Connect with us

Indaiatuba

Fundação Pró-Memória faz balanço das atividades realizadas em 2017

Publicado

em

Foto: Giuliano Miranda RIC/PMI

Para Carlos Gustavo Nóbrega de Jesus, Superintendente Fundação Pró-Memória de Indaiatuba, 2017 foi um ano muito positivo para Fundação haja visto que tivemos a significativa evolução nas obras do prédio novo, que será a sede do arquivo e da biblioteca municipal.

“A continuidade da parceria com o departamento de história da Unicamp proporcionou a sequência das atividades da Escola do Patrimônio, que oferece cursos gratuitos com professores especializados sobre patrimônio cultural para a comunicada. A nova parceria com a PUC São Paulo que viabilizou a realização do primeiro seminário internacional, com a vinda de professores da Universidade de Coimbra, algo inédito na cidade.

O Museu Casarão Pau Preto passou por uma reformulação do seu acervo, investindo nos cuidados com a reserva técnica e na infraestrutura para as exposições que serão realizadas em 2018. Ações educativas e de conscientização, dando continuidade as atividades da Fundação que atendem todas as faixas etárias, de crianças de 1 anos até a melhor idade.

Quanto ao Arquivo Público Municipal em 2017 participamos da primeira Semana Nacional de Arquivos, onde realizamos a exposição sobre a história dos 23 anos de existência do Arquivo Público Municipal Nilson Cardoso de Carvalho. Oferecemos diversas oficinas e ações educativas junto as escolas estaduais, evoluímos com a digitalização da hemeroteca e o atendimento ao cidadão, onde abrimos as portas do Arquivo Público para pesquisas e consultas.

A Biblioteca Municipal Rui Barbosa continuou com a constante renovação do seu acervo e recebeu do Governo do Estado de São Paulo, após aprovação de projeto, o Kit de Acessibilidade para deficientes visuais, a estrutura será montada em um espaço dedicado, com fácil acesso no novo prédio em 2018, o que mostra a preocupação da Fundação na inclusão de todos os grupos sociais da cidade de Indaiatuba.

Outra ação efetiva da Fundação foi o cuidado com os Patrimônios Tombados e de Interesse Histórico, realizamos diversas pesquisas e atividades de conservação que resultaram em estudos e laudos que serão publicados em 2018”, Finaliza Nóbrega.

Trabalhos realizados pela Fundação Pró-Memória

Digitalização e disponibilização da Hemeroteca do Arquivo Público Municipal

A hemeroteca do Arquivo Público Municipal possui 100 títulos de periódicos que circularam na cidade de Indaiatuba entre o início do século XX até os dias de hoje. O trabalho já foi iniciado em 2016, porém, com a grande quantidade de periódicos que o acervo possui, ele deverá se estender por mais um ano.

Ação Educativa Museu Municipal Casarão Pau Preto

A ação educativa ocorreu de março a novembro, por meio de visitas técnicas com alunos das escolas municipais, estaduais, particulares e universidades ao Museu Municipal. Na ação alguns documentos do acervo do Arquivo Público Municipal foram expostos e também houve uma breve explicação de como funciona o processo de arquivos

1ª Semana Nacional de Arquivos

A 1ª Semana Nacional de Arquivos aconteceu de 5 à13 de junho. O evento foi criado pelo Arquivo Nacional e a Fundação Casa de Rui Barbosa. As instituições participantes devem criar eventos, palestras, seminários de cunho artístico cultural para a divulgação dos acervos.

Exposição “Arquivo Público Municipal “Nilson Cardoso de Carvalho: 23 anos de História e Memória de Indaiatuba”

A Exposição aconteceu no Museu Casarão Pau Preto e teve o intuito de mostrar o trabalho do Arquivo Público Municipal/ Fundação Pró-memória de Indaiatuba, sua história e alguns documentos de importância histórica sobre a história da cidade.

Oficina “Conservação e pequenos reparos em papel”

Esta oficina aconteceu na Tulha Casarão Pau Preto e foi dedicada à comunidade Indaiatubana para a conservação de documentos em casa, como: certidões, registros, fotografias, álbuns, quadros, capa de discos, entre outros.

Oficina “Documentos Históricos: descobrindo o passado – Roteiro para trabalho com documentos históricos em sala de aula”

Oficina aconteceu na Tulha Casarão Pau Preto, para alunos e professores da Escola Estadual Professora Helena de Campos Camargo e abordou a leitura e interpretação de documentos históricos de Indaiatuba que se encontram no acervo do Arquivo Público Municipal.

