Connect with us

Geral

MIS oferece programação diversificada nas sessões de cinema

Publicado

em

Os cinéfilos de plantão têm bons motivos para comemorar. Em janeiro, o Museu da Imagem e do Som de Campinas (MIS) oferece uma programação eclética com diretores e produções de ponta. Na grade, estão “Além das Palavras”, uma sensível biografia da poeta Emily Dickinson; o vencedor de seis Oscar, “La La Land”, dirigido por Damien Chazelle; a animação “A Tartaruga Vermelha”, de Michael Dudok de Wit, indicada ao Oscar de animação e premiado em Cannes, entre outros títulos oferecidos ao público. 

Todas as sessões têm entrada gratuita. O MIS está localizado no Palácio dos Azulejos, à Rua Regente Feijó, 859. Centro, Campinas.

Confira a programação:

 

Ciclo “Os Melhores do Ano”

Publicidade

Curadoria: Ricardo Pereira e Gustavo Sousa

 

Quinta, 4 de Janeiro, 20h

PATERSON

Direção de Jim Jarmusch

Publicidade

Paterson (Adam Driver) é motorista de ônibus na cidade que leva seu nome. Ele escreve poemas e observa a as pequenas coisas do cotidiano, numa cidade onde nada parece acontecer. Indicado à Palma de Ouro em Cannes 2016. EUA, 2016. Colorido, 113 min.

 

Sexta, 5 de Janeiro, 20h

PERSONAL SHOPPER

Direção de Olivier Assayas

Publicidade

Jovem americana (Kristen Stewart), que trabalha como personal shopper para uma modelo em Paris, vive obcecada pela possibilidade de um contato espírita com o irmão gêmeo, Lewis, que morreu, e com quem ela compartilhava uma deficiência cardíaca genética e uma promessa: quem morresse primeiro mandaria um sinal do além ao outro, já que ambos eram médiuns. Vencedor do Prêmio de Direção no Festival de Cannes 2016. França, 2016. Colorido, 105 min.

 

Sábado, 6 de Janeiro, 20h

TONI HERDAM

Direção de Maren Arde

Publicidade

Pai e filha mantêm uma difícil relação e vivem separados. Ela mora em Bucareste onde trabalha como uma executiva durona. Um dia ele resolve visitá-la sem avisar e torna-se um fator de irritação a cada passo que ela dá, especialmente depois que ele decide assumir um alter ego meio palhaço. Indicado à Palma de Ouro no Festival de Cannes 2016 e ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro. Alemanha, 2016. Colorido, 160 min.

 

Sessão da Tarde Especial de Férias

Curadoria: Andreia Reis e Ricardo Pereira 

 

Publicidade

Terça, 9 de Janeiro, 14h

MOANA

Direção de Ron Clemens e John Musker

Moana é uma jovem, filha de um chefe de uma ilha da Oceania. Ela vai desafiar a proibição do pai e viver uma grande aventura no mar, ao lado do semideus Maui, numa jornada para salvar a natureza da destruição e enfrentando muitos perigos. Vencedor do Oscar de Melhor Animação. EUA, 2016. Colorido, 107 min. Filme dublado. Censura Livre. 

 

Publicidade

Ciclo “Melhores do Ano”

Curadoria: Gustavo Sousa e Ricardo Pereira 

 

Quarta, 10 de Janeiro, 20h

O ORNITÓLOGO

Publicidade

Direção de João Pedro Rodrigues

Vencedor do prêmio de direção em Locarno, o novo filme do português João Pedro Rodrigues acompanha a jornada de um homem (Paul Hamy). Embrenhado na mata com uma missão científica, ele é gradativamente enredado em tramas fantásticas, sendo capturado por duas chinesas e encontrando figuras misteriosas. Portugal, 2016. Colorido, 117 min.

 

Sessão da Tarde Especial de Férias

Curadoria: Andreia Reis e Ricardo Pereira 

Publicidade

 

Quinta, 11 de Janeiro, 14h

LA LA LAND

Direção de Damien Chazelle

Musical vencedor de seis Oscar reúne Emma Stone e Ryan Gosling num romance temperado pela busca do sucesso em Los Angeles. EUA, 2016. Colorido, 126 min.

Publicidade

 

Ciclo “Melhores do Ano”

Curadoria: Gustavo Sousa e Ricardo Pereira 

 

Quinta, 11 de Janeiro, 20h

Publicidade

NA VERTICAL

Direção de Alain Guiraudie

Neste novo trabalho de Alain Guiraudie (“O Estranho no Lago”), o protagonista (Damien Bonnard) é um roteirista sofrendo de bloqueio criativo que chega a um sítio. Lá conhece uma mulher (India Hair) e se envolve numa série de relacionamentos complicados. França, 2016. Colorido, 100 min.

