Connect with us

Geral

Corpo de Gugu Liberato chegará na quinta no aeroporto de Viracopos, em Campinas

Published

on

O voo com o corpo do apresentador Gugu Liberato está prevista para chegada na manhã de quinta-feira(28) no aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas. A previsão de chegada é as 6h05.

De acorco com a assessoria de Comunicação do apresentador os familiares que estão em Orlando também chegam no mesmo voo.

O corpo foi preparado para translado e ficará na funerária até quarta-feira(27) à tarde. Da funerária seguirá para o Orlando Airport International (MCO), de onde embarcará para o Brasil no voo AD 8707, das 19:15hs, Azul Linhas Aéreas Brasileiras. A chegada será no aeroporto de Viracopos, em Campinas, às 6h05 da manhã de quinta-feira(28).

De Viracopos, após cumprir todos os trâmites legais, seguirá para a ALESP em carro funerário até a Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo.

A previsão do velório é as 12h de quinta-feira e se estenderá até às 10 horas da manhã de sexta-feira (29/11), quando o corpo seguirá em carro de bombeiros para o Cemitério Gethsêmani, no Morumbi, onde será sepultado no jazigo da família.

NOTA DA ASSESSORIA NA INTEGRA

COMUNICADO GUGU LIBERATO 5

Seguem as informações atualizadas sobre translado, velório e sepultamento de
Gugu Liberato:

O corpo já foi preparado para translado e ficará na funerária até amanhã (quarta-feira, 27/11) à tarde. Não temos um horário definido para informar.

Não existe a menor possibilidade de qualquer acesso a funerária ou familiares do apresentador.

Da funerária seguirá para o Orlando Airport International (MCO), de onde embarcará para o Brasil no voo AD 8707, das 19:15hs, Azul Linhas Aéreas Brasileiras. A chegada será no aeroporto de Viracopos, em Campinas, às 6h05 da manhã de quinta-feira.

*Os familiares virão no mesmo voo.

De Viracopos, após cumprir todos os trâmites legais, seguirá para a ALESP em carro funerário.

IMPORTANTE: Esse trajeto envolverá uma rodovia e depois marginal e avenidas da cidade. Por motivos de segurança de todos, pedimos encarecidamente aos fotógrafos e cinegrafistas que respeitem esse momento da família.

Não existe nenhum motivo para seguir o cortejo até a Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo. Os carros têm vidros escuros e não existe nada a registrar. Estaremos transportando uma família completamente abalada e uma senhora de 90 anos, mãe de Gugu. Todos merecem enfrentar este duro momento com a devida privacidade, respeito e segurança.

Chegando à ALESP tudo será preparado e o salão principal será o local do velório, aberto para que o público possa se despedir de Gugu.

Não estamos fazendo nenhum tipo de credenciamento para imprensa. Teremos nosso pessoal cuidando para que a imprensa tenha o devido acesso.

Câmeras de TV e fotógrafos serão acomodados nas laterais do salão, em local que já é de conhecimento dos profissionais acostumados a trabalhar nesse tipo de cobertura.

Já adiantamos que os familiares não conversarão com a imprensa. Por favor, contamos com a compreensão de todos.

Acreditamos que por volta das 12h o velório será aberto e se estenderá até às 10 horas da manhã de sexta-feira (29/11), quando o corpo seguirá em carro de bombeiros para o Cemitério Gethsêmani, no Morumbi, onde será sepultado no jazigo da família.

Equipes de TV devem entrar em contato com Nilson Oliveira ( 11 99879-13070) ou Nair (11 94011-8258), gerentes do Gethsêmani, responsáveis por toda a logística envolvendo o acesso das câmeras e cinegrafistas.
Por gentileza, entendam que Nilson e Nair estarão cuidando apenas desse assunto ligado a equipes de TVs. Demais jornalistas não devem importuná-los com outros assuntos.

OBS: Nenhuma emissora terá privilégios nessa cobertura. Todas serão tratadas com o mesmo respeito.

Estas são todas as informações disponíveis.

Esther Rocha
Assessoria de Comunicação
São Paulo, 26 de novembro de 2019A

Geral

Associações do Terceiro Setor de Campinas recebem R$ 1,450 milhão do Fiec

Published

on

By

Associações do Terceiro Setor do município foram contempladas nesta sexta feira, dia 11  de junho, pela Secretaria de Esportes e Lazer de Campinas,  com verba de aproximadamente R$ 1,450 milhão do Fundo de Investimentos Esportivo de Campinas (Fiec) .

 

 

 

O repasse do Fiec é destinado à todas as associações  que trabalham com  fomentos de projetos esportivos e paradesportivo. Esses recursos irão auxiliar o Terceiro Setor em várias ações destinadas a formação, massificação e alto rendimento nas mais variadas modalidades.