Exposição Temporária no Museu Casarão Pau Preto com o material do Arquivo Público Municipal “Nilson Cardoso de Carvalho”

Em 2017, no mês de junho, o qual se comemora o dia internacional do Arquivo, foi organizada uma exposição, no Museu Casarão Pau Preto, com a história do Arquivo Público Municipal e sua importância no decorrer de mais de 20 anos de existência em Indaiatuba. As exposições ocorreram em conformidade às orientações da diretora responsável pelo Museu.

Oficinas de Assistência Técnica aos Arquivos Correntes da Prefeitura Municipal, Câmara Municipal, Fiec e Saae

Com intuito de estreitar as relações entre a equipe do Arquivo Público e os funcionários dos vários departamentos e secretarias; transmitir noções gerais sobre conservação, procedimentos básicos de arquivo e avaliação documental; iniciar as discussões sobre a gestão de documentos arquivísticos eletrônicos, a partir das orientações e diretrizes do Conarq.

Biblioteca Pública Municipal “Rui Barbosa”

A biblioteca atende atualmente cerca de 100 usuários dia e mantém uma média mensal de 60 novos associados, o que demonstra que continua a crescer e conquistar um novo público. Sendo assim se faz necessário frente a essa demanda a constante atualização do acervo e a compra de livros para reposição do que se perdeu por falta de devolução ou que foi extraviado.

Oficinas Infantis temáticas

A Fundação Pró-Memória promoveu durante os quatro sábados do mês de outubro, no Museu Casarão Pau Preto, atrações especiais para o público infantil. O objetivo é oferecer atividades para comemorar o mês das crianças, estimulando o desenvolvimento social através de jogos e brincadeiras. Todas as atividades foram gratuitas e abertas à população.

Encontro Cultural Literário de Indaiatuba

A Fundação Pró-Memória promoveu o Encontro Cultural Literário 2017, no Casarão Pau Preto. O objetivo é de incentivar o hábito da leitura entre as diferentes faixas etárias. Houve uma feira de venda de livros usados com preços populares a partir de R$0,50. O evento, que tem entrada gratuita, contou com extensa programação cultural. A parte de alimentação ficou com a ONG Gabriel que levou barracas de doces, salgados e bebidas.

Projeto Biblioteca mais acessível

O Projeto tem previsão de término para dezembro. Em agosto o prefeito Nilson Gaspar (PMDB) recebeu em seu Gabinete o superintendente da Fundação Pró-Memória, Carlos Gustavo Nóbrega de Jesus, para a assinatura do termo de recebimento do kit de informática que o Governo do Estado doou à Biblioteca Rui Barbosa. O kit contém computador, amplificador automático, escâner leitor de mesa, teclado ampliado, mouse estacionário e software de voz sintetizada para atuação com o software leitor de tela NDVA premia o projeto “Biblioteca Mais Acessível”, que foi elaborado pela Fundação. Apenas 62 bibliotecas de São Paulo foram contempladas. O projeto foi apresentado à Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência em 2016 e foi aprovado com a ajuda do deputado estadual Rogério Nogueira (DEM).

Grupo de Jongo “Filhos Da Semente”

O grupo de Jongo “Filhos da Semente” nasceu no ano de 2012, na cidade de Indaiatuba. O grupo trabalha norteado pela necessidade de difundir o jongo, sua história e sua prática, enquanto manifestação cultural legitimamente brasileira, preservada pela tradição oral, como forma de resistência da população negra do sudeste paulista.

Passeios da Memória

O projeto Passeios da Memória é uma parceria entre a Fundação Pró-memória de Indaiatuba, Secretaria Municipal de Educação e Secretaria Municipal de Esportes, atendendo todos os alunos do 4° ano do Ensino Fundamental, da Rede Municipal de Ensino de Indaiatuba.

Projeto “Cantando e contando histórias de Indaiatuba”

O projeto é organizado pela Secretaria Municipal de Educação e Fundação Pró-Memória de Indaiatuba e contou com apresentações para escolas municipais no Bosque do Saber e Show no Casarão Pau Preto. O cantor e compositor Eduardo Santhana e o fotógrafo, escritor e poeta Antonio da Cunha Penna fizeram apresentações que visam resgatar a memória histórica de Indaiatuba por meio da música e poesia. Durante a semana quase 3 mil alunos da Rede Municipal prestigiaram o evento. O projeto tem Patrocínio das empresas: Tuberfil, Tereos, Torcetex e Sumerbol. Conta com apoio do Royal Palm Tower Indaiatuba com produção de Claudia Santana.

