Connect with us

Sumare

NOTA DE ESCLARECIMENTO – FALTA DE ÁGUA EM SUMARÉ

Publicado

em

Desde que assumiu o mandato em janeiro de 2017, a atual gestão tem mantido estudos a fim de avaliar as denúncias levantadas pela operação denominada LAVA JATO nº 23, referente a eventual pagamento de vantagem indevida a agentes públicos e eventualmente relacionados a concessão do Departamento de Água e Esgoto – DAE para a empresa Odebrecht.

Por conta das denúncias de corrupção envolvendo a Odebrecht S.A., houve a reorganização societária para a empresa BRK Ambiental S.A., sem que a Administração da Prefeita Cristina Carrara exigisse documentos determinados pela legislação atual para a transferência solicitada, fato este devidamente comunicado ao Ministério Público e objeto de análise.

Durante a execução do contrato de concessão, a gestão da ex-Prefeita Cristina Carrara celebrou um novo acordo com a Odebrecht Ambiental S.A., suspendendo o pagamento do valor da outorga e criando benefícios que não foram encontrados no edital de licitação e no contrato de concessão do Departamento de Água e Esgoto, o que levou o atual Prefeito Municipal Luiz Alfredo Castro Ruzza Dalben a solicitar do Poder Judiciário a anulação do Termo de Ajustamento de Conduta firmado. A ação encontra-se tramitando regularmente no Poder Judiciário, sem decisão.

A Câmara Municipal de Sumaré instaurou Comissão Especial de Inquérito em face das denúncias de pagamento de vantagem indevidas e irregularidades na concessão do Departamento de Água e Esgoto para a Odebrecht.  Durante os trabalhos da CEI, o delator da operação LAVA JATO nº 23 que denunciou o pagamento de vantagem a servidor público de Sumaré, confirmou o pagamento, além de informar que sabia da existência de um Termo de Ajustamento de Conduta firmado antes da concessão do DAE e que deveria ter sido lançado no edital de licitações, desconhecendo o motivo da omissão por parte da Administração da ex-prefeita Municipal Cristina Carrara, supondo haver informação privilegiada em relação ao processo licitatório.

A CEI, após a oitiva de outros agentes públicos da gestão 2013/2016, editou Relatório Final, propondo várias medidas por parte do Poder Executivo.

Publicidade

A BRK Ambiental Sumaré S.A. tenta anular o Relatório final da CEI. A empresa já foi derrotada na Justiça de Sumaré e no Tribunal de Justiça de São Paulo (neste, em Agravo de Instrumento). O recurso final encontra-se preparado para julgamento.

O Ministério Público de Sumaré ingressou com Ação Judicial para anular o processo licitatório e todos os atos dele decorrentes, que culminaram na contratação da empresa Odebrecht e outra empresa que porventura esteja cumprindo irregularmente o contrato. A ação tramita perante o Poder Judiciário, sem decisão.

Pesa ainda o não reconhecimento da BRK Ambiental Sumaré S.A., pela Justiça de Sumaré e Tribunal de Justiça de São Paulo, como figurante em processos judiciais, indicando que a participação da empresa nos processos não tem obtido sucesso.

O Município de Sumaré tem obedecido ao princípio da legalidade, determinado pelo artigo 37 da Constituição Federal, e aguardava decisão judicial para o deslinde da questão, pois respeita o Poder Judiciário e o Ministério Público.

Porém, diante do contínuo descumprimento das cláusulas do contrato de concessão, o Município de Sumaré comunica que estará adotando medidas para o pronto restabelecimento do abastecimento de água na cidade e conta com a participação da população nas medidas a serem adotadas.

Publicidade

Sumare

Cinco pessoas morrem afogadas no final de semana no litoral paulista. Uma de Sumaré

Publicado

em

Por

Neste domingo (06), três banhistas morreram afogados em Guarujá e dois em Mongaguá, no litoral sul Paulista.

Os afogamentos em Guarujá ocorreram na Praia da Enseada. Todos eram homens, de 24, 27 e 60 anos. Em dois casos as vítimas chegaram a ser retiradas do mar e socorridas, mas não resistiram.

Dentre as vitimas, está um jovem de 24 anos, morador de Sumaré, morreu na tarde de ontem (6) por afogamento na praia da Enseada, no Guarujá.

Três pessoas ainda estão desaparecidas no litoral paulista, sendo dois em Itanhaém e um em Mongaguá. Os desaparecidos eram todos da capital.

Neste final de semana as praias registraram lotação de visitantes. De acordo com a Polícia Militar Rodoviária, só na Baixada Santista mais de 1 milhão de pessoas eram esperadas por conta do feriado.