 

 

 

O Fundo Fiec é fruto da Lei Municipal 12.352/2005 criada para incrementar as agremiações e ao mesmo tempo aproximar a população de projetos esportivos que contribuem na formação e na qualidade de vida das pessoas. A cada ano amplia sua abrangência e proporciona um crescimento significativo no número de participantes.

 

 

 

Para o secretário de Esportes e Lazer, Fernando Vanin, o projeto ganha robustez a cada ano. “É motivo de enorme satisfação esta pareceria que temos com as associações esportivas. O  nosso grande objetivo é o trabalho sério realizado pelas partes, que beneficia a população”, afirmou o secretário.

 

 

 

A verba repassada é fundamental para a continuidade e criação de novos projetos. O presidente e professor da associação campineira de judô, Claúdio Tateama, ressalta o significativo apoio que recebe do Fiec: “É um recurso importante porque nos permite trabalhar com planejamento. A ideia é crescer, ter espaço e cuidar do desenvolvimento de todos. O esporte é um agente transformador”, concluiu Tateama.

Continue Reading

Geral

Prefeito doa sangue em hemocentro e incentiva população

Published

on

By

O prefeito de Campinas, Dário Saadi, doou sangue na manhã desta segunda-feira, dia 14 de junho, no posto Mário Gatti do Hemocentro da Unicamp e incentivou a população a contribuir também. No “Junho Vermelho”, mês que marca a importância da doação de sangue para salvar vidas, o Hemocentro tem sofrido com estoques próximos de situação crítica. A quantidade atual é suficiente para dois ou três dias.

 

De acordo com o Hemocentro, por conta da pandemia e da vacinação, o mês de maio foi um dos piores dos últimos anos, levando à suspensão de procedimentos importantes como transplantes. As doações também são extremamente importantes para os procedimentos de urgência ou emergência, como por exemplo, para pessoas que sofreram acidentes.

 

 

O prefeito ressaltou o quanto a doação é fundamental para salvar vidas: “Precisamos sempre da conscientização de todos para colaborar com o Hemocentro e melhorar o estoque de sangue, principalmente nesse momento difícil que estamos atravessando”, disse.

 

 

No posto do Mário Gatti, o prefeito foi recebido pelo coordenador do Hemocentro Unicamp, Erich de Paula e também foi acompanhado pelo presidente da Rede Mário Gatti, Sérgio Bisogni, que também aproveitou para fazer sua doação de sangue.

 

 

O que é preciso para ser um doador de sangue?

 

– Ter entre 16 e 69 anos;

 

– Pesar no mínimo 50 quilos;

 

– Não estar em jejum, apenas evitar alimentos gordurosos e, após o almoço, aguardar 3 horas;

 

– Estar descansado;

 

– Não fumar até 2 horas antes e 2 horas depois da doação.

 

Confira os locais de doação e mais informações no portal do Hemocentro da Unicamp.

 

 

Intervalo vacina contra Covid-19 e doação de sangue

 

 

Dependendo da vacina recebida, há necessidade de ficar sem doar sangue por períodos distintos – a CoronaVac impede a doação por 48 horas (após cada dose) e as vacinas AstraZeneca, Pfizer e Jannsen impedem por 7 dias (também após cada dose). Dessa forma, o Hemocentro da Unicamp solicita a apresentação do comprovante para os candidatos que forem vacinados a fim de garantir segurança aos pacientes que recebem o sangue.

Continue Reading

Geral

Covid: Saúde abre agendamento da vacina para quem tem mais de 50 anos

Published

on

By

A Secretaria Municipal de Saúde inicia, às 14h, desta segunda-feira, 14 de junho, o agendamento da vacina contra a Covid para pessoas com mais de 50 anos, moradoras de Campinas e sem doenças preexistentes (comorbidades). O agendamento deve ser feito preferencialmente pelo site http://vacina.campinas.sp.gov.br ou pelo telefone 160. Pessoas que tiverem dificuldade em marcar o horário podem procurar seu Centro de Saúde de referência para ajuda.

 

 

As vacinas serão aplicadas em Centros de Saúde do município apenas com o horário marcado. São 63 unidades de saúde disponíveis para a vacinação. Cada unidade abre em um dia da semana exclusivamente para a vacinação, sendo terça-feira ou quinta-feira ou sexta-feira. Ficam de fora apenas os CSs Boa Esperança, Carlos Gomes, Campina Grande e Bassoli.

 

 

É necessário levar CPF e documento de identidade com foto, comprovante de endereço e comprovante emitido no final do agendamento (pode ser no celular). Para comprovar o endereço é possível levar, por exemplo: contas de água, energia elétrica, telefone, gás, serviços de internet, conta de banco, conta de cartão de crédito, carnê de IPTU, etc.

 

 

 

Intervalo entre a vacina da gripe e a da Covid

 

 

Quem tomou a vacina contra a gripe precisa esperar 14 dias para tomar a vacina contra a Covid. O mesmo vale se for o contrário: só depois de 14 dias de ter tomado a vacina contra Covid é que a pessoa pode tomar a da gripe.

Continue Reading

Populares