Exposição temporária – Dioramas

Exposição que exibe obras do artista Bira Toledo a partir do uso de materiais recicláveis. As obras apresentam as histórias e fatos em três dimensões, sua arte visual se concretiza com o uso de materiais reciclados, provando às pessoas que observam os trabalhos que o lixo pode virar arte, basta acrescentar ao projeto uma boa pesquisa e a criatividade.

Aulas de capoeira – Associação de Capoeira Nova uiné

Aulas de Capoeira com o professor Ricardo Melotto que acontecem duas vezes por semana no Casarão Pau Preto gratuitamente.

Evento Capoeria Boa Semanente

Foi oferecido oficina de berimbau, palestras, debates, apresentações culturais, roda e confraternização. No segundo fia aconteceu o batizado dos alunos, troca de cordas e formatura do Professor Kaito à Contra Mestre com vários Mestres Convidados de todo o Brasil.

Curso Básico e Avançado de fotografia

A Fundação Pró-Memória ofereceu cursos gratuitos de fotografia no nível básico e intermediário para a população. Os dois módulos foram ministrados pelo fotográfico e professor Vagner Luiz Fracchia, no Casarão. Todos também participaram de uma aula com o professor Fernando Siviero sobre Patrimônio Imaterial.

Semana de Museus – Museu Municipal Casarão Pau Preto

O Museu Casarão Pau Preto, da Fundação Pró-Memória, integrou a Semana Nacional de Museus. O evento, que é coordenado pelo Ibram (Instituto Brasileiro de Museus), convida os museus nacionais para refletir e discutir temas atuais e importantes para o desenvolvimento das instituições e da sociedade em comemoração ao Dia Internacional de Museus. Neste ano, a sua 15ª edição aconteceu entre os dias 18 e 24 de maio e teve como tema “Museus e Histórias Controversas: dizer o indizível em museus”. A ação contou com uma exposição itinerante e seis ações educativas. Os eventos reuniram 600 pessoas.

Exposição temporária Léo Tatarana

Exposição com desenhos do Artista indaiatubano Léo Tatarana.

16° Prêmio Nabor Pires Camargo

A Fundação Pró-Memória realizou a 16ª edição do Prêmio Nabor Pires Camargo-Instrumentista. Além de divulgar as obras do clarinetista e compositor indaiatubano Nabor Pires Camargo, o prêmio visa revelar novos talentos da música popular brasileira instrumental. Após uma triagem, dez finalistas participaram de uma audição pública, realizada no dia 28 de abril, no Ciaei. O melhor músico foi premiado com R$ 8 mil, o segundo R$ 6 mil, o terceiro R$ 5 mil, o quarto R$ 4 mil e o quinto colocado R$ 2 mil. Os participantes classificados entre a 6ª e a 10ª colocação receberam um cachê de participação no valor de R$ 500. O evento foi apresentado pelo produtor e apresentador do Programa Chorinho Brasil na Rede Boa Nova de Rádio, João Tomás do Amaral. O Prêmio contou com 58 inscritos de diversos estados.

Férias no Casarão

O Projeto proporcionou diversas atividades que aconteceram durante uma semana, no mês de julho, no Casarão Pau Preto, com crianças de 08 a 11 anos, com o intuito de incentivá-las a conhecer tanto o Museu Municipal como o espaço do Casarão.

Exposição temporária Arquivo Público Municipal

No mês de junho, mais especificamente no dia 09, na qual se comemora o dia internacional do Arquivo foi organizada uma exposição com a história do Arquivo Público Municipal e sua importância no decorrer de mais de 20 anos de existência em Indaiatuba.

Primavera de Museus

A Primavera é uma temporada cultural coordenada pelo Ibram que acontece todo ano no início da estação homônima. A cada ano, o Ibram lança um tema diferente para nortear as atividades dos museus.

Dia da Consciência Negra

A Fundação Pró-Memória realizou no sábado, 18 de novembro, no Museu Casarão Pau Preto, atividades em comemoração ao Dia da Consciência Negra. A programação foi composta por diversas atividades que referenciam a influência Africana na composição da cultura brasileira. Confira a programação abaixo.

O Dia da Consciência Negra é comemorado em 20 de novembro em todo o país. A data homenageia o Zumbi, um escravo que foi líder do Quilombo dos Palmares. Zumbi morreu em 20 de novembro de 1695. O objetivo é fazer uma reflexão sobre a importância do povo e da cultura africana, assim como o impacto que tiveram no desenvolvimento da identidade da cultura brasileira.

