Connect with us

Eventos

Espetáculo “O Quarto Estado Da Água” se apresenta no Teatro Iguatemi Campinas

Publicado

em

A Brain + Teatro GT trazem para o interior do estado de São Paulo “O Quarto Estado Da Água”, montagem que leva ao público um jogo de memória entre presente, passado e futuro numa comédia refinada. Dias 01 e 02 de julho (sábado e domingo) no Teatro Iguatemi.

Sinopse

A água não precisa estar em estado sólido, líquido ou gasoso, como aprendemos na escola. Basta que ela se sinta pressionada o suficiente para surgir uma quarta fase, que a física clássica não é capaz de explicar. A descoberta, feita por pesquisadores americanos quando observaram moléculas de água aprisionadas em um mineral chamado berilo, que compõe as esmeraldas, foi divulgada no fim de 2016. Com esse mote, a diretora Bia Szvat leva aos palcos “O Quarto Estado Da Água”, espetáculo que chega ao Teatro Iguatemi Campinas nos dias 01 e 02 de julho, às 21h no sábado e às 19h no domingo.

Anderson di Rizzi, Kiko Pissolato e Herbert Richers Jr. fazem parte da nova formação do grupo, que tem dramaturgia de Flavio Cafiero (finalista dos prêmios Jabuti e São Paulo de Literatura com o livro O Frio Aqui Fora e vencedor do Jabuti na 57 edição com o livro Dez Centímetros Acima do Chão, categoria Contos&Crônicas). O espetáculo também conta com Fabio Cintra na direção musical e traz ao palco instrumentos tocados ao vivo (violoncelo, acordeão e sax), que, juntos formam um quarto personagem em cena e percorrem diversos ritmos (valsa, jazz, tango) criando uma base para que os atores possam criar possibilidades cênicas para deliciar um público sedento por um trabalho que une reflexão e diversão garantida.

Para conseguir dar conta de toda técnica que a peça exige, os atores tiveram aulas extras de flamenco, tango, balé clássico e dança contemporânea.

O Quarto Estado Da Água” é sobre o homem contemporâneo. A história se passa em cima da laje de um prédio, com três homens que fogem de uma festa de ano novo (no andar térreo) e sobem para respirar um pouco. A partir daí, confissões, angustias e memórias surgem e um jogo de memória entre presente, passado e futuro entra em cena. Do alto do arranha-céu, os personagens questionam qual é o lugar do homem neste mundo contemporâneo, onde novas sexualidades e novas formas de amar estão cada vez mais latentes.

Comédia Refinada: O Quarto Estado da Água é o tipo de comédia refinada, um tanto desalentada e auto irônica, que usa e abusa da escala dramática do ator, levando o público a rir e refletir sobre o mundo contemporâneo. Um espetáculo fluído, cheio de som e imagens e texto enxuto, que traz tudo o que o público espera e algumas surpresas mais para emocionar e relembrar que o teatro acima de tudo é diversão, como dizia o velho mestre Brecht.

A diretora Bia Szvat explica que o espetáculo faz uma analogia da vida dos personagens com os quatro estados da água. “Quero abordar os detalhes e sutilezas do homem contemporâneo e as construções da nova masculinidade, mas sem julgamentos e conclusões. O levantamento de questões de forma criativa e leve tenta resgatar a arte como entretenimento, espaço de reflexão e construção artística”.

Prisma do sensível

A montagem nasceu do encontro entre a diretora Bia Szvat e o ator Anderson di Rizzi. Bia fez a preparação de Anderson para seu personagem Zé dos Porcos na novela Êta Mundo Bom!, da TV Globo. O entrosamento dos dois levou ao desejo de fazerem algo no teatro e foi um caminho natural reestruturarem o grupo que Bia dirige desde 2011. O Quarto Estado Da Água” faz parte de um projeto de Bia Szvat que contempla a estreia de três espetáculos em 2017. “São espetáculos que focam em grandes temas atuais com o objetivo de sensibilizar e não confrontar”, enfatiza a diretor a.

