Connect with us

Indaiatuba

Metade do público alvo foi imunizado na campanha de vacinação contra a gripe em Indaiatuba

Publicado

em

Foto: Giuliano Miranda RIC/PMI

Desde o início da Campanha de Vacinação Contra a Gripe, dia 23 de abril, até sábado (12), dia D da Campanha, foram imunizadas 26.943 pessoas em Indaiatuba, número que representa pouco mais da metade da meta da Secretaria Municipal de Saúde, de imunizar 50 mil pessoas no município. Deste total, 20.996 pessoas pertencem aos grupos prioritários e 5.947 são doentes cônicos. Somente no dia D da Campanha (12 de maio) foram aplicadas 5.978 doses da vacina.

Segundo a Secretária de Saúde, Graziela Drigo Bossolan Garcia, nessa reta final da campanha, que seguirá até 1º de junho, as atenções do Departamento de Vigilância Epidemiológica serão voltadas especialmente para as crianças. “Entre este público a nossa imunização está muito baixa. Das 12.578 crianças menores de 5 anos do município, apenas 3.295 foram vacinadas até o dia D, o que representa apenas 26% de imunização. Também precisamos melhorar a cobertura entre os trabalhadores da saúde, público que alcançou 34% de cobertura vacinal, e as gestantes, cuja imunização contemplou apenas 37% entre o público alvo. A meta de imunização entre os grupos prioritários, que contemplam ainda idosos, puérperas e professores, é alcançar 90% de imunização”, explicou. Entre os grupos prioritários para receber a vacina contra a gripe, as maiores adesões até o dia 12 de maio, são registradas entre os idosos (64%), professores (61%) e puérperas (53%).

A vacina é direcionada a gestantes e mães até 45 dias após o parto, crianças a partir de 6 meses a menores de 5 anos de idade, adultos com mais de 60 anos, portadores de doenças crônicas, profissionais de saúde e professores de escolas públicas e privadas. Para receber a imunização os portadores de doenças crônicas deverão apresentar carta médica contendo o CID da doença. Já os profissionais da saúde e professores deverão apresentar crachá ou algum documento que comprove o ofício.

A Campanha de Vacinação Contra a Gripe segue até o dia 1º de junho em todas as UBS (Unidade Básica de Saúde) e PSF (Programa de Saúde da Família) de Indaiatuba.

Prevenção ao Câncer de Boca

No mesmo período em que ocorre a Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe, a Secretaria de Saúde, por meio do Departamento de Odontologia, realiza simultaneamente a Campanha de Prevenção ao Câncer Bucal, que visa identificar precocemente lesões que podem vir a se tornarem câncer. A Campanha é aberta a todos os interessados e consiste em uma rápida avaliação realizada por dentistas nas unidades de saúde do município (UBS e PSF). Somente no sábado, 12 de maio, 538 pessoas participaram da Campanha de Prevenção ao Câncer Bucal que, assim como a campanha de vacinação contra a gripe, seguirá sendo realizada até dia 1º de junho.

Indaiatuba

Indaiatuba entra na fase laranja com regras mais restritivas à noite e aos finais de semana

Publicado

em

Por

Foto: Arquivo – Eliandro Figueira RIC/PMI

A Prefeitura de Indaiatuba informa que, conforme nova classificação do Plano São Paulo, assim como todo o Departamento Regional de Saúde de Campinas, Indaiatuba, a partir do dia de hoje (25) está na fase laranja, mas com restrições da fase vermelha de segunda a sexta-feira, entre 20h e 6h, e integralmente aos sábados e domingos e feriados. As novas restrições devem vigorar até o dia 07 de fevereiro e estão especificadas na Portaria nº 62 publicada em edição extraordinária da Imprensa Oficial do Município desta segunda-feira (25).

Para o prefeito Nilson Gaspar (MDB) esse é um momento de prudência. “Infelizmente entramos na segunda onda da Covid-19 e todo o Estado voltou para a fase de alerta com relação à doença. A vacinação já foi iniciada, mas ainda vai demorar um pouco até que tenhamos doses suficientes para a imunização da população, então peço um pouco mais de paciência e a colaboração de todos para que reforcem os cuidados a fim de evitar disseminação do coronavírus”, advertiu.

Na fase laranja todos os setores de comércio e serviços, incluindo academias, salões de beleza e restaurantes, e atividades culturais, como cinemas e teatros são permitidos com capacidade de ocupação de até 40% do público máximo do estabelecimento. O funcionamento é autorizado por até oito horas diárias com atendimento presencial até às 20h. O consumo local em bares está proibido. O funcionamento de buffet infantil não é recomendado pela Vigilância Sanitária.

Já a fase vermelha, que vigorará nos dias úteis das 20h às 6h e aos finais de semana e feriados, só permite o funcionamento normal em setores essenciais como farmácias, mercados, lojas de conveniência, postos de combustíveis e hotelaria. Permanece autorizado o atendimento através de serviços online e entregas por telefone ou aplicativos, delivery ou drive thru

Continue Lendo

Indaiatuba

Indaiatuba vai ganhar a primeira feira exclusivamente de orgânicos

Publicado

em

Por

Foto: Eliandro Figueira RIC/PMI

Ainda é segunda-feira (25) e a semana já começa com uma ótima novidade para os produtores rurais de Indaiatuba. A cidade ganhará a primeira feira exclusivamente orgânica a partir de sábado, dia 06 de fevereiro na rua em frente ao estacionamento do Parque Ecológico. Agora, os amantes de frutas e verduras orgânicas terão um local fixo, todo sábado, para fazerem suas compras das 05h às 13h.

