Connect with us

Geral

Oficinas gratuitas abrangem temas como fotos, literatura, música e futebol

Publicado

em

Estão abertas as inscrições para as oficinas programadas para março dentro do projeto Formação para o Litoral e Interior Paulista, promovido pela Secretaria de Cultura e Economia Criativa de São Paulo e Poeisis, em parceria com a Secretaria Municipal de Cultura e Turismo de Campinas
Interessados devem se inscrever no linktr.ee/oficinasnointerior.
Programação
DOCUMENTÁRIO – O INÍCIO DE UM PROCESSO
Coordenação: Águeda Amaral
Datas e horários: 7, 9 e 11/3, 14h às 16h
Inscrições: 7/2 até o preenchimento das vagas
30 Vagas
Seleção: primeiros inscritos
Público-alvo: Documentaristas iniciantes e estudantes de Cinema e TV.
Plataforma: Zoom
Link de inscrição:https://forms.gle/wyq1ZMNcar8G7GkE9
Esta oficina pretende apresentar os primeiros passos para que documentaristas iniciantes consigam entender o processo para o desenvolvimento de um projeto. Serão abordados o processo criativo e a tomada de decisão sobre a alma do projeto, sua estrutura  e desenvolvimento da produção.
OFICINA DE FOTOGRAFIA: ENSAIOS, NARRATIVAS E CONSTRUÇÕES VISUAIS
Coordenação: Beatriz Ataidio
Datas e horários: 
Turma A – 7, 9, 14 e 16/3, 18h30 às 20h30
Turma B – 8, 10, 15 e 17/3, 14h às 16h
Inscrições: 7/2 até o preenchimento das vagas
30 vagas por turma
Seleção: primeiros inscritos
Público-alvo: interessados em geral
Plataforma: Zoom
Link de inscrição Turma A: https://forms.gle/VjXi8KVwwCu8pWpY9
Link de inscrição Turma B: https://forms.gle/5T9RfjEPNxgXzfV2A
Esta oficina se propõe  a apresentar trabalhos de referência e debate sobre as possibilidades de construções visuais e artísticas na fotografia. Também expõe ferramentas para a apropriação dos processos de criação e propõe exercícios que estimulem os participantes a criarem séries fotográficas, de forma que possam narrar suas próprias experiências pessoais e utilizar a fotografia como ferramenta de expressão social e artística.
NARRAÇÃO DE HISTÓRIAS PARA EDUCADORES E CURIOSOS
Coordenação: Dinah Feldman
Datas e horários: 9, 11, 16 e 18/3, 10h às 12h
Inscrições: 7/2 a 23/2
20 Vagas
Público-aula: Adultos, preferencialmente educadores, sem conhecimento ou iniciantes na arte de narrar histórias.
Seleção: análise da ficha de inscrição
Materiais necessários: Cada participante deve trazer uma história curta, extraída de livros ou histórias orais.
Plataforma: Zoom
Link de inscrição:https://forms.gle/VXxcgBSMhzm3cMkK7
A atividade visa capacitar educadores e curiosos para a atividade de contar histórias utilizando recursos variados, centrada no participante: valorizando suas experiências e expectativas para o mundo da educação e tendo como foco a pessoa-narradora.
OFICINA: ESCRITA DE PROJETOS – ORGANIZANDO IDEIAS, CONTEXTOS E NARRATIVAS ARTÍSTICAS
Coordenação: Robson Ferraz
Datas e horários:
Turma A: 9, 11, 16 e 18/3, 14h às 16h
Turma B: 16, 17, 23 e 24/3,  18h30 às 20h30 
Inscrições: 7/2 até o preenchimento das vagas
25 vagas por turma
Seleção: primeiros inscritos
Público-alvo: Artistas de todas as áreas, estudantes de arte e demais profissionais envolvidos com produção cultural, acima de 16 anos
Plataforma: Zoom
Link de inscrição Turma A: https://forms.gle/wG92Xi26wqcZaZSn7
Link de inscrição Turma B: https://forms.gle/aSjFdv55gzRTtgb76
A oficina destina-se a artistas, estudantes de todas as artes e demais profissionais envolvidos com produção cultural interessados na escrita artística, organização e desenvolvimento de projetos. Com foco na produção do texto, os encontros têm como objetivo fornecer ferramentas que auxiliem os participantes a redigir e comunicar seus processos artísticos com maior clareza e eficácia. As aulas abordam a estrutura dos argumentos, a importância da narrativa e a organização do discurso artístico. A oficina explora também a importância da escrita como principal meio para o encontro de linhas de apoio à realização de projetos artísticos e culturais dentro do contexto brasileiro de editais de fomento às artes. 