O primeiro espetáculo é Peça para quem não veio, que já realizou apresentações de abertura do processo criativo no mês de março no Tusp. A montagem, com a atriz e cantora francesa Laurence de Seve, dá continuidade à parceria entre a Cia. Pau D’arco de Teatro, da diretora Bia Szvat e a Compagnie Nie Wiem, da França. O segundo espetáculo é “O Quarto Estado Da Água”, que aborda a nova masculinidade e o homem contemporâneo, e o terceiro, chamado Sobre Alices, discute o feminino com atuação da atriz Lucy Ramos.

Construção cênica

“O Quarto Estado Da Água” parte de uma pesquisa acerca de novas possibilidades da dramaturgia contemporânea, subvertendo o processo tradicional de construção cênica – no qual o desenvolvimento se dá por camadas – e tecendo uma performance em que atuação, construção sonora, dança, canto e direção artística e criação do texto caminharam juntas. A partir de experimentos realizados com os três atores, o dramaturgo Flavio Cafiero apresentou proposições de situações; estas foram retrabalhadas em cena junto à direção e novamente voltaram para o dramaturgo, num contínuo processo de retroalimentação entre as instâncias da criação.

Para o ator Anderson di Rizzi, o tema proposto é complexo e amplo, mas muito atual e necessário. “Na peça, os três personagens discorrem sobre o mundo contemporâneo, divagando a respeito de experiências nas quais um indivíduo pode ter relações e identidades de gênero que não se encaixam nas categorias-padrão. Outro ponto pertinente da montagem é mostrar o homem reagente, já que a mulher mudou de lugar na sociedade atual”, conta ele.

Já Luiza Curvo, em sua segunda incursão pela área da cenografia, ressalta a importância do diálogo e das trocas ocorridas entre a equipe no decorrer do processo. “Conversei bastante com a Bia e a gente se preocupou o tempo inteiro em utilizar a água, enquanto elemento cênico, para além das formas que a gente conhece no dia-a-dia, caminhando para atingir a sensibilidade do público”, frisa.

A luz, assinada com Cesar Augusto Pivetti e Vânia Jacônis é outro elemento importantíssimo na montagem. “a luz deste espetáculo foi um elemento ativo na construção das cenas. Durante cada ensaio o desenho de luz era pensado e utilizado como parte essencial do espetáculo”, diz Bia Szvat.

“Acredito numa forma libertária de direção do grupo, onde a autodisciplina é fator preponderante para que o espetáculo aconteça com a criação de toda uma equipe. Neste sentido, o meu teatro não enxerta uma visão do diretor na peça sem antes ter um sentido de escuta profundo dos atores-compositores e de toda a equipe criativa que constroem o significado do espetáculo juntos, durante a pesquisa artística”, diz Bia Szvat.

O resultado é um espetáculo altamente atraente, uma comédia feita com humor corrosivo, diálogos bem esculpidos cheios de primeiras, segundas e terceiras intenções, repleto de musicalidade, tempos de reflexão para todo mundo que busca algum frescor na forma de se fazer teatro.

FICHA TÉCNICA:

Direção Geral: Bia Szvat.

Dramaturgia: Flavio Cafiero.

Elenco: Anderson di Rizzi, Kiko Pissolato e Herbert Richers Jr.

Stand-in: Francisco Zaiden.

Assistente de Direção: Élder Idelfonso.

Direção Musical: Fabio Cintra.

Músicos: Thayna Oliveira, Ricardo Venturin e Gerson Silva Jr.

Design de Luz: Cesar Pivetti e Vânia Jaconis.

Cenografia: Luiza Curvo.

Aderecista: Marisa Caula.

Produção: Ricco Antony e Andreia Porto.

Assistentes de Produção: Lucas Martins Néia e Priscila Biade.

Apoio de Produção: Felipe Matias.

Duração: 60 minutos.

Classificação: Recomendado para maiores de 14 anos.

Serviço

Campinas:

Data: 01 e 02 de julho, sábado e domingo.

Horário: sábado às 21h; domingo às 19h.

