Connect with us

Geral

Mercadão comemora 110 anos com festa, bolo e música ao vivo

Publicado

em

A festa em comemoração ao aniversário do Mercado Municipal foi realizada no sábado, dia 14 de abril, com várias atrações, entre as quais apresentação do Grupo de Viola de Campinas, da Orquestra de Viola Caipira de Hortolândia e do músico Paulino Neves, que toca samba de raiz. O prefeito de Campinas, Jonas Donizette, participou da festa que marcou os 110 anos do Mercadão, inaugurado em 12 de abril de 1908. A celebração teve bolo gigante, pipoca, algodão-doce e até parabéns cantado pelos presentes.

 

 

 

O prefeito ressaltou que o espaço é uma memória viva da cidade de Campinas. “O mundo progride, mas não podemos esquecer das nossas raízes e o Mercadão é uma das sete maravilhas de Campinas. É uma alegria compartilhar com a população de Campinas essa comemoração. Essa é uma cidade que acolhe a todos de braços abertos, temos gente de várias regiões do Brasil”, destacou.

 

 

 

Jonas Donizette destacou que a festa foi realizada no sábado para que mais pessoas pudessem participar. Ao todo, cerca de 10 mil pessoas passaram pelo local durante o dia.

 

 

Wi-fi

 

O presidente da Setec (Serviços Técnicos Gerais), Arnaldo Salvetti, autarquia responsável pelo Mercadão, destacou a importância da festa para os frequentadores do Mercadão. “O evento é mais do que merecido para a população de Campinas e para quem frequenta as instalações do Mercadão”.

 

 

 

Durante a festa, também foi anunciado um selo especial do Mercadão que será comercializado pelos Correios. Além disso, foi feito o anúncio da instalação do wi-fi livre, beneficiando a população que frequenta o Mercadão com o serviço de internet grátis.

 

 

 

Campinas conta, atualmente, com cerca de 30 pontos de wi-fi livre em locais públicos como praças, terminais de ônibus, hospitais, escolas entre outros. Para ter acesso gratuito é preciso preencher um cadastro para se conectar em qualquer localidade coberta pela rede Campinas Digital. O presidente da Setec, Salvetti ressaltou que o wi-fi será mais um recurso para atrair pessoas ao Mercadão, trazendo modernidade ao espaço.

 

 

Durante o evento, houve também a apresentação da planta definitiva da ampliação do estacionamento do Mercadão. Atualmente são 86 vagas. Serão 143, ou seja, 57 a mais do que a atual capacidade.

 

 

Também participaram da festa, autoridades legislativas, além de secretários municipais e presidentes de empresas públicas.

 

 

 

Números

 

Por mês, o Mercadão recebe a visita de 120 mil pessoas. São 104 permissionários que cuidam de 143 boxes internos e externos. Mensalmente são comercializados mais de 10 mil caixas de produtos.

 

 

O número de visitantes deve aumentar significativamente com a conclusão das obras do BRT, uma vez que o traçado do corredor passará pelo terminal ao lado do Mercadão, o que ampliará o fluxo de pessoas no local.

 

 

Patrimônio histórico

 

 

O prédio do Mercado Municipal de Campinas é um dos mais importantes monumentos históricos do município não só pela sua função econômica e social, mas também porque foi projetado pelo campineiro Ramos de Azevedo, um dos mais importantes arquitetos do final do século 19 e início do século 20. Lembra o estilo neomourisco.

 

 

 

Antes de se transformar em Mercado Municipal, funcionava como armazém de estocagem de produtos, que eram destinados também para o Porto de Santos. Na plataforma onde hoje funcionam as peixarias ficava a Estação Carlos Botelho, da linha Fulinense, onde o trem que vinha das fazendas da região de cosmópolis parava com carregamento de madeira, açúcar e café.

 

 

 

Na gestão do prefeito Orosimbo Maia, o prédio foi comprado pela Prefeitura e transformado em Mercado Municipal (inaugurado em 12 de abril de 1908). Foi tombado em 1995 pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Artístico e Cultural de Campinas (Condepacc). Em 1996, passou por uma reforma que recuperou suas características originais.

Geral

Pedreira do Chapadão terá Feira de Orquídeas e Suculentas

Publicado

em

Por

A Feira de Orquídeas e Suculentas terá mais uma edição no sábado, dia 6 de novembro, e domingo, 7 de novembro, das 9h às 17h, na Pedreira do Chapadão. A entrada será gratuita, com uso obrigatório de máscara de proteção. Não será permitida a entrada de animais.
O evento é uma realização da Sumaré Festivais com apoio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo de Campinas. Os visitantes encontrarão espécies e mudas de orquídeas da época como cattleyas, oncidium, cymbidium, laelia purpurata, sapatinho e também poderão adquirir plantas raras muito apreciadas por colecionadores. Outro destaque serão as plantas suculentas em vasos e terrários, que valorizam qualquer ambiente.
Profissionais estarão de plantão para dar dicas e tirar dúvidas sobre cultivo dessas plantas. O local possui um amplo estacionamento gratuito, área de alimentação e ampla área verde e de lazer.
Doações
No local, também haverá um ponto de arrecadação de alimento não perecível para doações. Os mantimentos serão encaminhados ao Banco de Alimentos do Ceasa Campinas e distribuídos às entidades assistenciaise famílias carentes do município.
Serviço
Feira de Orquídeas e Suculentas em Campinas
Local: Pedreira do Chapadão.
Endereço: R. Dr. Alcides Carvalho, s/n – Jardim Chapadão, Campinas – SP
Datas e horários: sábado, 6/11 e domingo, 7/11, das 9h às 17h.
Entrada: gratuita
Mais informações: telefone / whatsapp : (19) 99822-1001
Facebook: @festivaldeorauideas Instagram: /festival de orquideas

