Connect with us

Indaiatuba

Prefeito faz abertura do Simpósio Estadual de Doenças Transmitidas por Carrapatos

Publicado

em

Foto: Giuliano Miranda RIC/PMI

Nesta terça-feira (21) o Prefeito Nilson Gaspar (PMDB) participou da abertura do V Simpósio Estadual de Doenças Transmitidas por Carrapatos, que está sendo realizado no auditório da Prefeitura Municipal e terá dois dias de duração. O evento é realizado pela Sucen (Superintendência de Controle de Endemias), do Governo do Estado de São Paulo, com o apoio da Prefeitura de Indaiatuba, e conta com a participação, não apenas de profissionais de saúde de várias regiões do estado, mas também de representantes dos estados do Rio de Janeiro e Minas Gerais.

O simpósio está sendo ministrado por pesquisadores e profissionais de renomadas instituições, como, CVE (Centro de Vigilância Epidemiológica) do Estado de São Paulo; Instituto Adolfo Lutz, Universidade de São Paulo (USP) e Universidade Federal de Uberlândia (UFU).

O gestor municipal agradeceu a oportunidade de, mais uma vez, sediar um encontro tão importante. “Há dois anos sediamos o quarto simpósio e um evento nacional sobre o mesmo tema. Ficamos gratos pela confiança e presença de todos”. Gaspar também comentou outras ações do município na área da saúde. “Enquanto outros municípios estão fechando unidades de saúde por conta da crise, aqui nós estamos com as contas equilibradas e progredindo nas ações de melhorias, com a ampliação do Haoc, que terá 174 leitos, a construção de mais uma Unidade Básica de Saúde (UBS), entrega de próteses, além de diversas outras ações, que foram possíveis em razão de um planejamento e gestão eficaz”, destacou.

O secretário municipal de saúde, Dr. José Roberto Stefani, lembrou que, embora em Indaiatuba a questão da febre maculosa esteja sob controle (o município não teve nenhum caso autóctone da doença em 2016 e 2017 até o momento), este é um tema que sempre gera preocupação em virtude da gravidade da doença. A cidade registrou o óbito de um rapaz de 33 anos por conta da doença em 2016. Tratava-se de um caso importado. As outras 12 notificações registradas ano passado foram descartadas. Este ano, das 16 suspeitas notificadas da doença, 13 foram descartadas e outras três aguardam os resultados dos exames.

Segundo o superintendente da Sucen, Dalton Pereira da Fonseca Júnior, no estado de São Paulo o as ações estão direcionadas para o diagnóstico precoce da doença nos humanos e no monitoramento e controle dos carrapatos e das áreas suscetíveis. “É importante que os municípios monitorem as áreas onde há capivaras, principais hospedeiros do carrapato gênero Amblyomma (carrapato estrela) e comuniquem a população quando houver a possibilidade de transmissão da doença”, afirmou.

O deputado Rogério Nogueira (DEM) tem atuado junto ao Governo do Estado para trazer para a região encontros, formações e ações importantes como essa para a população, como por exemplo, a homologação de mais uma universidade para Indaiatuba, a Unifae – Centro Universitário das Faculdades Associadas de Ensino – que irá oferecer, inclusive, o curso de medicina; e a Carreta Mamamóvel, que integra o Programa Mulheres de Peito, do Governo do Estado de São Paulo. A carreta estará no município de 28 de novembro a 14 de dezembro.

DOENÇAS

A febre maculosa brasileira é uma doença transmitida pelo carrapato da espécie Amblyomma cajennense (estrela ou micuim) infectado. A transmissão ocorre quando o carrapato fica por mais de quatro horas fixado na pele da pessoa. O primeiros sintomas aparecem cerca de sete dias após a picada e são semelhantes aos de outras infecções: febre alta, dores pelo corpo, dor de cabeça e desânimo. Depois aparecem as máculas (manchas avermelhadas).

Segundo o pesquisador científico da Sucen, Adriano Pinter, embora no Brasil haja somente a notificação da febre maculosa brasileira, em outros países existe a notificação de outras doenças transmitidas por carrapatos, como a doença de Lyme. “A ideia é estender o debate para ficarmos atentos a ocorrências de outras doenças que ainda não são reportadas no Brasil”, explicou.