Local: Teatro Iguatemi 3º piso do Iguatemi Campinas

End: Av Iguatemi, 777 – Vila Brandina

Telefone: (19) 3294-3166 – www.teatrogt.com.br

Eventos

Parque D. Pedro Shopping traz semana do consumidor com descontos de até 50%

Publicado

em

Por

Para fomentar as vendas de seus lojistas e continuar a oferecer seus serviços com segurança e comodidade para os seus clientes, o Parque D. Pedro Shopping traz ações e descontos especiais para a Semana do Consumidor. De 15 a 21 de março, as lojas do shopping terão descontos de até 50% em seus produtos para compras feitas pelo sistema Compre e Retire e desconto especial no Compre Online, plataforma de e-commerce especializada do empreendimento.

As lojas do empreendimento trabalharão com descontos exclusivos para a Semana do Consumidor que chegam até a 50%. A campanha conta com aparelhos celulares com R$ 600 de desconto, além de perfumaria, roupas e sapatos com até R$ 150 e muito mais. As ofertas serão divulgas pelas redes sociais do shopping ao longo da semana. Para garantir os melhores produtos pelos melhores preços, basta que o cliente entre em contato com o lojista por meio dos canais de comunicação dispostos no site do Parque D. Pedro Shopping e realizar a compra diretamente com ele. A retirada será feita pelo Compre e Retire, sistema drive thru, garantindo a segurança total de cliente e lojista.

Na plataforma online de vendas, as lojas participantes aderiram a um sistema de desconto através do cupom COMPRE25OFF, e frete grátis. Para utilizá-lo, basta que o usuário faça suas compras e, ao entrar na área de pagamento, digite o código na área indicada. O desconto será aplicado automaticamente no valor final dos produtos. As mercadorias poderão ser retiradas no Compre e Retire do Parque D. Pedro Shopping ou recebidas diretamente em casa pelo sistema de delivery da plataforma, com entrega programada para o mesmo dia.

A ação visa, além de incentivar a venda de produtos dos lojistas do Parque D. Pedro Shopping, oferecer segurança e cuidado para os clientes durante as compras. Todos os produtos entregues pelo Compre e Retire são higienizados previamente pelo vendedor, e não é necessário que o cliente saia do carro para busca-lo ou efetuar o pagamento, que pode ser realizado por aproximação de cartões de crédito e débito. Além de retirá-los diretamente com os vendedores, é possível encontrar as mercadorias nos lockers, armários inteligentes localizados na estrutura. Já para as compras por delivery, os produtos são higienizados também antes da entrega, realizada por uma empresa especializada.

Continue Lendo

Eventos

Murilo Couto apresenta “Gala Seca” no Teatro Paulo Autran, em Americana

Publicado

em

Por

Apresentação da comédia stand-up será na sexta-feira, 26 de fevereiro, às 20h. Os ingressos custam R$ 60,00 (inteira)e R$ 30,00 (meia-entrada). A classificação etária é de 14 anos. Vendas na bilheteria do Teatro das 8h às 12h e 13h às 17h e no site www.ingressodigital.com.

“Gala Seca” é uma gíria da região Norte do Brasil, usada para falar de pessoas com comportamento idiota e desatento. Não por acaso a expressão nomeia o novo e terceiro show de comédia stand-up do humorista Murilo Couto cujo texto é baseado em relatos de situações de toda sua vida. “As piadas de Gala Seca” são bem focadas em mim mesmo. Conto histórias desde a minha infância até os dias de hoje. Falo de como a feiura me ajudou profissionalmente, do meu primeiro beijo, das tentativas de ser estiloso na adolescência. Tudo bem vergonhoso”, admite o humorista

O espetáculo, com 80 minutos de duração e classificação etária de 14 anos terá apresentação única na sexta-feira, às 20h, no Teatro Paulo Autran, situado à Rua Belém, 233, Jardim Nossa Senhora de Fátima, em Americana. Os ingressos custam R$ 60,00 (inteira)e R$ 30,00 (meia-entrada) e podem ser adquiridos na bilheteria do Teatro das 8h às 12h e 13h às 17h e no site www.ingressodigital.com .  “Todos vão rir da desgraça alheia”, garante Murilo, alertando que não aceitará chororô de quem perdeu “o maior show da história do planeta”.

