Connect with us

Geral

Prefeitura publica licitação para iniciar reforma do Centro de Convivência

Publicado

em

A edição desta terça-feira, dia 28 de janeiro, traz a publicação do aviso de licitação para a primeira fase das obras de recuperação do Centro de Convivência Cultural de Campinas. O edital está disponível no portal eletrônico no endereço licitacoes.campinas.sp.gov.br . As empresas interessadas em participar devem entregar os envelopes com as propostas até as 10 horas do próximo dia 3 de março.

“A abertura da licitação representa um grande passo”, destaca o secretário de Cultura, Ney Carrasco. “Graças ao empenho do prefeito Jonas Donizete, o convênio pode ser renegociado com o Governo do Estado e poderemos iniciar as obras de recuperação, que é o desejo de todos nós, desde que assumimos a administração municipal”, afirma.


A concorrência nº 01/2020 cobre a recuperação estrutural, com intervenções no sistema de drenagem, eliminação de infiltrações, de fissuras e reparos em ferragens; impermeabilização e substituição completa das redes elétrica e hidráulica. Também serão feitas as adequações para acessibilidade e para atender as normas de segurança do Corpo de Bombeiros.

Convênio com o Governo do Estado de São Paulo, assinado no último dia 18 de dezembro, garantiu a verba e permitiu licitar a primeira etapa da obra do complexo cultural. A Prefeitura de Campinas está autorizada a receber recursos de R$ 19,1 milhões para essa fase de recuperação.

A concorrência anterior (nº 16/2018), que estava suspensa e previa a reforma total do Centro de Convivência com a instalação de novos equipamentos internos, foi revogada por publicação também na edição de hoje do Diário Oficial do Município.


Esclarecimentos adicionais sobre a apresentação de propostas pelas empresas interessadas em participar da concorrência podem ser obtidas pelos telefones (19) 2116-0678, 2116-8518 e 2116-8401.

 

Reforma e atualização

O projeto para a reforma do local, uma referência para as artes em Campinas, foi realizada pela empresa Falcão Bauer, a partir de um Termo de Acordo de Compromisso (TAC) firmado com a Prefeitura. Na época, vários testes foram realizados para confirmar que a estrutura do anfiteatro, do teatro subterrâneo e demais instalações que compõem o Centro de Convivência, não estavam comprometidas e tinham condições estruturais que suportassem sua utilização.

 

Além da recuperação de todas as estruturas do Centro de Convivência, que será realizada nessa primeira etapa de obras prevista na licitação aberta nesta terça-feira, no futuro, em uma segunda etapa da reforma, deverá atualizar os equipamentos da área cênica, de iluminação e acústica do teatro.

 

Marco histórico

O Centro de Convivência Cultural de Campinas (CCCC) faz parte da história da cidade desde 9 de setembro de 1976, quando foi inaugurado. Fica na Praça Imprensa Fluminense e tem projeto original do arquiteto Fábio Penteado.

A área total do teatro do Centro de Convivência é de cerca de 6 mil metros quadrados, sendo 4 mil de área externa (teatro de arena) e 2 mil de área interna (sala de espetáculo, salas de ensaio, galeria, áreas técnica e administrativa, banheiros e camarins). 

O espaço já foi palco para grandes apresentações, peças teatrais e shows com artistas de projeção nacional e internacional. 

Desde a inauguração, o teatro e anfiteatro nunca passaram por uma reforma completa e estrutural como a que será realizada por meio do convênio com o governo do Estado.

Geral

Bibliotecas da rede recebem 1,2 mil audiolivros para educação especial

Publicado

em

Por

Já estão chegando às bibliotecas das escolas da rede municipal de ensino, os audiolivros que serão usados pelos 1,2 mil alunos da educação especial. Além deste material pedagógico, as unidades também estão recebendo parquinho inclusivo. “Atendemos 90% das crianças da educação especial da cidade. E procuramos oferecer a melhor educação”, disse o prefeito Jonas Donizette.  

 


Na manhã desta quinta-feira, o chefe do executivo esteve visitando a Escola de Educação Integral Zeferino Vaz, na Vila União. “Poucas cidades têm a estrutura que Campinas oferece na área da educação e no serviço público como um todo. Temos problemas, mas tenho feito todo o esforço para melhorar a cada dia”, afirmou o prefeito. A rede municipal de ensino tem 62 mil alunos matriculados na educação infantil, ensino fundamental e educação de jovens e adultos (EJA).

 

Nestas duas ultimas semanas, o prefeito visitou dez escolas da rede municipal. Em todas elas foram entregues kits de material escolar e uniformes, além de Chromebooks para os professores e computadores para a equipe gestora.  


 

 

 

A Secretaria de Educação investiu R$ 72 milhões na compra de material escolar e didáticos, uniforme, além de equipamentos tecnológicos. “Estamos investindo em tecnologia educacional, uma ferramenta para auxiliar alunos e professores no desenvolvimento escolar”, explicou a secretária de Educação, Solange Pelicer.

Continue Lendo

Geral

Uma aposta de Paulínia acertou a Quina da Mega-Sena

Publicado

em

Por

Uma aposta de Paulínia ganhou Quina da Mega-Sena no sorteio realizado na quarta-feira (19). O prêmio principal acumulou em R$ 190 milhões para o próximo concurso do sábado (22).

Os números sorteados foram 14, 18, 30, 35, 55 e 57 e quem acertou a quinta levou R$ 69.161,57


As apostas para o próximo concurso da Mega-Sena podem ser feitas até as 19h (de Brasília) do dia do sorteio e vai pagar mais 190 milhões para quem acertar as 6 dezenas.

Continue Lendo

Geral

Heinz faz recall de milho verde da marca Quero por risco de bactérias

Publicado

em

Por

A empresa de alimentos Heinz Brasil anunciou um recall de 244 caixas dos produtos “milho verde tetra recart 200g” , da marca Quero.

De acordo com a fabricante, o alimento citado tem forte risco de conter bactérias que podem causar náuseas, vômitos e/ou infecção intestinal, sobretudo em pessoas com baixa imunidade.


A convocação envolve os produtos fabricados em 8/01/2020 entre 06:30 e 23:00 e válidos até 31/07/2021, integrantes do lote L08 Val 07/2021. Os indicadores podem ser lidos na parte de cima da caixa do milho. A Heinz recomenda que as pessoas não consumam o produto.

Para substituição gratuita do produto, o consumidor deve entrar em contato imediatamente com o SAC pelo 0800 16 5858, de segunda a sexta, das 8:00 às 18:00h, ou  através do site da marca Quero.

Fonte: IG ECONOMIA

Continue Lendo

error: Content is protected !!