Escola do Patrimônio

A Fundação Pró-Memória em parceria com o Departamento de História do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas na Unicamp, promoveram seis oficinas gratuitas da Escola do Patrimônio durante o ano de 2.017.

A Escola do Patrimônio é um projeto realizado em parceria entre Fundação Pró-Memória e o Departamento de História do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas na UNICAMP desde 2014, que visa discutir questões referentes ao patrimônio documental, cultural e ambiental e sua preservação por meio de oficinas gratuitas destinadas à comunidade.

1º Seminário Internacional de Patrimônio Cultural

Evento gratuito promovido pelo Pró-memória com parceria da PUC-SP traz professores da Universidade de Coimbra, Portugal, para o 1º Seminário Internacional de Patrimônio Cultural, que aconteceu no Museu Municipal Casarão Pau Preto.

Carlos Gustavo Nóbrega de Jesus, superintendente da Fundação Pró-Memória, explica o que é Patrimônio Cultural. “Patrimônio Cultural abrange o patrimônio edificado e o patrimônio imaterial, que são as práticas culturais, a memória e os documentos escritos. A Fundação Pró-Memória tem como finalidade máxima proteger e divulgar este patrimônio”.

Indaiatuba

Secretaria da Fazenda lança formulário de sugestões para elaboração do planejamento orçamentário

Publicado

em

Por

Foto: Arquivo-Eliandro Figueira RIC/PMI

A Prefeitura de Indaiatuba por meio da Secretaria da Fazenda, lança na quarta-feira (10) o formulário de participação da população na elaboração do Plano Plurianual – PPA 2022-2025, e Lei de Diretrizes Orçamentárias – LDO 2022 e Lei Orçamentária Anual – LOA 2022. Para participar, basta acessar o link https://www.indaiatuba.sp.gov.br/fazenda/orcamento/, no período de 10 de março a 30 de junho.

Através do formulário eletrônico será solicitado o preenchimento de alguns dados pessoais e, logo em seguida, cada cidadão poderá selecionar dentre as opções disponíveis, 03 (três) áreas que em sua opinião necessitam de maior atenção da administração municipal, devendo ainda indicar 02 (duas) ações que considera prioritárias, nas áreas selecionadas.

Caso tenha sugestões adicionais, não contempladas nas opções disponíveis para seleção, o cidadão terá a oportunidade de registrá-las ao final do preenchimento do formulário.

Este canal de comunicação entre o poder público e a população visa tornar a administração pública municipal mais transparente, democrática e participativa. “Entendemos que este é o momento mais propício para a participação popular, pois é neste ano que a administração pública municipal tem a obrigação de elaborar todas as peças de planejamento, dentre elas o Plano Plurianual, que é a peça que norteará o planejamento orçamentário municipal para os próximos 4 anos, através da edição anual da LDO e da LOA”, explica o secretário da Fazenda, Orlando Schneider Vianna.

O objetivo desta ação, além de ampliar a participação de toda a população, é identificar as áreas prioritárias e aproveitar as sugestões para o aperfeiçoamento constante dos programas de governo possibilitando a construção de um orçamento voltado ao desenvolvimento social e econômico sustentável do município, proporcionando maior efetividade e dinamismo à gestão pública.

“Outro ponto positivo de realizar a audiência pública eletrônica nesta fase, é o tempo hábil para os órgãos técnicos e Administração avaliarem e decidirem quanto a viabilidade e possibilidade de inclusão das demandas no planejamento orçamentário”, conclui Vianna.

As demandas prioritárias identificadas nos canais disponíveis serão sempre submetidas primeiramente aos órgãos setoriais da administração municipal para análise técnica, o que envolve a verificação da pertinência, da validade/legalidade, da viabilidade e da oportunidade do seu acolhimento. Em seguida serão encaminhadas ao Chefe do Poder Executivo que poderá determinar a inclusão nas peças de planejamento, em função das diretrizes orçamentário-financeiras e de governo.

Importante frisar que as audiências públicas eletrônicas são instrumentos de consulta popular, sem caráter deliberativo, previstos na Lei de Responsabilidade Fiscal e na Lei de Diretrizes Orçamentárias, que permitem aos cidadãos manifestarem suas demandas e participar da elaboração das peças de planejamento (Plano Plurianual – PPA, Lei de Diretrizes Orçamentárias – LDO e Lei Orçamentária Anual – LOA).