Publicidade
Continue Lendo

Sumare

CPFL oferece curso gratuito em Sumaré

Publicado

em

Por

cpfl

Moradores da região de Sumaré interessados em aprender um novo ofício já podem se inscrever no Curso de Formação de Eletricistas de Construção de Rede de Distribuição Elétrica da CPFL Serviços. A Escola de Eletricistas, com 32 vagas no total, é gratuita e terá aulas nos períodos diurno e noturno entre setembro e dezembro. A formação é oferecida pelo SENAI ‘Celso Charuri’, de Sumaré, em parceria com a empresa do grupo CPFL Energia.

Para participar do processo seletivo, os candidatos precisam residir nas cidades de Campinas, Americana, Valinhos, Piracicaba e Jaguariúna. Além disso, é necessário ter no mínimo 18 anos, ensino fundamental completo e possuir Carteira Nacional de Habilitação (CNH) de categoria B válida e definitiva. As inscrições podem ser realizadas até o dia 28 de agosto por meio do envio do currículo atualizado para recrutaserviços@cpfl.com.br e com o título “Escola de Eletricista” no assunto do e-mail.

As etapas do processo seletivo serão eliminatórias e os testes ocorrerão entre 31 de agosto e 16 de setembro. Serão aplicados os seguintes exames: teste psicológico, teste em altura (prática), entrevista e avaliação médica. Os locais dos processos seletivos serão informados após avaliação e aprovação das inscrições. Para participar do curso, o candidato precisa ter sido aprovado em todas as etapas do processo seletivo e apresentar cópia do CPF, RG e certificado de conclusão do Ensino Fundamental.

Obedecendo os critérios da Organização Mundial de Saúde, os decretos estaduais e municipais de quarentena e contenção da Covid-19, as aulas iniciais serão em EaD (on-line). Para isso, o aluno deverá ter acesso a computador e internet, por meio de recursos próprios, para as aulas remotas. Havendo a devida liberação, o curso presencial será realizado na cidade de Sumaré e o aluno terá à disposição hospedagem e alimentação no local.

O curso acontecerá online de 21 de setembro a 16 de outubro, durante a semana, das 8h às 18h (turma diurna com 16 alunos) e das 18h30 às 22h30 (turma noturna com 16 alunos). Se houver necessidade da realização de aulas aos sábados, os alunos serão informados previamente. A participação no curso não garante vaga no quadro de colaboradores do Grupo CPFL.

Publicidade

SERVIÇO – Curso gratuito de Formação de Eletricistas

Inscrições: de 17 a 28 de agosto.

Processo Seletivo: de 31 de agosto a 16 de setembro.

Local das Aulas: Inicialmente em formato EaD (online). Em caso de liberação para aulas presenciais, o curso será ministrado no SENAI “Celso Charuri”: Av. Rebouças, 3965 – Centro, Sumaré – SP

Período previsto das aulas: de 21 de setembro a 16 de outubro (online) e 7 de dezembro de 2020 (prática).

Publicidade

Horário previsto do curso: segunda-feira a sexta-feira, das 8h às 18h (diurno/16 alunos) e das 18h30 às 22h30 (noturno/16 alunos).

Continue Lendo

Sumare

Grave acidente deixa 8 vítimas em Sumaré

Publicado

em

Por

Na noite deste domingo (31), um grave acidente entre dois veículos de passeio deixou oito pessoas feridas, na Avenida Emílio Bôsco, região do bairro Matão, em Sumaré. As vítimas eram adolescentes do sexo masculino e feminino e algumas foram socorridas em estado grave.

As causas do acidente que ainda serão esclarecidas, a suspeita que o carro modelo Gol, tenha colidido frontalmente com o Fiat Pálio, que vinha em sentido contrário. Em decorrência do impacto, a frente do automóvel Gol ficou completamente destruída.

Diversas equipes do Samu e do Corpo de Bombeiros compareceram ao local. No Fiat Pálio havia quatro ocupantes e socorridas de imediato.

Os Bombeiros tiveram muito trabalho para resgatar os cinco ocupantes do Gol, foi necessário serrar a capota para o desencarceramento das vítimas em meio às ferragens.

De acordo com paramédicos, todas as vítimas, foram socorridas com fraturas, contusões, escoriações e cortes. Foram encaminhadas ao UPA Luiz Dalben e Hospital Estadual de Sumaré

Publicidade

A Polícia Militar também foi acionada e ekksteve no local prestando apoio à ocorrência.

Continue Lendo

Populares