Connect with us

Geral

Inscrições para Ecoférias na Mata 2020 começam nesta quarta-feira

Published

on

Brincar enquanto aprende sobre meio ambiente. Esta é a proposta da Fundação José Pedro de Oliveira para as crianças que forem participar do Ecoférias na Mata. As inscrições começam nesta quarta-feira, 8 de janeiro, e os pais precisam correr, porque as vagas são limitadas.

 

Para inscrever os pequenos, basta acessar o link https://forms.gle/dMj158j1Bw6kgEnd9, preencher o formulário e aguardar a confirmação da inscrição, que será enviada por e-mail.

 

O Ecoférias na Mata é aberto a crianças de 7 a 12 anos e as atividades serão realizadas entre os dias 22 e 24 de janeiro, das 13h às 17h; e no dia 25, das 9h às 11h30.

 

Os pequenos participarão de dinâmicas, jogos e brincadeiras que visam apresentar de forma lúdica a importância da ARIE Mata de Santa Genebra e demais remanescentes florestais da região. O objetivo do Ecoférias é despertar a curiosidade das crianças e também o interesse pela preservação do meio ambiente.

 

“O Ecoférias é uma atividade muito esperada, por isso os pais devem correr e fazer a inscrição o quanto antes, porque elas sempre se esgotam muito rápido. Serão momentos muito agradáveis e de muita diversão”, explicou Sabrina Kelly Martins, diretora da Fundação.

 

Ainda segundo Sabrina, os pais também poderão participar do Ecoférias. No dia 25, sábado, a partir das 9h, haverá uma caminhada no entorno e trilhas da Mata e os pais e responsáveis estão convidados. “É um momento muito interessante, porque as crianças explicam para os pais o que aprenderam nos encontros”, completou.

 

Durante as atividades, as crianças devem usar calça comprida e calçado fechado, porque na Mata elas estarão em um ambiente natural e sujeitas ao contato com animais e plantas. Os organizadores orientam que os participantes utilizem roupas confortáveis e adequadas para práticas esportivas. Os pais também não podem esquecer do repelente para insetos, protetor solar, boné e garrafinhas com água. Qualquer tipo de alergia tem que ser informada na ficha de inscrição.

 

Outra orientação é que os participantes façam uma refeição leve antes da atividade e levem lanches e sucos para o piquenique que ocorrerá todos os dias.

 

Para o presidente de Fundação, Sinval Dorigon, essas atividades realizadas na Mata são uma forma de aproximar a comunidade do remanescente de floresta e, com isso, ajudar na preservação. “Temos desenvolvidos várias atividades abertas à comunidade, como as Visitas Monitoradas, as Caminhadas Noturnas e o programa de voluntário. Acreditamos que quanto mais as pessoas conhecerem, mais elas contribuirão para preservar a Mata, uma importante área de preservação da nossa região”, disse.

 

O Ecoférias na Mata acontece todos os anos em duas edições: julho e janeiro.

 

Mais informações sobre as ações da Fundação José Pedro de Oliveira podem ser obtidas no site www.fjposantagenebra.sp.og.vo.br ou pelo e-mail [email protected] .

 

Sobre a Mata de Santa Genebra

 

A Mata de Santa Genebra é considerada a maior floresta urbana da Região Metropolitana de Campinas. A reserva ecológica possui 251,7 hectares de Mata Atlântica, totalizando um perímetro de 9 quilômetros. É uma Unidade de Conservação Federal com grande diversidade de fauna e flora nativa. Caracteriza-se como um importante remanescente preservado em meio urbano, utilizado para educação, pesquisa e conscientização ambiental.

 

Serviço

Ecoférias na Mata

Data e horário: de 22 a 24 de janeiro, das 13h às 17h; e 25, das 9h às 11h30

Inscrições: a partir de 8 de janeiro, no link https://forms.gle/dMj158j1Bw6kgEnd9

Quem pode participar: crianças de 7 a 12 anos

Local: Fundação José Pedro de Oliveira/Mata de Santa Genebra

(Rua Mata Atlântica, 447, Bosque de Barão Geraldo)

Número de vagas: 40.

Geral

Campinas vacina 27.870 e alcança marca de 100 mil doses feitas em Dias D

Published

on

By

Campinas aplicou 27.870 doses de vacina contra a Covid-19 neste sábado, 19/06, no quarto Dia D contra a doença na cidade. Com o resultado de hoje, o município alcançou 100.104 doses aplicadas em quatro edições da estratégia. Também neste sábado foi a maior quantidade de doses aplicadas  em um único dia na cidade desde o início da campanha.

 

No primeiro Dia D, em 22 de maio, foram vacinadas 23.612 pessoas. Na segunda edição, 4 de junho, foram 23.104. Na terceira estratégia, em 12 de junho, foram aplicadas 25.518 doses de vacinas, até então o maior número de imunizados em um único dia.