Sobre Murilo Couto

O comediante paraense e repórter do late show “The Noite com Danilo Gentili” (SBT) também faz parte do elenco do “Em Pé na Rede”, primeiro grupo de stand-up comedy da região Norte do Brasil. Além disso, cria todo o conteúdo para seu canal do YouTube, que conta com mais de um milhão de inscritos. Nas horas vagas, se dedica à sonhada carreira como rapper.  Murilo começou sua carreira fazendo teatro em Belém (PA), em 2004, mas ficou conhecido apenas em 2009 quando fez parte do elenco de “Malhação” (TV Globo). Em 2016, ao lado de Tatá Werneck, Maurício Meirelles, Marco Gonçalves e Nil Agra, comandou o programa de humor e música “Estranho Show de Renatinho” (Multishow) e integrou a Banda Renatinho. No mesmo ano, disputou, na Finlândia, as etapas finais do prêmio “A Pessoa Mais Engraçada do Mundo”, promovido pelo clube de comédia americano Laugh Factory.

Seu primeiro show de stand-up comedy, “Eu, Eu Murilo”, estreou na Netflix em 2017 e, no ano seguinte, o comediante viajou pelo país quando gravou seu segundo DVD “Fazendo Suas Graça”. Ainda em 2018, lançou cinco singles de rap -um deles em parceria com o RapBox – em todas as plataformas digitais de música através da distribuidora internacional OneRPM e, ainda estreou no cinema, ao lado dos humoristas Danilo Gentili, Léo Lins, Dani Calabresa, como um dos protagonistas de “Exterminadores do Além”. Também participou de “O Amor Dá Trabalho”, de Leandro Hassum. O comediante pode ser visto nas séries “Drunk History” e “Entre Risos”, ambas no canal Comedy Central.

Serviço

Comédia stand-up “Gala Seca”

Data: 26 de fevereiro, 6ª feira.

Horário: às 20h    

Local: Teatro Paulo Autran – End: R. Belém, 233 – Jd. Nossa Senhora de Fátima

Classificação etária: 14 anos

Duração: 80 minutos

Ingressos: R$ 60,00 (inteira) e R$ 30,00 (meia-entrada)

Vendas: Bilheteria do Teatro – das 8h às 12h e 13h às 17h e no site www.ingressodigital.com

Informações: (19) 3461-3045 – www.teatrogt.com.br

Continue Lendo

Eventos

Sarau Viva Nordeste – 2ª edição encerra fevereiro com cinema, música e literatura

Publicado

em

Por

Com um elenco que reúne mais de 50 artistas sediados principalmente em Campinas/SP, o Sarau Viva Nordeste – 2ª edição, que acontece até 27 de março, encerra sua programação de fevereiro de forma bem eclética, com apresentações voltadas a música, cinema e até literatura. Os eventos são gratuitos, com transmissões no canal do Youtube e no Facebook.

Na quinta-feira (25), às 19h30, o foco é o cinema, com uma roda de conversa sobre animação nordestina com a escritora e roteirista Alba Liberato, da Bahia, e a animadora Marila Cantuária, de Pernambuco. O evento terá mediação do co-diretor do Núcleo de Cinema de Animação de Campinas, o cineasta Maurício Squarisi, que há mais de 45 anos se dedica à produção cinematográfica de animação do Brasil.  Nascida em Salvador, Alba Liberato leva para suas obras o requinte do pensamento erudito com a beleza essencial da cultura popular. Entre seus trabalhos estão os roteiros para os longas de animação Boi Aruá e Ritos de Passagem, além do curta-metragem animado  Amarilis, dirigidos por Chico Liberato. Já Marila Cantuária  representa uma nova geração do mercado audiovisual. Desde 2010 trabalha como roteirista, diretora de animação, fotógrafa, ilustradora, editora e oficineira. É co-fundadora do selo de animação Produções Ordinária.

