Connect with us

Geral

Hospital Ouro Verde terá mais 48 leitos para pacientes com Covid-19

O prefeito de Campinas, Jonas Donizette, abordou na live desta sexta-feira, dia 3 de julho, a visita técnica que realizou ontem, quinta-feira, dia 2 de julho, no Hospital Ouro Verde. O objetivo foi conhecer os novos leitos que o hospital vai disponibilizar para pacientes com coronavírus.

 

A partir dos próximos dias, a Rede Mário Gatti de Urgência e Emergência Hospitalar vai disponibilizar mais dez leitos de UTI e 38 de retaguarda para Covid-19 no Hospital Ouro Verde. Com isso, o hospital contará com um total de 55 leitos UTI Covid e 84 leitos de retaguarda Covid.

 

 

 

“Quero cumprimentar aos operários que estão trabalhando. No total, fizemos um aumento de quase 200% no número de leitos, tanto de UTI quanto de retaguarda somente na rede municipal”, afirmou o prefeito Jonas Donizette. 

 

Os leitos de UTI serão montados no espaço anteriormente ocupado pela recuperação pós anestésica do centro cirúrgico ambulatorial – as cirurgias estão suspensas por causa da pandemia. Já os de retaguarda, serão instalados no espaço da recepção do ambulatório de reabilitação e no antigo salão de reabilitação. 

 

O grupo Expedicionários da Saúde (EDS), que montou o Hospital de Campanha, instalou a estrutura de rede de gases medicinais das áreas que serão destinadas aos leitos de retaguarda. O espaço destinado aos leitos de UTI já tinha estrutura adequada. “O Expedicionários estão fazendo toda a parte de instalações”, contou Jonas Donizette.

 

 

 

A visita foi acompanhada pelo presidente da Rede Mário Gatti, Marcos Pimenta, e pela diretora do Hospital Ouro Verde, Cynthia Herrera. 

 

O custeio dos leitos é de cerca de R$ 5 milhões por 60 dias. A Prefeitura vai utilizar R$ 2 milhões repassados pela Câmara de Vereadores, fruto de economia da casa. Atualmente, o Hospital Ouro Verde conta com 45 leitos de UTI Covid e 46 de Enfermaria Covid.

Populares