 

Sexta, 12 de Janeiro, 20h

Publicidade

ALÉM DAS PALAVRAS

Direção de Terence Davies

Uma das maiores poetas da língua inglesa, Emily Dickinson ganha uma sensível biografia sob a direção de Terence Davies. Interpretada por Cynthia Nixon na maior parte do filme, a poeta ganha vida na tela, encarnando seus dias de intensa atividade intelectual mas também muita solidão. Inglaterra, 2016. Colorido, 125 min.

 

Sábado, 13 de Janeiro, 20h

Publicidade

MULHERES DO SÉCULO XX

Direção de Mike Mills

Annette Bening e Elle Fanning protagonizam essa comédia dramática sobre três mulheres explorando as possibilidades do amor nos anos de 1970. Indicado ao Oscar de roteiro original. EUA, 2016. Colorido, 119 min.

 

Sessão da Tarde Especial de Férias

Publicidade

Curadoria: Andreia Reis e Ricardo Pereira 

 

Terça, 16 de Janeiro, 14h

KUBO E AS CORDAS MÁGICAS

Direção de Travis Knight

Publicidade

Nessa impressionante animação em stop-motion, indicada ao Oscar, um pequeno garoto japonês irá lutar contra forças do mal, representadas por seu avô, o Rei Lua, e suas tias malignas. EUA, 2016. Colorido, 101 min. Filme dublado. Censura livre.

 

Ciclo “Os Melhores do Ano”

Curadoria: Ricardo Pereira e Gustavo Sousa

 

Publicidade

Quarta, 17 de Janeiro, 20h

CLASH

Direção de Mohamed Diab

Novo trabalho do diretor egípcio Mohamed Diab (“Cairo 678”) retrata o impasse político em seu país no dia seguinte à derrubada do poder do presidente eleito Mohammed Morsi. Quase todo o filme passa-se de um caminhão-camburão, onde se acotovelam detidos que participavam de manifestações e de posições radicalmente opostas entre si. França, 2016. Colorido, 97 min.

 

Publicidade

Sessão da Tarde Especial de Férias

Curadoria: Andreia Reis e Ricardo Pereira 

 

Quinta, 18 de Janeiro, 14h

MOONLIGHT

Publicidade

Direção de Barry Jenkins

Vencedor de três Oscar, o filme retrata o processo de amadurecimento de um jovem afroamericano numa região dominada pelo tráfico em Miami. Com Mahershala Ali e Janelle Monae. EUA, 2016. Colorido, 111 min.

 

Ciclo “Os Melhores do Ano”

Curadoria: Ricardo Pereira e Gustavo Sousa

Publicidade

 

Quinta, 18 de Janeiro, 20h

O OUTRO LADO DA ESPERANÇA

Direção de Aki Kaurismäki

Dirigido por Aki Kaurismäki, que ganhou o prêmio de direção no Festival de Berlim, o filme tem como protagonista um sírio, Khaled (Sherwan Haji) que foge para Helsinque em busca de asilo. Ali encontra emprego num restaurante e tenta retomar contato com a irmã (Niroz Haji), que se perdeu dele pelo caminho. Finlândia, 2017. Colorido, 100 min.

Publicidade

 

Sexta, 19 de Janeiro, 20h

EU NÃO SOU O SEU NEGRO

Direção de Raoul Peck

Indicado ao Oscar, o documentário parte de um projeto do escritor James Baldwin de resgatar a história dos EUA a partir da biografia de três ativistas: Medgar Evers, Malcolm X e Martin Luther King Junior. A narração é de Samuel L. Jackson. EUA, 2016. Colorido, 95 min.

Publicidade

 

Sábado, 20 de Janeiro, 20h

CORRA!

Direção de Jordan Peele

Inesperado sucesso de crítica e bilheteria nos EUA, esse terror traz como protagonista jovem afro-americano (Daniel Kaluuya) que vai conhecer a família liberal da namorada branca (Allison Williams) e descobre um segredo assustador. EUA, 2017. Colorido, 103 min.

Publicidade

 

Sessão da Tarde Especial de Férias

Curadoria: Andreia Reis e Ricardo Pereira 

 

Terça, 23 de Janeiro, 14h

Publicidade

A TARTARUGA VERMELHA

Direção de Michael Dudok de Wit

Indicada ao Oscar de animação e premiada em Cannes, essa animação sem diálogos acompanha diversos estágios da vida de um náufrago numa ilha tropical. cercado de tartarugas, caranguejos e pássaros. Japão, 2016. Colorido, 80 min. Censura livre. 

