Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Fiec realiza balanço de 2018 com destaque para a ampliação de formação de mão de obra qualificada

Foto: Divulgação

A Fiec (Fundação Indaiatubana de Educação e Cultura) é reconhecida como referência nacional em ensino profissionalizante. Oferece uma das mais completas infraestruturas do país, diferenciando-se de todas as outras por ser uma escola pública, totalmente gratuita.

Considerada uma das escolas que oferece os melhores cursos técnicos do Brasil, foi escolhida pelo Ministério da Educação para ampliar a formação de mão de obra qualificada em Itu e São João da Boa Vista. Em 2018, através dos convênios entre as Prefeituras de Indaiatuba, Itu e São João da Boa Vista e Unifae, a Fiec instalou unidades remotas nas cidades e ofereceu ao todo 390 vagas para a qualificação de jovens que estão cursando o ensino médio.

Sempre investindo em infraestrutura a Fiec entregou em novembro o novo laboratório de análises clínicas para práticas acadêmicas. O espaço está equipado com modernos equipamentos das áreas de parasitologia, microbiologia médica, imunologia, hematologia, bioquímica, biologia molecular e urinálise. Ao todo são 18 equipamentos, do qual se destaca o Analisador Bioquímico Automatizado que tem a capacidade de realizar 260 testes por hora de glicose, colesterol total e frações, triglicérides, ácido úrico, uréia, creatinina, proteínas, enzimas, eletrólitos e função hepática entre outros. Também realizou reformas e ampliações de salas e laboratórios para atender os alunos dos cursos técnicos de cozinha e nutrição.

Para o superintendente da Fiec, João Neto, o ano de 2018 foi produtivo uma vez que houve a implantação de mais 720 vagas do Mediotec. A ação garantiu aos alunos do 2º e 3º ano do Ensino Médio a oportunidade de cursarem um técnico. “Através do Mediotec, programa do Governo Federal, e o vestibulinho realizado com recurso do munícipio de Indaiatuba, conseguimos atender 2.574 jovens em 19 opções de cursos técnicos. O FIC (Formação Inicial e Continuada), também beneficiou 1.200 pessoas”.

A Fiec além de ser referência em ensino técnico e formar mão de obra qualificada, também oferece projetos para a comunidade. Mais de cinco mil pessoas foram atendidas através dos Projetos de Inclusão Digital, Atendimento Solidário, Aluno Saudável, Pintura em tela, tecido e artesanato e Doação de Sangue.

No planejamento de 2019, há a previsão de 480 vagas divididas em dois vestibulinhos. Serão 240 vagas por semestre e 6 opções de cursos técnicos, que serão oferecidos através de recursos disponibilizados pela Prefeitura de Indaiatuba. Além disso, novos pólos de Informática Básica serão instalados no município. Em breve duas unidades já começarão funcionar, um no Espaço Bem Viver e outro para atender a população do Campo Bonito. “Mais de 500 pessoas são inseridas a cada dois meses no projeto de Inclusão de Digital. Este projeto atende um pedido do prefeito Nilson Gaspar, que é qualificar pessoas de várias idades e promover oportunidade a todos”.

Por fim, o superintendente avalia que o desempenho da Fiec no cenário nacional de educação profissional em 2018 deve-se ao comprometimento de várias diretrizes. “Quero agradecer a dedicação de todos os funcionários, professores e alunos da Fiec. Tenho certeza que o ano de 2019 será de muito trabalho, e a dedicação de cada um será de extrema relevância para atingirmos nossa meta, que é sempre oferecer o melhor para a população. Continuaremos trabalhando lado a lado com o prefeito Nilson Gaspar, buscando Recurso Federal e Estadual para Indaiatuba”, finaliza João Neto.

BALANÇO 2018

Parceria com Governo Federal – Pronatec / Mediotec

A Fiec foi a primeira escola técnica municipal do Brasil a aderir o Pronatec (Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego), programa do Governo Federal, e hoje é a única a ter o Mediotec.

Mediotec

A Prefeitura conseguiu para a Fiec, com o Ministério da Educação, 1.220 vagas para o Mediotec/Pronatec. A parceria proporciona curso técnico gratuito para todos os alunos que estudam no 2º ou no 3º ano do Ensino Médio da rede pública, com 18 opções de cursos, 300 horas de inglês, sendo 100 horas obrigatórias em todos os técnicos.

Os cursos são: Administração; Análises Clínicas; Automação Industrial; Cozinha; Design de Interiores; Edificações; Eletroeletrônica; Enfermagem; Farmácia; Imobilizações Ortopédicas; Informática SI; Informática NET; Logística; Mecânica; Mecatrônica; Nutrição; Química e Segurança do Trabalho.

Em Indaiatuba 1.558 jovens foram atendidos em 2018 pelo Programa.

Unidades Remotas

Devido a qualidade de ensino reconhecida, a Fiec foi escolhida pelo Ministério da Educação para ofertar os cursos nas cidades de Itu e São João da Boa Vista.

Na cidade de Itu foram oferecidas 130 vagas para os cursos de Administração, Edificações, Informática e Logística.

