Connect with us

Geral

Policia acha armazém de drogas em Várzea Paulista

Publicado

em

Após denúncia havia um barraco ao final da viela bairro Vila Real em Várzea Paulista , utilizado para o armazenamento de drogas e, ao chegar, a equipe deparou-se com a porta aberta, não havendo nenhuma pessoa no local, entretanto, já foi possível visualizar a droga que havia naquele local.

Após vistoriar todo o ambiente, foram localizados:
383 tubetes de cocaína;
4 sacolas contendo cocaina;
1 bisnaga de eter, 1 bisnaga de essência e 27 frascos com produtos para ser diluído no lança perfumes;
500 sacos plásticos vazios;
300 frascos vazios de lança perfumes;
1.400 tubetes vazios;
1 balança de precisão;
A sacola e os tubetes contendo cocaína totalizaram um peso de 3,144 Kg (três kilos, cento e quarenta e quatro gramas).
Pelo Distrito Policial elaborado o RDO 3958/17 de apreensão de objetos

Geral

Feira traz inclusão de pessoas com deficiência à Estação Cultura no sábado

Publicado

em

Por

Neste sábado, dia 2 de julho, a Estação Cultura de Campinas receberá a Feira do Empreendedor PCD (Pessoa Com Deficiência) Eficiente, organizado pela empresa Libras Visual. O evento vai reunir 37 expositores, além de 13 palestras e 10 apresentações, como desfiles de PCDs, dança do ventre, ballet com crianças cegas, entre outros, tudo com total acessibilidade para o público cego e surdo. 

 

O evento será das 9h às 17h e conta com o apoio da Secretaria Municipal de Assistência Social, Pessoa com Deficiência e Direitos Humanos de Campinas.

 

Campinas tem, segundo estimativas do IBGE, cerca de 28% da população, ou 345 mil pessoas, com algum tipo de deficiência: são 13 mil com deficiência intelectual, 54 mil com deficiência auditiva, 72 mil com deficiência motora e 205 mil com deficiência visual.

Publicidade

 

A Secretaria Municipal de Assistência Social, Pessoa com Deficiência e Direitos Humanos oferece os seguintes serviços à população com deficiência: 

 

– Plataforma Emprega Bem: plataforma digital on-line que aproxima as empresas dos profissionais com deficiência. 

 

Publicidade

– Cartão Bem Acessível:  documento de identificação da pessoa com deficiência que facilita o acesso prioritário aos serviços públicos municipais

 

– Programa de Acessibilidade Inclusiva: o PAI-Serviço, de transporte coletivo oferecido pela Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (Emdec) e Secretaria de Transportes de Campinas. 

 

– Guia Digital Caminhos da Inclusão: o guia aponta uma lista contendo os endereços acessíveis de Campinas: https://caminhos.campinas.sp.gov.br/. 

Publicidade

 

– Coordenadoria de Acessibilidade Arquitetônica: a Coordenadoria de Acessibilidade Arquitetônica (CAA) realiza as vistorias nos imóveis públicos ou de uso público para verificação e orientação quanto as normas de acessibilidade.  

 

– Centro de Referência da Pessoa com Deficiência: realiza o atendimento psicossocial para as pessoas com deficiência e suas famílias dando orientações sobre direitos. 

 

Publicidade

– Central de Interpretação de Libras: atende o surdo ou com deficiência auditiva, intermediando a sua comunicação com os demais serviços públicos.

 

 

Agenda das apresentações

 

Publicidade

10h – Igreja FF: Pantomima

 

10h20 – Mãos que Cantam

 

10h30 – Coral encantar com as mãos

Publicidade

 

11h20 – Andrea Rosa: A capacidade do PCD 

 

11h40 – Dança do ventre

 

Publicidade

12h10 – Sebrae Empreendedorismo

 

12h30 – História da Associação Assucamp

 

12h50 – Inclusione: Mercado de Trabalho PCD

Publicidade

 

13h10 – Lucas Carvalho PCD

 

13h30 – Cris Mendes: PCD – Inclusão 360

 

Publicidade

13h40 – Cais: Conhecer para incluir

 

14h – Balé com o Grupo sementes do Futuro – Associação Fernanda Bianchini

 

14h20 – Palestra com o Centro Cultural Louis Braille 

Publicidade

 

14h40 – Aline: Acessibilidade na estética 

 

15h – Arte libras: Decifrando a Libras 

 

Publicidade

15h20 – Raquel Moreno: projeto surdo caminhoneiro 

 

15h40 – Gilceliano: Autonomia, uma busca do PCD 

 

16h – Mãos que Cantam: Palestra e música

Publicidade

 

Lista de expositores

 

1 – Centro Cultural Louis Braille 

 

Publicidade

2 – Arte libras

 

3 – Inclusione – temperos prontos

 

4 – Inclusão e libras 

Publicidade

 

5 – Maira Massei – artesanato 

 

6 – Katia surda – tapetes 

 

Publicidade

7 – Sebrae

 

8 –  Apae 

 