Continue Lendo

Indaiatuba

NOTA 323 / COVID-19 / terça-feira, 09 de março de 2021

Publicado

em

Por

Foto: Divulgação

A Secretaria de Saúde de Indaiatuba informa hoje, 9 de março, o registro de mais uma morte com diagnóstico positivo para Covid-19. Além disso, foram contabilizadas 297 notificações suspeitas (entre hospitais, laboratórios particulares e unidades de saúde) e outros 11 casos positivos e 276 descartados.

O óbito aconteceu no Hospital Santa Ignês, sendo uma mulher de 69 anos, internada desde o dia 5 de fevereiro e faleceu hoje (9), tinha antecedentes de hipertensão. A administração municipal lamenta a morte e presta condolências aos familiares e amigos.

Desde o início da pandemia, 15.495 pessoas contraíram a doença no município. Desses, 15.051 são considerados curados ou estão em recuperação domiciliar; 369 evoluíram a óbito e 1.669 casos suspeitos aguardam resultados.

Na data de hoje há 100 internados, dos quais 75 estão confirmados para Covid-19. Do total, 60 estão em leitos clínicos e 40 em UTI (Unidade de Terapia Intensiva). A taxa de ocupação dos leitos é a seguinte:

Leitos Clínicos

Haoc: 100%

Santa Ignês: 60%

UTI

Haoc: 96%

Santa Ignês: 100%

*Externa: 100%

MINHA SAÚDE

Ao apresentar sintomas, o cidadão pode realizar o seu atendimento online, pelo MINHA SAÚDE COVID-19. O paciente responde questionário prévio e com a suspeita, encaminhado para médico de plantão, que realiza o atendimento por vídeo, sem sair da plataforma digital e encaminha para exame em uma Unidade de Saúde.

O link do serviço está no site da Prefeitura www.indaiatuba.sp.gov.br. Para outras dúvidas basta chamar no WhatsApp da Saúde (19) 9 9779-3856.

CUIDADOS

A Secretaria Municipal de Saúde reforça a necessidade de se manter os cuidados diariamente. Ao sair de casa use máscara e álcool em gel. Mantenha distanciamento social e evite aglomerações.

*Leitos externos contratados pelo município para atendimento SUS.

Continue Lendo

Indaiatuba

Vacinação contra a Covid-19 amplia para idosos a partir de 77 anos

Publicado

em

Por

Foto: Eliandro Figueira RIC/PMI

A Prefeitura de Indaiatuba por meio da Secretaria de Saúde amplia a vacinação contra a Covid-19 para idosos cadastrados no Minha Vacina a partir de 77 anos. A imunização será na quarta e quinta-feira (10 e 11) no CET (Centro Esportivo do Trabalhador) das 9h às 18h. Para os idosos com mais de 85 anos e profissionais de saúde que perderam a 2ª dose da vacina no dia de hoje (9), será feita também na quinta-feira (11) no mesmo local e horário. O município recebeu o 8º lote da Coronavac com mais 1.112 doses na tarde de hoje (9).

A vacinação será em sistema Drive-Thru com entrada pela Av. Tamandaré e também no formato tradicional (pedestre) com entrada pela Av. Conceição. A Secretaria de Saúde reforça que para ser imunizado a pessoa deve levar o QRcode do cadastro, um documento com foto e o comprovante de endereço (IPTU, conta de água ou luz) no nome da pessoa a ser vacinada ou se for parente levar um comprovante de parentesco. O idoso que ainda não possui o cadastro pode entrar no link https://vacinacao.indaiatuba.sp.gov.br/cadastro/ e efetuar o cadastro.

BALANÇO

Até sábado (6) Indaiatuba imunizou com a primeira dose: 5.918 trabalhadores de saúde; 4.994 idosos e 257 cuidadores e moradores de residência inclusiva. Com a segunda dose da Coronavac foram 4.075 trabalhadores de saúde; 676 idosos e 32 cuidadores e moradores de residência inclusiva. Na segunda-feira (8) foram imunizadas 1.356 pessoas com a 1ª dose.

SERVIÇO

Vacinação contra a Covid-19

1º dose

Idosos a partir de 77 anos

Dias 10 e 11 de março (4ª e 5ª-feira)

Local: CET (Centro Esportivo do Trabalhador)

Endereço: Av. Conceição, 1885 – Cidade Nova II,

Horário: 9h às 18h

2º dose

Idosos a partir de 85 anos e profissionais de saúde

Dia 11 de março

Local: CET (Centro Esportivo do Trabalhador)

Endereço: Av. Conceição, 1885 – Cidade Nova II,

Horário: 9h às 18h

Continue Lendo

Populares