Em São João da Boa Vista foram oferecidas 180 vagas para os cursos de Farmácia, Edificações, Informática e Logística.

No total 1.848 jovens foram atendidos através do convênio com o Mediotec em 2018.

FIC – Cursos de Formação Inicial e Continuada

Através do FIC (Programa de Formação Inicial e Continuada), inserido no Pronatec (Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego), do Governo Federal, a Fiec ofereceu 13 opções de cursos, totalizando 1.200 vagas nos cursos de Assistente Administrativo, Inspetor de Qualidade, Vendedor, Cuidador de Idoso, Cuidador Infantil, Confeiteiro, Inglês Básico, Espanhol Básico, Desenhista Mecânico, Desenhista da Construção Civil, Auxiliar de Farmácia de Manipulação, Eletricista Predial de Baixa Tensão, Instalador de Redes de Computadores e Auxiliar de Operação de Tratamento de Água.

Os cursos têm duração máxima de três meses e os alunos recebem certificados de conclusão. Os alunos dos cursos de Cuidador de Idoso e Infantil recebem também a certificação internacional da AHA (American Heart Association), que é referência mundial no atendimento de emergências.

No total 1.200 foram beneficiados pelo Programa.

Cursos técnicos e Vestibulinho

A Fiec ofereceu 240 vagas para os cursos de Educação Profissional Técnico de Nível Médio em Administração, Cozinha, Logística, Mecatrônica, Nutrição e Dietética e Química no vestibulinho 2º semestre de 2018.

No total 590 alunos cursaram os Cursos Técnicos no ano de 2018.

Tecnólogo

No total 79 alunos cursaram o Tecnólogo em Processos Químicos durante o ano de 2018.

Projeto Fiec e a Comunidade

Este Projeto visa promover programas gratuitos para a população. Entre eles estão a Inclusão Digital, Atendimento Solidário, Aluno Saudável, Pintura em tela, tecido e artesanato e Doação de Sangue. Todos os projetos juntos atenderam 5.766 pessoas.

Inclusão digital

Trata-se de um programa de informática destinado ao cidadão de Indaiatuba, 100% gratuito, com duração de dois meses, destinado a pessoas de 12 a 90 anos, que recebem o certificado de conclusão emitido pela Fiec.

Além de toda a metodologia, equipamentos, apostilas e profissionais habilitados, a Fiec disponibiliza Informática Básica, Intermediária, Avançada e Básico exclusivo para a Melhor Idade. São 17 polos espalhados pela cidade e neste ano 2.480 pessoas foram atendidas.

Atendimento solidário

O curso técnico em Enfermagem realizou aproximadamente 200 atendimentos em 2018. Os alunos visitam pacientes acamados em sua residência e prestam atendimento gratuito. A partir do início do curso, os alunos já iniciam estágios nos campos, conforme a grade curricular e aprovação do Coren (Conselho Regional de Enfermagem). O encaminhamento dos pacientes acontece através da Secretaria Municipal de Saúde com o envio dos dados do paciente para a realização da assistência de enfermagem ou envio do paciente pelo hospital.

Aluno saudável

Trata-se de um serviço prestado a todos os alunos ingressantes nos cursos técnicos da Fiec. Eles passam por avaliação da pressão arterial, glicemia, dados antropométricos, cálculo do IMC (Índice de Massa Corpórea), teste de bioimpedância, avaliação da acuidade visual, além de receberem orientações sobre hábitos de vida saudável com nutrição adequada e prática de esportes.

No total 1.310 alunos foram atendidos pelo projeto em 2018.

Pintura em tela, tecido e artesanato

O projeto serve como uma terapia ocupacional, trazendo benefícios em várias questões sociais e principalmente no âmbito da saúde.

O curso de pintura em tela, tecido e artesanato acontece no Museu Ferroviário de Indaiatuba, é aberto ao público e totalmente gratuito. Com duração de 12 meses, recebe cerca de 150 alunos por ano. Todos recebem certificados de conclusão.

Doação de sangue

A Fiec realiza ações sociais, e uma das mais importantes e reconhecidas é a Campanha de Doação de Sangue. Em parceria com o hemocentro, o evento conta com o apoio da Secretaria Municipal de Saúde, que disponibiliza uma ambulância durante todo o período de doação, seguindo normas da Unicamp. Compareceram 1.735 candidatos para doação e foram coletadas 1.323 bolsas de sangue até o mês de novembro deste ano.

Estagiários – 1° emprego

Neste ano, a Fiec inseriu 800 estagiários no mercado de trabalho, em atividade profissional remunerada. A Fundação possui um dos principais diferenciais em comparação a outras instituições de ensino técnico, pois ela emprega cerca de 80% de seus alunos. Além das capacitações, a Fiec é responsável pela colocação de jovens estagiários para atuar na Prefeitura, nas duas unidades da própria Fiec e em empresas conveniadas ou não. Ainda, há parcerias com mais de 250 empresas da região.

Museu ferroviário

A Fiec administra o Museu Ferroviário que possui um acervo de 500 peças. Considerado um dos mais importantes pontos históricos de Indaiatuba, recebeu neste ano aproximadamente 5 mil visitantes.