9 – Boldrini 

Publicidade

 

10 – Cais 

 

11 – Assucamp 

 

Publicidade

12 – Lídia Michelin – madeiras 

 

13 – Marcia surda – reciclável 

 

14 – Remi – alimentos 

Publicidade

 

15 – Candido Ferreira 

 

16 – Vera e Vagner – temperos prontos 

 

Publicidade

17 – Khatia Vieira – livros 

 

18 – Giseli – canecas, camisetas acessórios libras 

 

19 – Karen Fernandes – pijamas 

Publicidade

 

20-  Carol Bonfim – chaveiros 

 

21-  Itamar – barba e cabelo 

 

Publicidade

22- Janaina – bijuterias de libras 

 

23 – Nisfran – artesanato 

 

24 – Asadep – tiara, lacinho 

Publicidade

 

25 – Mãos que Cantam

 

26 – Raquel Moreno – projetos online 

 

Publicidade

27 – Wickbold – 

 

28 – Juliana Soares  

 

29 – M. Eliana – acessórios de costuras 

Publicidade

 

30 – Igreja FF – pinturas rosto, teatro, oficina

 

31 – Daniela – acessórios 

 

Publicidade

32 – UNIP 

 

33 – Irene – artesanato de caixinhas

 

34 – Giowander

Publicidade

 

35 – Lucas Carvalho 

 

36 – Cris Mendes – consultoria

 

Publicidade

37 – Selma – roupas

 

38 – Vanessa – bolo de pote 

Continue Lendo

Geral

Prefeitura cria 40 cargos efetivos de vice-diretor para a Educação

Publicado

em

Por

O prefeito Dário Saadi sancionou, nesta terça-feira, 28 de junho, a Lei Complementar 359/2022, que cria 40 cargos efetivos de vice-diretor para a Secretaria de Educação. O texto pode ser consultado no Diário Oficial (www.campinas.sp.gov.br/diario-oficial) ou no site da Biblioteca Jurídica (https://bibliotecajuridica.campinas.sp.gov.br/).

 

 

“Uma das prioridades da Secretaria de Educação é o investimento em recursos humanos. No último ano, foram contratados, por concurso público, 340 professores. Oferecer educação de qualidade implica em proporcionar aos alunos escolas com o quadro de funcionários completo, unidades com infraestrutura apropriada, alimentação escolar adequada, entre outras questões”, disse o diretor do Departamento Pedagógico, Luiz Roberto Marighetti.

 

Publicidade

 

Os cargos serão ocupados por servidores aprovados em concursos públicos de prova e títulos.  

Continue Lendo

Geral

Taça das Favelas volta no fim de semana com 12 partidas de futebol

Publicado

em

Por

Fim de semana é dia de torcer para os times que estão disputando a Taça das Favelas. Serão seis partidas no sábado, 1º de julho, e domingo, 2 de julho, a partir das 8h, na Praça de Esportes Argemiro Roque, no São Bernardo. O evento é uma realização da Cufa (Central Única das Favelas) em parceria com a Prefeitura de Campinas e apoio da EPTV.

 

 

Os jogos começam com as equipes masculinas. Às 8h, jogam São Pedro/Formigueiro e São José; às 9h30 é a vez do Carlos Lourenço enfrentar o Florence. Os dois últimos jogos masculinos serão às 11h e às 15h30, com Satélite Íris x Buraco do Sapo e São Bernardo contra Nilópolis.

 

Publicidade

 

Ainda no sábado, duas equipes femininas se enfrentam. Às 12h30, as meninas do Padre Anchieta jogam contra o Flamboyant; e às 14h é a vez do Santo Antônio e do Campo Belo entrarem em campo.

 

 

Domingo

Publicidade

 

 

A competição volta no domingo, às 8h, com o feminino do São Marcos enfrentando o Vida Nova. O outro jogo será às 9h30, entre Shangai e Paranapanema.

 

 

Publicidade

Na sequência, os meninos entram em campo. Às 11h, jogam Brandina contra Santa Barbara; Costa e Silva e Campo Belo se enfrentam às 12h30. Ainda na programação, Puccamp e Rosália às 14h e Paranapanema e Vila Boa Vista às 15h30.

 

 

Taça das Favelas 2022

 

Publicidade

 

A 2ª edição da Taça das Favelas de Campinas tem 3.012 inscritos. São 2.137 inscrições para os times masculinos e 875 para os femininos.

 

 

Organizada pela Cufa e Prefeitura de Campinas, com apoio da EPTV, o torneio tem como objetivo promover a conscientização e a inclusão por meio do esporte; a integração das comunidades e a ressignificação do território e fortalecimento da autoestima da juventude das favelas e núcleos residenciais.

Publicidade

 

 

A Taça das Favelas faz parte do calendário oficial de eventos de Campinas, desde 2021, por meio da Lei Municipal 16.100.

 

 

Publicidade

Na primeira edição do campeonato, em 2019, a Vila Brandina foi campeã no masculino, enquanto São José ficou com o título no feminino.

Continue Lendo

Populares