PALESTRA: ARTE URBANA E FUTEBOL
Coordenação: Emerson Prata e Luiz Torres
Data e horário: 10/3, 18h30 às 20h30
60 Vagas
Inscrições: 7/2 até o preenchimento das vagas
Público Alvo: Estudantes, professores, artistas e interessados em geral a partir de 16 anos.
Seleção: primeiros inscritos
Plataforma: Zoom
Link de inscrição: https://forms.gle/oN1e89EajaVTmkA98
Arte urbana é um termo que pode definir muitas formas de ocupação dos espaços públicos e privados, principalmente nos grandes centros urbanos desde a década de 1670 até os dias atuais. No futebol, tem muito a ver com a demarcação dos espaços urbanos de torcidas dos grandes clubes, também como reverência e ídolos consagrados em suas equipes e outros fatores que são vida e cores por onde passam. Esta proposta tem por objetivo dialogar sobre ocupação artística urbana e sua relação com futebol em diferentes contextos ao redor do mundo.
OFICINA: AFROVISUALISMOS 2.0
Coordenação : Ramo Negro
Datas e horários: 14, 16, 21 e 23/3, 14h às 16h
Inscrições: 7/2 até o preenchimento das vagas
50 Vagas
Seleção: primeiros inscritos
Público-alvo: interessados em tecnologia, economia criativa, arte e visualidades.
Plataforma: Zoom
Link de inscrição: https://forms.gle/kBZZPBswntCc1Bxc9
A oficina busca, por meio do estudo da estética preta contemporânea e seus atravessamentos nas artes visuais, no design, na moda, na ilustração, no cinema e afins,  desenvolver uma plataforma de encontros e trocas de saberes a partir das leituras semióticas, estudos e visualidades pretas e seus desdobramentos sócio visuais no contemporâneo. Pretende fomentar em seus participantes a provocação de produzir arte a partir de uma lente Afro Utópica.
OFICINA DE CRIAÇÃO POÉTICA: MUITOS OUTROS EUS EM MIM
Coordenação: Marina Wisnik
Datas e horários: 15, 17, 22 e 24/3, 14h às 16h
Inscrições: 7/2 até o preenchimento das vagas
60 Vagas
Seleção: primeiros inscritos
Público-alvo: Interessados em poesia.
Plataforma: Zoom
Link de inscrição: https://forms.gle/9L1tEvX8JUPQ6q9Q9
A oficina visa sensibilizar e instrumentalizar os participantes à leitura e criação poética, com foco no tema da heteronímia, isto é, os múltiplos “eus” poéticos criados por um mesmo autor ou autora. A partir de uma leitura aprofundada da obra de Fernando Pessoa, pretende-se analisar, coletiva e sensivelmente, seus diferentes heterônimos: Álvaro de Campos, Ricardo Reis, Alberto Caeiro e o próprio Fernando Pessoa. O participante deverá ampliar seu repertório acerca do tema, aventurar-se na criação de poesias, refletir sobre as produções realizadas no grupo, transitando entre teoria e prática, Considerando que o trabalho terá enfoque na multiplicidade do olhar, a oficina terá espaço para discussões no que se refere às fronteiras entre o conceito de lugar de fala e os limites da ficção, ampliando a discussão para o tema de liberdade e limite na poesia sob a perspectiva do eu-lírico.
COMO INVESTIGAR UMA OBRA
Coordenação: Uila  
Data e horário: 15/3, 18h30 às 21h30
20 vagas
Inscrições: 7/2 até o preenchimento das vagas
Público-alvo: Arte-educadoras(es), artistas, curadores(es) e interessadas(os) em geral, acima de 18 anos.
Seleção: primeiros inscritos
Plataforma: Zoom
Link de inscrição: https://forms.gle/1zZVbnPHoxj41mVB8
Levando como ponto inicial a arte educação como campo de conhecimento e pesquisa, a oficina pretende tornar público o processo de investigação de uma obra de arte, considerando sua produção, discurso, localização expositiva e a proposta curatorial que a envolve. A partir destes critérios, pretende-se pôr em questão o Núcleo Arte-Educativo enquanto área profissional, transformando-o, também, enquanto ponto de reflexão, análise e discussão.