 

Ciclo “Os Melhores do Ano”

Publicidade

Curadoria: Ricardo Pereira e Gustavo Sousa

 

Quarta, 24 de Janeiro, 20h

A GAROTA DESCONHECIDA

Direção de Jean-Pierre e Luc Dardenne

Publicidade

Concorrente ao César 2017 e à Palma de Ouro em 2016, o novo drama dos irmãos Dardenne conta a história de uma médica (Adèle Haenel) que se atormenta por não ter ajudado uma imigrante africana que bateu em sua porta à noite. Bélgica/ França, 2016. Colorido, 103 min.

 

Sessão da Tarde Especial de Férias

Curadoria: Andreia Reis e Ricardo Pereira 

 

Publicidade

Quinta, 25 de Janeiro, 14h

MANCHESTER À BEIRA-MAR

Direção de Kenneth Lonergan

No drama multipremiado, Casey Affleck interpreta Lee Chandler, um homem devastado por uma tragédia familiar que se vê obrigado a voltar à sua terra natal para tomar conta de um sobrinho adolescente. Nessa volta, ele encara o encontro fatal com fantasmas incontornáveis. EUA, 2016. Colorido, 137 min.

 

Publicidade

Ciclo “Os Melhores do Ano”

Curadoria: Gustavo Sousa e Ricardo Pereira

 

Quinta, 25 de Janeiro, 20h

UNA 

Publicidade

Direção de Benedict Andrews

Uma mulher enfrenta um homem mais velho, seu ex-vizinho, para descobrir por que ele a abandonou depois de ter uma relação sexual quando ela tinha treze anos. Austrália, 2016. Colorido, 2016.

 

Sexta, 26 de Janeiro, 20h

BOM COMPORTAMENTO

Publicidade

Direção de Ben e Joshua Safdie

Numa performance impressionante, Robert Pattinson é um ladrão de banco que fará de tudo para salvar o irmão que foi preso (Benny Safdie). Com Jennifer Jason Leigh. EUA, 2017. Colorido, 100 min.

 

Sábado, 27 de Janeiro, 20h

MÃE!

Publicidade

Direção de Darren Aronofsky

Neste novo suspense dramático de Darren Aronofsky (“Cisne Negro”), os protagonistas são um casal (Jennifer Lawrence e Javier Bardem) que moram isolados numa grande casa. Um dia, seu sossego é quebrado pela chegada de dois estranhos (Ed Harris e Michelle Pfeiffer), que se instalam ali. EUA, 2017. Colorido, 115 min.

 

Sessão da Tarde Especial de Férias

Curadoria: Andreia Reis e Ricardo Pereira 

Publicidade

 

Terça, 30 de Janeiro, 14h

MINHA VIDA DE ABOBRINHA

Indicado ao Oscar de melhor animação, o filme francês acompanha a vida de Icare – garotinho que prefere ser chamado de Abobrinha – que vai para o orfanato depois da morte de sua mãe. Suíça, 2016. Colorido, 67 min. Filme dublado. Censura livre.

Publicidade

Geral

Taça das Favelas volta no fim de semana com mais 12 partidas de futebol

Publicado

em

Por

Fim de semana é dia de torcer para os times que estão disputando a Taça das Favelas. Serão seis partidas no sábado, 1º de julho, e outras seis no domingo, 2 de julho, a partir das 8h, na Praça de Esportes Argemiro Roque, no São Bernardo. O evento é uma realização da Cufa (Central Única das Favelas) em parceria com a Prefeitura de Campinas e apoio da EPTV.
Os jogos começam com as equipes masculinas. Às 8h, jogam São Pedro/Formigueiro e São José; às 9h30 é a vez do Carlos Lourenço enfrentar o Florence. Os dois últimos jogos masculinos serão às 11h e às 15h30, com Satélite Íris x Buraco do Sapo e São Bernardo contra Nilópolis.
Ainda no sábado, duas equipes femininas se enfrentam. Às 12h30, as meninas do Padre Anchieta jogam contra o Flamboyant; e às 14h é a vez do Santo Antônio e do Campo Belo entrarem em campo.
Domingo
A competição volta no domingo, às 8h, com o feminino do São Marcos enfrentando o Vida Nova. O outro jogo será às 9h30, entre Shangai e Paranapanema.
Na sequência, os meninos entram em campo. Às 11h, jogam Brandina contra Santa Barbara; Costa e Silva e Campo Belo se enfrentam às 12h30. Ainda na programação, Puccamp e Rosália às 14h e Paranapanema e Vila Boa Vista às 15h30.
Taça das Favelas 2022
A 2ª edição da Taça das Favelas de Campinas tem 3.012 inscritos. São 2.137 inscrições para os times masculinos e 875 para os femininos.
O torneio tem como objetivo promover a conscientização e a inclusão por meio do esporte; a integração das comunidades e a ressignificação do território e, ainda, o fortalecimento da autoestima da juventude das favelas e núcleos residenciais.
A Taça das Favelas faz parte do calendário oficial de eventos de Campinas desde 2021, por meio da Lei Municipal 16.100.
Na primeira edição do campeonato, em 2019, a Vila Brandina foi campeã no masculino, enquanto São José ficou com o título no feminino.