Continue Lendo

Geral

Servidores concluem curso sobre captação de recursos estaduais e federais

Publicado

em

Por

A Escola de Governo e Desenvolvimento do Servidor (EGDS) encerrou nesta quarta-feira, 27 de outubro, o curso Captação de Recursos e Planejamento Estratégico. Em sua 8ª edição, a capacitação, realizada em parceria com a Secretaria Municipal de Gestão e Controle, foi voltada para servidores da administração direta e indireta que trabalham com a área de convênios e captação de recursos.
Foram três aulas on-line ministradas no mês de outubro pelo diretor de Convênios da Secretaria de Gestão e Controle, Flávio Emílio Rabetti. Na área de captação de recursos, a capacitação abordou temas importantes, como políticas públicas, elaboração de propostas e acompanhamento de resultados. Já na parte de planejamento estratégico, as aulas se aprofundaram em assuntos como mapeamento organizacional, diagnóstico estratégico, janelas de oportunidade, análise dos riscos, plano de ação e análise dos resultados.
Contando com a participação de 45 servidores nesta edição, o curso é considerado essencial para a obtenção de melhores resultados. “Mais uma vez os servidores se mostraram interessados e focados na capacitação, o que se reflete nos procedimentos necessários à execução de políticas efetivas”, avaliou Flávio Rabetti. O diretor de Convênios também destacou a importância da parceria, neste projeto, com a Escola de Governo e Desenvolvimento do Servidor, órgão ligado à Secretaria Municipal de Gestão e Desenvolvimento de Pessoas.

Continue Lendo

Geral

Teletrabalho foi discutido em reunião do eixo temático nesta terça, 26/10

Publicado

em

Por

A Secretaria Municipal de Gestão e Desenvolvimento de Pessoas de Campinas realizou  nesta terça-feira, dia 26 de outubro, reunião para discutir o teletrabalho na Prefeitura. O debate reuniu os servidores que fazem parte do Eixo Temático “Melhoria e qualidade do ambiente de trabalho” e contou também com a presença de alguns integrantes do Grupo Intersetorial de Estudos de Teletrabalho.

 

“A reunião dos eixos internos da Secretaria, assim como a participação dos representantes do Grupo Intersetorial de Estudo, é um momento importante para os estudos e discussões sobre o teletrabalho, em especial no que diz respeito a sua aplicabilidade, sua efetividade, a economicidade e também a aferição da realização dessa modalidade de trabalho”, disse a secretária da Pasta, Eliane Jocelaine Pereira.

 

Os servidores que fazem parte deste grupo iniciaram os estudos e discussões sobre a possibilidade da implantação do teletrabalho na Administração Municipal, além de outros temas como sistema de transferência/permuta; horários de trabalho; comunicação integral; trabalho em equipe; e equidade nas relações de trabalho.

 

“Além do eixo discutido, temos outros três em andamento. Esses debates são muito importantes, porque vão subsidiar o planejamento estratégico da Prefeitura, a partir do qual serão definidas as ações voltadas para o funcionalismo nos próximos anos”, explicou Milena Ranzini, coordenadora de Apoio à Gestão e Projetos Integrados.

 

 

Os outros três eixos temáticos são: Eixo 2 – Melhoria dos processos de recrutamento e seleção; Eixo 3 – Melhoria dos processos de desenvolvimento humano; e Eixo 4 – Melhoria dos processos de desenvolvimento de carreira.

 

Com base em estudos técnico temáticos, os Grupos de Estudos Intersetoriais vão contribuir para a elaboração da Nova Política Municipal de Gestão e Desenvolvimento de Pessoas; no debate sobre a implementação do regime de teletrabalho permanente; e implantação das Políticas Afirmativas, que visam a inclusão, proteção, reconhecimento e estímulo dos servidores negros, indígenas, mulheres e pessoas com deficiência e LGBTQI.

 

EIXO 01. MELHORIA DA QUALIDADE DO AMBIENTE DE TRABALHO

Debater experiências que melhorem o ambiente de trabalho dos servidores públicos, proporcionando satisfação com a atividade laboral e atendendo às necessidades individuais e organizacionais.

 

EIXO 02. MELHORIA DOS PROCESSOS DE RECRUTAMENTO E SELEÇÃO

Neste eixo, o foco é identificar possibilidades de melhoria nos processos de ingresso no serviço público, de maneira geral, e para cargos de liderança.

 

EIXO 03. MELHORIA DOS PROCESSOS DE DESENVOLVIMENTO HUMANO

Debate focado no tema de formação, desenvolvimento e capacitação de servidores públicos.

 

EIXO 04. MELHORIA DOS PROCESSOS DE DESENVOLVIMENTO DE CARREIRA

Debater como melhorar os processos de desenvolvimento de carreira e evolução funcional dos servidores para aumentar o desempenho do setor público municipal e gerar eficácia na prestação de serviços, avaliando a possibilidade de adoção de processo de avaliação de competências que contribua para a formação do banco de talentos e formação de “banco de gestores”.

Continue Lendo

Populares