ENCONTROS LÍRICOS COM CARMEN, DE GEORGES BIZET
Coordenação: Sergio Casoy
Datas e horários: 16 e 17/3, quarta e quinta-feira, 18h30 às 20h30
50 Vagas
Inscrições: 7/2 até o preenchimento das vagas
Seleção: primeiros inscritos
Público-Alvo: interessados a partir de 16 anos
Plataforma: Zoom
Link de inscrição: https://forms.gle/WNr4WYHGQ2p1Z2v39
O formato denominado “Encontro Lírico” consiste em, tomando uma determinada ópera como tema, discorrer sobre suas origens e detalhes que envolvem sua criação – apoiada por exibição de imagens via Power Point – e a em seguida exibir e comentar, em vídeo, seus trechos mais significativos, retirados de várias produções daquela ópera para que os alunos possam, além de se familiarizar com o canto, comparar e constatar às várias possibilidades de produção teatral que um mesmo tema pode oferecer. Com Sergio Casoy, professor e pesquisador de música lírica, apresentador do programa “Bravo”, da Rádio Cultura FM (SP) e autor de “A invenção da ópera” e “Ópera de outros cantares”.
OFICINA: PATROCÍNIO NA MÚSICA – UM GUIA PARA ARTISTAS E PRODUTORES
Coordenação: Alice Coutinho
Datas e horários: 
Turma A: 14, 16 e 18/3, 14h às 16h
Turma B: 17, 22 e 24/3, 18h30 às 20h30
Inscrições: 7/2 até o preenchimento das vagas
30 Vagas
Seleção: primeiros inscritos
Público-alvo: músicos e produtores culturais, público que em geral concorre e recorre a patrocínios com seus projetos culturais, a partir de 16 anos.
Plataforma: Zoom
Link de inscrição Turma A: https://forms.gle/MWyncnFHxWCckdno9
Link de inscrição Turma B: https://forms.gle/BV5pdtygcbuSV3Ht7
A oficina visa refletir sobre o papel e centralidade do patrocínio no financiamento à cultura na contemporaneidade e apresentar a músicos e produtores conhecimentos interdisciplinares de marketing, gestão e sociologia para auxiliá-los em seus projetos, buscando uma atuação mais consciente e assertiva na busca e manutenção de parcerias com empresas patrocinadoras. 
AS DRAMATURGIAS DOS CÔMICOS DE REPETIÇÃO
Coordenação: Caco Mattos
Datas e horários: 21, 23 e 25/3, 14h às 16h
30 Vagas
Inscrições: 7/2 até o preenchimento das vagas
Seleção: primeiros inscritos
Público Alvo: Artistas, estudantes e pessoas que pesquisam e tenham interesse em comicidade e suas dramaturgias a partir de 16 anos.
Plataforma: Zoom
Link de inscrição: https://forms.gle/ivXgeAP9gJCKdv5E7
Nos três encontros virtuais, serão analisadas as composições e estruturas dramatúrgicas de três entradas cômicas e seus conteúdos, a apresentação de alguns aspectos históricos, sociológicos, antropológicos, a produção de sentidos em épocas distintas, a interpretação, os tipos cômicos e suas relações de hierarquia, o jogo e afinação. As entradas escolhidas também servirão como ponto de partida para reflexão e análise sobre a utilização das entradas na contemporaneidade.
OFICINA DE DESENHO A MÃO LIVRE A PARTIR DE FORMAS SIMPLES
Coordenação: Felipe Fejão
Datas e horários: 24, 29 e 31/3, 10h às 12h
30 Vagas
Inscrições: 7/2 até o preenchimento das vagas
Público Alvo: interessados em geral a partir de 16 anos.
Seleção: primeiros inscritos
Materiais necessários: 1 Lápis preto 2B ou 6B, 1 Borracha Branca, 1 pacote de 100 folhas papel sulfite A4, 1 Apontadores, 1 Canetas Retroprojetor preta
Plataforma: Zoom
Link de inscrição: https://forms.gle/TkGi4oSCRS1yHRAp7
O artista visual Felipe Fejão propõe para a oficina de desenho o aprendizado que, aplicando técnicas simples de desenho, qualquer pessoa pode construir qualquer desenho a partir de formas geométricas simples, usando materiais de fácil acesso ou que estão disponíveis em casa.
OFICINA: VOZ NÃO SE DÁ, SE ESCUTA
Coordenação: Larissa Pedrosa e Renata Oliveira 
Datas e horários: 28 e 30/3, 18h30 às 20h30