 

Com os dados vacinais deste sábado, 457.778 pessoas já receberam a primeira dose contra a Covid em Campinas e 169.311 a segunda dose. No total, já foram aplicadas 627.089 doses desde o início da campanha, em janeiro, em residentes no município. Com isso, a cidade segue na liderança entre os municípios com mais de 500 mil habitantes que mais vacinaram no Estado de São Paulo.

 

A diretora da Secretaria de Saúde de Campinas, Deise Hadich, avaliou o Dia D como um sucesso. “Atingimos um recorde de vacinados, sem aglomeração, sem filas, sem espera, tudo com tranquilidade, as equipes de saúde com muita dedicação e excelente adesão da comunidade”, disse Deise.

 

A diretora de saúde alerta que cuidados básicos como uso de máscara, distanciamento social e higiene das mãos devem ser mantidos mesmo após a aplicação das duas doses do imunizante, uma vez que nenhuma vacina garante 100% de proteção contra a doença.

 

O agendamento da vacina contra a Covid para pessoas com mais de 50 anos e para aquelas incluídas em outros grupos prioritários segue aberto para a próxima semana em Campinas no site vacina.campinas.sp.gov.br

 

O Dia D é organizado pela Secretaria de Saúde em conjunto pelo Departamento de Vigilância em Saúde e Departamento de Saúde.  A Guarda Municipal dá apoio no transporte seguro das doses.

Continue Reading

Geral

Operação Aglomeração Zero verifica 139 comércios, fecha 20 e lacra dois

Published

on

By

Na primeira noite da Operação Aglomeração Zero em Campinas, entre as 21 horas da sexta-feira e as 5 horas da madrugada do sábado, a Prefeitura fiscalizou 139 estabelecimentos comerciais na cidade, fechou vinte e lacrou dois por não estarem cumprindo as medidas sanitárias e de isolamento social.

 

Durante as ações, 1.268 pessoas foram dispersadas e orientadas sobre as medidas sanitárias para a prevenção da Covid-19, como evitar aglomerações, usar máscaras e fazer constante higienização das mãos.

 

A Operação é coordenada pela Secretaria de Cooperação nos Assuntos de Segurança Pública e endurece ainda mais as medidas da Administração para dispersar agrupamentos de pessoas na cidade. O objetivo é conter a propagação do novo coronavírus.

 

Também durante a ação, as barreiras do Toque de Recolher abordaram 297 veículos e orientaram 403 pessoas a retornarem para suas casas. As equipes de fiscalização partiram de frente ao Estádio Moises Lucarelli, na Ponte Preta, e visaram prioritariamente os locais e estabelecimentos mapeados com histórico de desobediência às medidas prevenção e, como consequência, classificadas como atividades de maior contaminação pelo vírus.

 

A Operação Aglomeração Zero estenderá por todas as noites e madrugadas até pelo menos o final do mês de junho, como medida de combate a pandemia. A partir da próxima segunda feira (21/06) o Toque de Recolher passa a vigorar a partir das 19 horas, horário que os estabelecimentos comerciais não essenciais também devem encerrar as atividades. As denúncias pelo não cumprimento das medidas podem ser feitas pelo 156 e 153.

Continue Reading

Geral

Em 2 horas e meia, Campinas vacina 12.324 no quarto Dia D contra Covid

Published

on

By

Campinas vacinou 12.324 pessoas contra a Covid até as 11h30 deste sábado, 19 de junho, no quarto Dia D contra a doença no município. Esta é a maior quantidade aplicada no período de duas horas e meia nas estratégias de Dia D no município. A vacinação começou às 9h e ocorre até as 17h em 64 Centros de Saúde.

 

É um excelente resultado, na avaliação do Departamento de Vigilância em Saúde (Devisa) e do Departamento de Saúde da Prefeitura. No total, 29.980 pessoas dos grupos prioritários fizeram agendamento para receber a dose hoje.

 

A megaoperação mobiliza 1,2 mil profissionais de saúde, que começaram seus trabalhos às 6h da manhã, com apoio da Guarda Municipal no transporte das doses para as unidades.

 

A diretora de Saúde de Campinas, Deise Hadich, ressalta a dedicação das equipes que estão empenhadas neste quarto Dia D e destaca a importância da colaboração da comunidade no enfrentamento da pandemia.

 

“É a quarta semana seguida em que realizamos esta estratégia e o envolvimento das equipes do nosso SUS é fundamental para alcançarmos o objetivo de vacinar o maior número possível. Na contrapartida, precisamos da colaboração da sociedade no sentido de que continue com as medidas de distanciamento, uso de máscaras e higiene das mãos. Festas e aglomerações estão proibidas”, disse Deise.

 

No primeiro Dia D, em 22 de maio, foram vacinadas 23.612 pessoas. Na segunda edição, 4 de junho, foram 23.104. Na terceira estratégia, em 12 de junho, foram aplicadas 25.518 doses de vacinas, o maior número de imunizados num único dia.

 

O agendamento da vacina contra a Covid para pessoas com mais de 50 anos e para aquelas incluídas em outros grupos prioritários segue aberto para a próxima semana em Campinas no site vacina.campinas.sp.gov.br

Continue Reading

Populares