRAS Laudelina vai ser referência para cerca de 5 mil famílias dos bairros Parque Floresta I,II, III e IV, Jardim Bassoli e Jardim São Bento.

 
Ao entregar o novo CRAS, o prefeito Dário Saadi afirmou que a obra estava no Plano de 100 Dias da Administração e começará a funcionar nesta quinta-ferira, dia 15 de abril. “Agradeço todos os funcionários da Assitência Social que trabalharam firme para que esse compromisso fosse cumprido.  Esse CRAS vai atender uma população de 5 mil famílias da região do Bassoli e é muito importante para reforçar a atenção básica da Assistência Social para que as questões de violência e de risco social sejam discutidas no início”, reforçou.
 


O prefeito lembrou ainda que o nome da unidade é uma homenagem à campineira Laudelina de Campos Melo, mulher negra que inicou a luta pelos direitos das empregadas domésticas na década de 1940.  “Dona Laudelina dedicou a vida pelos direitos das empregadas domésticas. Na época em que começou a levantar essa bandeira ninguém aceitava a luta dos trabalhadores. Ainda em vida, transformou sua casa na sede do Sindicato dos Trabalhodores Domésticos”, contou o prefeito.
 


Além do prefeito, participaram da visita inaugural, a secretária Vandecleya Moro e os vereadores Higor Diego e Debora Palermo.
 

Centro de Referência
 
Os Centros de Referência de Assistência Social  são unidades de proteção para as famílias. A função desse serviço é desenvolver trabalho social e fazer a gestão da comunidade atendida no território. O objetivo é prevenir situações de risco, com atividades coletivas e intersetoriais para fortalecer os vínculos familiares e comunitários.


Os CRAS também funcionam como porta de entrada para a rede de serviços socioassistenciais. Os usuários recebem orientação para acessar benefícios e programas de transferência de renda.
 


O imóvel que fica na Rua Alípio Pereira, 79, no Parque Floresta, é um prédio público que recebeu investimentos de aproximadamente R$ 40 mil para as devidas adequações e manutenção do espaço para atender a comunidade local.

Continue Lendo

Geral

Prefeitura atualiza dados da pandemia nesta quarta, 14, em Campinas

Publicado

em

Por

Continue Lendo

Geral

Campinas tem 89,66% dos leitos de UTI-Covid ocupados nesta quarta, 14

Publicado

em

Por

Continue Lendo







Populares