Inscrições: 7/2 até o preenchimento das vagas
25 Vagas
Seleção: primeiras inscritas
Público-alvo: Para mulheres acima de 15 anos que desejem experimentar sua voz por meio de atividades artísticas.
Plataforma: Zoom
Link de inscrição: https://forms.gle/NK4qZNhM2uXD42Q18
Nesta oficina serão desenvolvidas, a partir de práticas que proporcionam a escuta e acolhimento das participantes, atividades que incentivam a exploração da voz como ferramenta de expressão e autopercepção, por meio do canto, histórias, rodas de conversas, poesia, corpo em movimento e outras possibilidades artísticas.
CONTAÇÃO DE HISTÓRIA PARA BEBÊS – INTRODUÇÃO
Coordenação: Fernanda Munhão
Turma A: 22/3 – terça-feira –  9h às 12h
Turma B: 28/3 – segunda-feira – 14h às 17h
Inscrições: 7/2 até o preenchimento das vagas
60 vagas por turma
Seleção: primeiros inscritos
Público alvo: interessados a partir de 16 anos.
Plataforma: Zoom
Link de inscrição turma A: https://forms.gle/Yk7J3Jf935wcMHUc7
Link de inscrição turma B: https://forms.gle/7K8V2UB7x5eew4Vt9
A palestra trata da importância da leitura e da contação de histórias para os bebês. Como o bebê demonstra interesse pelas histórias? Como contar e ler histórias para os bebês? Quais os temas sugeridos? Quais os livros destinados a essa faixa etária? Quais os recursos utilizados para atrair a atenção do bebê? Um bate-papo descontraído destinado aos pais, professores, psicólogos e todos aqueles que se interessam pelas crianças desde o ventre ao tempo do brincar.
PALESTRA: LYGIA CLARK: DA ARTE À TERAPIA – ESTUDOS DOS OBJETOS RELACIONAIS
Coordenação: Dani Bargas
Datas e horários:
Turma A: 23/3 – quarta-feira – 9h às 12h
Turma B: 30/3 – quarta-feira – 18h às 21h
Inscrições: 7/2 até o preenchimento das vagas
50 vagas por turma
Seleção: primeiros inscritos
Plataforma: Zoom
Link de inscrição Turma A: https://forms.gle/pRQeCCY1JCMhPKfu9
Link de inscrição Turma B: https://forms.gle/gEAm4cy3awSwZSvY7
Nesta palestra será apresentado o pensamento, a trajetória, e a obra de Lygia Clark por meio de seus “Objetos Relacionais”  como dispositivos para interconexão entre espaço interno e externo, corpo e cosmo. Lygia Clark foi pintora e escultora brasileira nascida em Minas Gerais, pioneira da arte-abstrata e dedicou-se ao estudo do espaço e da materialidade. A radicalidade com que explorou as potencialidades expressivas dos planos levou-a a desdobrá-los. Interessada em despertar todos os sentidos do público, mergulhou nas trocas sensoriais para criar uma linguagem relacional. A artista Lygia Clark se autodenominava propositora ou canalizadora de experiências, e assim, criou possibilidades terapêuticas da arte sensorial e dos objetos em relação com o corpo, com objetivo de ampliar a percepção, retomar memórias ou provocar diferentes emoções.
OFICINA DE ESCRITA DE PROJETOS CULTURAIS
Coordenação: Amanda Prado
Datas e horários:
Turma A: 5, 12, 19 e 26/3 – aos sábados – das 9h às 11h
Turma B: 7, 8, 9 e 10/3 – segunda, terça, quarta e quinta-feira – 19h às 21h
Turma C: 14, 15, 16 e 17/3 – segunda, terça, quarta e quinta-feira – 9h às 11h
Turma D: 21, 22, 23 e 24/3 – terça, quarta, quinta e sexta-feira – 14h às 16h
Inscrições: 7/2 até o preenchimento das vagas
50 vagas por turma
Seleção: primeiros inscritos
Plataforma: Zoom
Link de inscrição Turma A: https://forms.gle/u5ktirn62XPr8i3M7
Link de inscrição Turma B: https://forms.gle/K4v79WnkxxGwTTD47
Link de inscrição Turma C: https://forms.gle/mJ8ezp9CEBrMD5XP9 
Link de inscrição Turma D: https://forms.gle/btRkcPP5zvCsYpL67 
Esta oficina abordará os principais fundamentos para formatação de projetos culturais, como descrição de objetivos e justificativas, organização de cronograma e orçamento, tendo como base o ProAC Editais – programa de fomento da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo.