O Grupo Bolero Freak agita a noite de sexta-feira (26) com um show às 19h30.Na palestra espetáculo “Nordeste Cult”, o grupo explora a multiplicidade artística com música, teatro, circo e poesia pulsando em um ritmo alegre, ora debochado, ora provocativo, político e sempre visceral. A banda nasceu em 2017, em São Paulo, com o desejo de criar um espetáculo em homenagem aos 50 anos do disco antológico Tropicália ou Panis et Circenses. De lá para cá, a Bolero Freak já acumula importantes conquistas, como a premiação no “1° Concurso de Música de Rua do Pátio Metrô São Bento – Toca Aí”,  participação em festivais como Nômade, Festival Pinheiros, Festival Internacional de Circo e até experiência no teatro, como banda residente e parte do elenco na peça “O Rei da Vela”, remontagem histórica de 2018 dirigida por Hugo Possolo, da Cia dos Parlapatões.  

 “Ler é Uma Viagem” é o nome do próximo Grande Sarau, que acontece no sábado (27), a partir das 14h, celebrando a literatura. Dentre os convidados, estão Moreira de Acopiara, Katia Fonseca, Luciano Braga e Suzana Montauriol. A literatura de cordel, que desde 2018 é reconhecida como patrimônio cultural imaterial do Brasil, estará bem representada. Nascido no Ceará, Moreira de Acopiara é poeta e dramaturgo, autor de 26 livros e mais de 200 folhetos de cordel. Escritor de literatura de cordel, contos e poesia, Luciano Braga também é professor de arte, com especialização em Educação de Jovens e Adultos, Educação Especial, História e Cultura africana. Já a atriz, autora teatral, jornalista e ativista na área de Direitos Humanos Katia Fonseca traz para o Sarau “O Poder da Palavra”, uma apresentação sobre a vida e a obra de Torquato Neto, escritor, poeta, letrista e jornalista piauiense. Completando o elenco, Suzana Montauriol é psicopedagoga, escritora, poeta, cantora, atriz e contadora de histórias há 35 anos. Idealizadora do primeiro curso no Brasil de Educação com ênfase em contação de histórias, pela Univida/Facibra, ela se apresenta ao lado do músico Carlos Rezendes.

O Grande Sarau conta ainda com dois quadros fixos: “É mermo, Cabra?!”, com Miro Cena apresentando histórias e causos do Nordeste; e “Mão Molenga”, com narrativas animadas com os bonecos mamulengos de Denna Sossai.

Oficinas Culturais Gratuitas

Atração à parte no Sarau Viva Nordeste – 2ª edição, as oficinas culturais também são gratuitas, mas é preciso fazer uma inscrição antecipada pelo site www.sarauvivanordeste.com.br para garantir a participação.

Na oficina “Capas de Cordéis”, que começa no dia 08 de março, os participantes poderão conhecer técnicas da xilogravura, gravura com isopor, argila e colagem para o desenvolvimento de capas de cordéis com a utilização de materiais que normalmente seriam descartados. O encontro do cordel com a xilogravura pretende oferecer aos participantes um mergulho poético, artístico e literário pela cultura regional nordestina e suas manifestações artísticas populares, a partir da produção de cordéis, retratados em versos, rimas, métricas e xilogravuras. A oficina de “Música Popular Nordestina” propõe apresentar aos participantes os folguedos e suas estruturas melódicas, harmonias, características e instrumentação, com práticas voltadas à mistura do tradicional com o popular. As três oficinas têm acompanhamento de intérpretes de libras, e encerrando a programação, haverá ainda uma oficina de Construção de Bonecos com Sucata.

 Sobre o Sarau Viva Nordeste

Ao longo dos meses de fevereiro e março de 2021, o Sarau Viva Nordeste – 2ª edição, festival virtual de homenagem à cultura nordestina, abre espaço para diversas apresentações de artistas sediados no estado de São Paulo, especialmente em Campinas/SP. São vários formatos: os ‘saraus aperitivos’ são uma espécie de pocket show virtual, que acontecem à noite, durante a semana; as rodas de conversa trazem à tona diálogos com coletivos e movimentos que têm o Nordeste como referência em seus fazeres artísticos. Com edições semanais, as palestras espetáculos querem despertar no público a sensação de estar em uma grande plateia, como num teatro, casa de show ou centro cultural. Os sábados são reservados para os Grandes Saraus, com mais de três horas de duração, reunindo numa mesma tarde diferentes artistas e variadas performances. Todos os eventos são transmitidos ao vivo pelas redes sociais. 