Continue Lendo

Geral

Mutirão do Planejamento agilizará análise de projetos que aguardam na fila

Publicado

em

Por

 

A Secretaria Municipal de Planejamento e Urbanismo (Seplurb) realizará na próxima semana, entre os dias 4 e 8 de julho, um mutirão de análise dos protocolos de regularização para uso habitacional e comércio de pequeno porte. O objetivo é oferecer uma resposta rápida aos munícipes que possuem projetos de regularização imobiliária tramitando junto à Prefeitura. Por conta da concentração da equipe da Coordenadoria de Aprovação de Projetos nesta atividade, os demais atendimentos estarão suspensos no período.

 
Com entrada de 240 processos por mês durante este ano, a Secretaria está com uma alta demanda de pedidos protocolados. O mutirão vai acelerar a resolução das demandas em estoque referentes aos anos de 2019 a 2021. São mais de 1.800 processos cadastrados no período, que coincide com a sanção da Lei de Regularização de Construções Clandestinas e Irregulares, conhecida como Lei do Puxadinho, em 2019.
 
A lei foi criada para facilitar a regularização de construções clandestinas e irregulares na cidade, tanto residenciais quanto comerciais. A regularização é necessária para a obtenção do Certificado de Conclusão de Obra (CCO), conhecido como “Habite-se”, comprovante de que o imóvel está em condições de moradia ou uso comercial. Sem esse documento, não é possível registrar o imóvel e nem obter alvará para realização de atividades comerciais.
Segundo a secretária de Planejamento e Urbanismo, Carolina Baracat Lazinho, o intuito do mutirão “é dar celeridade na resolução dos protocolos de aprovação de projetos de imóveis já existentes e que precisam ser regularizados”. Os protocolos serão analisados por critério cronológico, com o auxílio de um check-list elaborado para nortear a análise por parte dos técnicos.
Responsáveis devem ficar atentos
A secretária alerta arquitetos e engenheiros que deram entrada em projetos entre 2019 e 2021 e que estejam tramitando, para que fiquem atentos ao Diário Oficial (https://portal.campinas.sp.gov.br/diario-oficial).
Os profissionais devem verificar se o D.O.M traz comunicados referentes a correções a serem feitas nos projetos. É possível se cadastrar para receber alertas.  Se isso acontecer, o responsável deve realizar as alterações o mais rapidamente possível e retornar o projeto para dar sequência ao processo de análise.
É importante ressaltar que os atendimentos agendados para esta semana estão mantidos. Apenas a procura em demanda espontânea, presencial e por telefone, será suspensa temporariamente. A continuidade do mutirão será reavaliada ao final da próxima semana.

Continue Lendo

Geral

Divulgada classificação prévia da seleção para agente de educação infantil

Publicado

em

Por

 

Os candidatos que estão participando do processo seletivo para contratação de agentes de educação infantil devem ficar atentos às publicações do Diário Oficial (www.campinas.sp.gov.br/diario-oficial), incluindo o Suplemento desta sexta-feira, 1º de julho. Além da classificação prévia, também estão disponíveis os resultados dos recursos sobre a inscrição e o resultado da prova de títulos.

 

Quem discordar pode recorrer dos resultados, nos dias 4 e 5 de julho, próximas segunda e terça-feiras, de acordo com o edital de inscrições.

 

Publicidade

O recurso deverá ser enviado para o e-mail contato.processoseletivosimplificadoaei@educa.campinas.sp.gov.br, devidamente fundamentado. A decisão será tomada de acordo com parecer da Comissão Organizadora ou Fiscalizadora do processo. As respostas serão enviadas para o e-mail registrado pelo candidato.

 

“Outro caminho para conferir as publicações sobre o processo seletivo é a página Concursos e Empregos, no Portal da Prefeitura. Todas as informações que o candidato precisa estão disponíveis”, explicou a coordenadora de Concursos, Recrutamento e Seleção, Juliana Miorin.

 

A homologação do processo seletivo emergencial está prevista para 3 de agosto, e a primeira reunião de preenchimento de vagas para 5 de agosto.

Publicidade

 

Seleção

 

Mais de 15,7 mil pessoas se inscreveram para este processo seletivo. A seleção dos candidatos, por ser simplificada e emergencial, contou somente com uma prova de títulos que comprovem experiência profissional relacionada com a função de agente de educação infantil, ou seja, experiência com crianças de 0 a 5 anos. 

 

Publicidade
Continue Lendo

Populares