Connect with us

Geral

Operação de Olho na Bomba fiscaliza 8 postos de combustíveis na região de Campinas

Publicado

em

Agentes do Fisco coletam amostras para verificar a qualidade do combustível comercializado em sete estabelecimentos de Americana e um de Paulínia

A Secretaria da Fazenda deflagrou na manhã desta terça-feira, 31/7, uma operação de Olho na Bomba. A ação, coordenada pela Delegacia Regional Tributária de Campinas (DRT-5), irá fiscalizar sete estabelecimentos revendedores de combustível de Americana e um de Paulínia.

Uma equipe com 16 agentes fiscais de rendas trabalha na coleta de amostras de gasolina e etanol, além de realizar a verificação da regularidade cadastral dos postos de combustíveis alvos da operação.

Os estabelecimentos foram selecionados a partir de denúncias e cruzamento de informações da área de inteligência fiscal da Fazenda. As amostras coletadas pelo Fisco serão encaminhadas para análise no laboratório da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) para verificar se atende aos padrões exigidos pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

Constatadas desconformidades no material recolhido, após análise feita pela Unicamp, o estabelecimento terá suas bombas lacradas e a inscrição estadual cassada, o que acarretará o encerramento das atividades. Os sócios ficam impedidos de atuar no mercado de combustíveis pelo prazo de cinco anos, conforme previsto na Lei nº 11.929, de 12 de abril de 2005, e regulamentada pela Portaria CAT 28/05.

Em todo o Estado de São Paulo já foram cassadas as inscrições estaduais de 1.140 postos desde o início da operação De Olho na Bomba, em 2005. A lista completa de postos de combustíveis cassados pode ser consultada no portal da Secretaria da Fazenda. Para denunciar posto suspeito de comercializar combustível adulterado, o contribuinte pode ligar para a Ouvidoria da Secretaria nos telefones (11) 3243-3676 e (11) 3243-3683 ou enviar um e-mail para ouvidoria@fazenda.sp.gov.br.

Geral

Liberadas mais vagas para vacinar gestantes da área da saúde contra Covid

Publicado

em

Por

A Secretaria de Saúde de Campinas vai reabrir, a partir das 19h desta quarta-feira, 5 de maio, o agendamento para a vacinação de trabalhadoras de saúde
No grupo de trabalhadoras de saúde estão incluídas as profissionais que têm graduação ou curso técnico na área e as mulheres que trabalham no setor, incluindo recepcionistas de serviços de saúde, trabalhadoras da limpeza e lavanderias de serviços de saúde, cozinheiras de serviços de saúde, balconistas de farmácias, drogarias, entre outras que trabalham em estabelecimentos como hospitais, clínicas, ambulatórios, laboratórios, drogarias, farmácias entre outros, além de cuidadoras de idosas registradas por empresas da área.
Profissionais de saúde devem apresentar o registro no Conselho de Classe e/ou outro comprovante, além de comprovante de trabalho no setor, que pode ser contrato de trabalho, contrato de prestação de serviços, holerite, crachá (desde que contenha minimamente as informações: nome do estabelecimento, nome e sobrenome da pessoa, cargo ou função) ou declaração emitida pelo serviço de saúde que comprove o vínculo empregatício da pessoa.
Grávidas e puérperas terão que levar o cartão pré-natal (caderneta da gestante). As lactantes devem apresentar a certidão de nascimento do bebê.
Todas as agendadas terão que apresentar o comprovante de agendamento impresso ou salvo como imagem em seu celular, documento oficial com foto e comprovante de residência no município em seu nome.

Continue Lendo

Geral

Aberto agendamento para vacinação de pessoas a partir dos 60 anos

Publicado

em

Por

Continue Lendo

Geral

Campinas zera fila de espera por leitos de enfermaria e UTI-Covid

Publicado

em

Por

Continue Lendo







Populares