Geral

‘Quem não dança, anda’: Virada convida para rodear a Lagoa gingando

Publicado

em

Por

Uma atividade lúdica e inspiradora está incluída na programação da Virada SP 2022 Campinas no domingo, dia 21 de agosto: a Parada da Dança, que colocará alunos de academias e adeptos da atividade para dar a volta na Lagoa do Taquaral e Arautos … dançando.

Ou caminhando, se o participante optar por uma forma mais tradicional de vencer o percurso. A concentração será às 9h30 no teatro da Arautos da Paz, de onde todos rumarão sentido Taquaral.

O slogan da Parada é “Quem não dança, anda”. O trajeto dará espaço para vários estilos de dança durante toda a manhã, até meio-dia. A participação é aberta ao púbico em geral e, segundo os realizadores, a Parada é um movimento para chamar a atenção dos benefícios que a dança promove na vida das pessoas.

Continue Lendo

Geral

Mata de Santa Genebra adia caminhada noturna devido às rajadas de vento

Publicado

em

Por

 

A Fundação José Pedro de Oliveira adiou a caminhada noturna “Procurando o Corpo Seco”, que seria realizada nesta sexta-feira, 19 de agosto, às 19h, na Mata de Santa Genebra. Os organizadores julgaram mais seguro cancelar o passeio desta sexta porque estão ocorrendo fortes rajadas de vento na região de Campinas, trazendo risco de queda de árvores e galhos. Segundo a Defesa Civil, a velocidade do vento ultrapassou os 40km/h às 12h de hoje, em medição feita no Aeroporto de Viracopos.

 

A organização informou os 50 participantes inscritos para o evento de hoje que a atividade foi transferida para a próxima sexta-feira, 26 de agosto.