Esta nova edição do Sarau Viva Nordeste foi selecionada pelo Edital ProAc Expresso Lei Aldir Blanc 40/2020, e tem produção da Diálogos Produções Culturais. O projeto nasceu do encontro da cordelista pernambucana, arte educadora e jornalista Dani Almeida com a produtora cultural campineira Janice Castro. Engajada em diversas atividades nos espaços culturais de Campinas, a dupla decidiu fortalecer o espaço para a cultura nordestina a partir da sua região. 

SERVIÇO

Sarau Viva Nordeste – 2ª Edição

Até 27 de março de 2021

Programação completa: www.sarauvivanordeste.com.br

Transmissão: Youtube e  Facebook 

Próximos eventos de fevereiro:

25/02 – (5ªf) – 19h30 – Roda deConversa: A mulher nordestina no cinema, com Mulheres nordestinas na 7ª arte.

26/02 – (6ª) – 19h30 – Palestra Espetáculo: Nordeste Cult, com o Grupo Bolero Freak

27/02 – (sáb) – 14h – Grande Sarau: Ler é uma Viagem, com Moreira de Acopiara, Katia Fonseca, Luciano Braga e Suzana Montauriol.

Programação de março:

04/03 – (5ª) –  19h30 – Sarau Aperitivo: Canções poderosas para mulheres arretadas, com  Vanessa Oliveira.

05/03 – (6ª) – 19h30 – Palestra Espetáculo: Mulheres em ação na arte do cordel, com o coletivo feminino Teodoras do Cordel.

06/03 – (sáb) – 14h – Grande Sarau: Força Feminina Nordestina, com Bill Dias (música e poesia), Maria Cândida (contação de histórias), Trio Maria Lua (forró pé-de serra), Tin Tin Alves e Luciano Braga (teatro e poesia).

08 a 11/03 –  das 14h às 15h – Oficina Capas de Cordéis, com Nireuda Longobardi (necessária inscrição prévia pelo site www.sarauvivanordeste.com.br) Evento com tradução em Libras

11/03 (5ª) – 19h30 – Palestra Espetáculo: Afronordestinas, com o Grupo La Cantante de La Trinidad e sus hijos.

12/03 (6ªf) – 19h30 – Roda de Conversa: Cordéis Femininos nas Bibliotecas, com o coletivo feminino Teodoras do Cordel.

15/03 a 18/03 – das 10h às 11h – Oficina: Encontro do cordel com a xilogravura, com Marco Haurélio e Lucélia Borges (necessária inscrição prévia pelo site www.sarauvivanordeste.com.br) Evento com tradução em Libras

18/03 (5ªf) –  19h30 – Sarau Aperitivo: Fadices e Bruxarias nas Terras do Cangaço, com  Suzana Montauriol e Carlos Rezendes.

19/03 (6ªf)  – 19h30 – Palestra Espetáculo: No ritmo do Coco, com o Grupo Coco Yiawarete

20/03 (sáb) – 14h – Grande Sarau: Nordeste do faz e conta e encanta, com Cleusa Santo (contação de histórias), Samuel de Monteiro (cordel), Juliana Firmo (teatro) e Aldy Carvalho (música regional).

22 a 25/03 – das 14h às 15h – Oficina: Música Nordestina, com Gilber Souto Maior (necessária inscrição prévia pelo site www.sarauvivanordeste.com.br) Evento com tradução em Libras

23 a 26/03 – das 10h às 11h – Oficina: Construção de Bonecos com Sucata, com Grumaluc – Teatro de Bonecos  (necessária inscrição prévia pelo site www.sarauvivanordeste.com.br)

25/03 (5ª ) – 19h30 – Sarau Aperitivo: Comidas nordestinas, comChef Marcelo Reis e a cantora Ilcéi Mirian.

26/03 (6ª) – 19h30 – Palestra Espetáculo: Encantos Circenses Nordestinos, com o Grupo Último Tipo.

27/03 (sáb) – 14h – Grande Sarau: Nordeste Circense, com Palhaço Custelinha (performance circense), Edimaria e Miro Cena (música e contação de histórias), Varneci Nascimento (cordéis divertidos)  e Ana Person (música).

Continue Lendo

Populares