Todo tipo de verdura, fruta, alimento, pode ser comercializado, desde que seja orgânico ou natural.

Produtores rurais com produção estabelecida em Indaiatuba e com certificação de Produtor Orgânico, selo obtido apenas através do Ministério da Agricultura, podem manifestar o interesse no setor de protocolo da Prefeitura de Indaiatuba, localizada na Avenida Eng. Fábio Roberto Barnabé, número 2800 das 08h às 17h.

Mais informações (019)3834-9398.

Continue Lendo

Indaiatuba

Fiec e hemocentro divulgam calendário da campanha de doação de sangue 2021

Publicado

em

Por

Foto: FOTO: MAURICIO SANTALIESTRA

A Prefeitura de Indaiatuba, através da Fiec – Fundação Indaiatubana de Educação e Cultura, e em parceria com o Centro de Hematologia e Hemoterapia da Unicamp – Hemocentro, informam que as Doações de Sangue do ano de 2021 acontecem em: 30 de janeiro, 27 de fevereiro, 27 de março, 24 de abril, 29 de maio, 26 de junho, 31 de julho, 28 de agosto, 25 de setembro, 30 de outubro, 27 de novembro e 18 de dezembro.

Para ser um doador é obrigatória a apresentação de documento oficial com foto. Ter entre 16 (dos 16 até 18 anos incompletos, apenas com consentimento formal dos responsáveis) e 69 anos, não estar em jejum; evitar apenas alimentos gordurosos nas quatro horas que antecedem a doação.

Não poderá ser doador o candidato que nos últimos 30 dias tenham retornado de viagem ao exterior, ou que tenham tido sintomas respiratórios, incluindo gripe ou febre. Além disso, o ato da doação fica restrito para pessoas que tenham se vacinado contra gripe há menos de 2 dias (48h), estejam em tratamento odontológico, não tiver parceiro (a) fixo (a), pesar menos de 50 quilos, tiver feito endoscopia há menos de seis meses, tiver colocado piercing ou feito tatuagem há menos de um ano, for diabético, se tiver ingerido bebida alcoólica na noite anterior e fumar horas antes.

O Hemocentro ainda orienta que, candidatos que estejam aptos e que tenham 60 anos ou mais, não compareçam à doação de sangue no momento devido a limitação do isolamento social.

Existem vários critérios que são avaliados no dia da doação e que podem (impedir), levar a inaptidão. Dúvidas pontuais como o uso de medicamentos, procedimentos invasivos recentes, viagens, etc, serão avaliadas na triagem.

Cadastro e Retirada de senhas

Dentre as medidas de segurança e de proteção dos doadores contra o coronavírus (Covid-19), a Fiec com orientação do Hemocentro, realiza a campanha de janeiro no sábado dia 30, com a distribuição de senhas online distribuídas nos horários das 8h30, 9h, 10h, 10h30 e 11h.

Para agendamento e retirada da senha online, é necessário que o candidato faça um cadastro no link https://processoseletivo.sophia.com.br/SophiA_5/Default.aspx?escola=6462, as senhas são limitadas e o cadastro estará disponível a partir de quinta-feira (28).

Será realizado o controle de acesso às dependências da FIEC restringindo 40 pessoas por horário, afim de evitar aglomeração de pessoas. Orienta-se ainda que, os candidatos não levem acompanhantes principalmente crianças ao local da doação e que utilizem máscara.

________________________________________

Se você vai doar pela primeira vez, saiba como funciona o processo de triagem que envolvem as etapas da Doação:

1- Retirada da senha

O candidato é recebido por um representante da FIEC, é importante que avise sobre a participação pela primeira vez como doador, para que seja explicado como acontece a campanha e informado os principais motivos que possam impedir a sua doação.

2- Sala de espera

Nessa etapa o candidato aguarda até que seja chamado para o cadastro, na sala de espera também são passadas algumas orientações.

3- Cadastro

Obrigatório a apresentação de um documento oficial com Foto para cadastro. Nessa etapa informe se tem interesse em se cadastrar para ser doador de Medula Óssea.

4- Exame físico

São realizados testes para: anemia, verificação de pressão arterial, pulso, temperatura, peso e altura.

5- Entrevista

A entrevista é individual, são feitas perguntas específicas, e assinado um termo de responsabilidade quanto a veracidade de suas respostas.

6- Coleta

Será coletado uma bolsa de sangue e amostras para os exames laboratoriais.

7- Lanche

Após a doação o candidato é encaminhado para um local onde é oferecido um lanche.

Todo o processo dura em média 2 (duas) horas.

Serviços:

Fiec

Local: Av. Eng. Fábio Roberto Barnabé, 3405 – Jardim Regina

Hemocentro

Fale conosco do site www.hemocentro.unicamp.br

Telefone 0800 – 722 – 8422

E-mail hemocentro@unicamp.br

Continue Lendo









<





Populares