Indaiatuba

Sou Indaiatuba inicia cadastramento de alunos para cartão estudante

Publicado

em

Por

Foto: Eliandro Figueira RIC/PMI

A Prefeitura de Indaiatuba informa que a Sou Indaiatuba, que opera o transporte coletivo urbano no município, iniciará nesta quarta-feira (27) o cadastro e recadastro de todos os alunos que utilizarão o Cartão Estudante (passe escolar gratuito) no ano letivo de 2021. O cadastramento poderá ser realizado até o dia 31 de março no guichê da Sou localizado no Ponto Cidadão (antiga rodoviária), de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h. O prazo foi estendido para que estudantes possam fazer o cartão escolar com maior tranquilidade, evitando aglomerações.

Para obter o cartão, tanto do cadastro como para recadastro, é necessário preencher o formulário para o Passe Escolar, disponível no site da Sou (www.souindaiatuba.com.br), no botão “escolar formulário – download”.

Para os novos alunos, que farão o cadastramento pela primeira vez, é necessário apresentar a Declaração de Matrícula atualizada, com data de 2021, que deve ser retirada pelo próprio aluno na unidade escolar em que está matriculado. Nela deve constar “Passe Gratuito” ou “100% da gratuidade”. Também é necessário apresentar comprovante de endereço, também de 2021 (água, luz ou telefone), em nome do próprio aluno ou do pai ou da mãe; e RG e CPF (Cadastro de Pessoa Física) do estudante – cópia e original. Não serão aceitos CPFs dos responsáveis.

Os estudantes que já utilizavam o Passe Escolar precisam fazer o recadastramento, apresentando a mesma documentação descrita acima, além do Cartão – Transporte Escolar emitido pela Empresa SOU Indaiatuba. No caso de perda do cartão, será necessário apresentar o CPF original e o pagamento da taxa para a emissão da segunda via, no valor de R$ 20,50 (cinco tarifas vigentes).

Para cursos técnicos (reconhecidos pelo MEC), todas as declarações devem ser originais e informar o nome do curso, data de início e término, além do período (manhã, tarde ou noite). O cartão escolar é um benefício pessoal, intransferível e sem nenhum custo (primeira via), específico para o estudante se deslocar entre a escola e a residência.

Mais informações podem ser obtidas pelo Serviço de Atendimento ao Consumidor da Sou por meio do WhatsApp (19) 97420-6444 ou, através do telefone 19 3801 9191 (ramal 9166) da Secretaria de Educação.

Continue Lendo

Indaiatuba

Equipe Romi prende indivíduo por tráfico de drogas no Morada do Sol

Publicado

em

Por

Foto: Eduardo Turati – GC

Na tarde de sábado (23), a equipe da Romi, composta pelas motos 071 e 098, logrou êxito na prisão de um indivíduo envolvido com o tráfico de drogas. Os guardas realizavam o patrulhamento preventivo do Jardim Morada do Sol, quando ao acessarem a Rua Professor Dr. Masaharu Tanigushi, flagraram dois indivíduos em um local conhecido pela venda de entorpecentes.

Ao notar a equipe, um dos indivíduos jogou um pacote dentro de um terreno baldio. O indivíduo foi abordado e ao averiguar o terreno os guardas encontraram 28 microtubos com cocaína dentro do pacote e 25 microtubos espalhados pelo local. Com auxilio da equipe Canil, foram localizados mais 101 microtubos vazios, que seriam usados para o armazenamento de entorpecentes.

Diante dos fatos, tudo foi conduzido para a Delegacia de Polícia, onde o Delegado de plantão determinou a apreensão de todo o material localizado e a prisão em flagrante do indivíduo, pelo crime de tráfico de drogas.

Continue Lendo

Indaiatuba

Indivíduo é preso por tráfico de drogas na CECAP

Publicado

em

Por

Foto: Eduardo Turati – GC

Um homem de 23 anos foi preso por tráfico de drogas pela equipe ROMI no sábado (23). A equipe realizava o patrulhamento preventivo do Núcleo Habitacional Brigadeiro Faria Lima, quando ao deslocarem pela Rua Sílvio Ferreira do Amaral, notaram o indivíduo em atitude suspeita.

Ele estava em um local conhecido por ser utilizado pelo tráfico de drogas. Ao notar a presença da equipe, dispensou algo no chão e saiu andando rapidamente. O homem foi abordado e com ele, foram localizados R$99,00 em espécie. O objeto dispensado tratava-se de oito microtubos com cocaína.

Diante dos fatos, ele foi conduzido até a Delegacia de Polícia, onde a autoridade policial determinou a sua prisão em flagrante pelo crime de tráfico de drogas.

Continue Lendo









<





Populares