 

Publicidade

Procurando o Corpo Seco 

 

O passeio noturno pela Mata, apelidado de “caminhada assustadora” por quem já participou, é gratuita e tem um roteiro de aproximadamente 5 km de trilha. Técnicos e biólogos acompanharão os participantes e ficarão encarregados tanto de apontar aspectos da vida da Mata à noite quanto de narrar histórias sobrenaturais.

 

O evento é uma realização da Fundação José Pedro de Oliveira, gestora da Mata, em parceria com o grupo criativo de Campinas “O que te Assombra?”. A Secretaria de Cultura e Turismo de Campinas apoia a ação.

Publicidade

 

O ponto de encontro será na sede da Fundação, localizada na Rua Mata Atlântica, nº 447, no Bosque de Barão Geraldo, Campinas. As inscrições são gratuitas e devem ser feitas pela internet em https://forms.gle/F4ARECJVFRGxjads9. Haverá arrecadação de mantimentos para o Banco de Alimentos de Campinas. Quem quiser, pode doar no dia da caminhada.

 

Além de ser o lar de milhares de espécies e possuir fauna e flora exuberantes, a Mata de Santa Genebra é celeiro de lendas e histórias sobrenaturais. “Procurando o Corpo Seco” é uma das lendas assustadoras da floresta que são contadas durante as caminhadas noturnas.

 

Publicidade

O passeio lembrará outros personagens do imaginário da cidade que, com o passar dos anos, foram esquecidos pelo tempo. Entre outros, os narradores contarão as sagas do Lobisomem de Campinas, do Boi Falou, do Anhangá e de outras figuras míticas da nossa floresta. Todas as histórias trarão, junto com as lendas, muitas lições socioambientais.

 

A caminhada é recomendada para crianças acompanhadas dos responsáveis e adultos que tenham muita coragem e disposição.

 

Publicidade
Continue Lendo

Geral

Virada: CPQD promove atrações para crianças e adultos na Lagoa do Taquaral

Publicado

em

Por

O CPQD, instituição de inovação em tecnologias da informação e comunicação, completa 46 anos no dia 31 de agosto e, como parte das comemorações de seu aniversário, dará um presente ao público da Virada Cultural Campinas no domingo, dia 21 de agosto, na Lagoa do Taquaral. A partir das 8 horas, adultos e crianças poderão participar das diversas atrações programadas pelo CPQD, que serão abertas a seus colaboradores e familiares e, também, ao público em geral. 

 

Profissionais da Ative Vida estarão lá logo cedo, orientando as pessoas interessadas em exercitar o corpo e acompanhando a Caminhada Cuidando de Mim, que terá início às 9 horas. A caminhada será realizada na área interna do parque e a duração prevista é de 45 minutos.

 

 

Publicidade

Às 10 horas, um show com bolhas gigantes deverá fazer a alegria de adultos e crianças. Um robô gigante e os simpáticos WeMovers – personagens que representam os valores do CPQD – também estarão lá animando a festa, que terá distribuição de pipoca, algodão doce e de brindes para quem participar das atividades realizadas.

 

 

Para os pequenos, as atividades incluem pintura, jogos de memória e dos 7 erros, cama elástica e outras brincadeiras. Já os adultos poderão conhecer melhor a história do CPQD e algumas das principais tecnologias desenvolvidas pela organização ao longo de seus 46 anos, no painel ilustrativo que será montado no local.

 

Publicidade

 

As atividades programadas pelo CPQD irão até as 13 horas e o acesso será pelo portão 5 da Lagoa do Taquaral.

 

 

 

Publicidade

Realizada pela Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, a Virada SP Campinas 2022 acontece neste final de semana em diversos pontos da cidade.

 

 

Serviço

 

Publicidade

CPQD na Virada Cultural Campinas

 

Data: domingo, dia 21 de agosto

 

Onde: Lagoa do Taquaral – entrada pelo portão 5

Publicidade
Continue Lendo

Populares