Connect with us

Eventos

Convite – 3ª Mostra Sustentável em Campinas

Publicado

em

Por

A Mostra Sustentável chega à sua terceira edição, desta vez transformando e beneficiando a Fundação Síndrome de Down (FSD), em Barão Geraldo, Campinas. Mais do que uma exposição de arquitetura e design de interiores com foco na sustentabilidade, o evento é um espaço para a transformação social.

Arquitetos, designers de interiores, artistas plásticos, paisagistas e engenheiros aceitaram o desafio de se unir para desenvolver projetos sustentáveis que revitalizem as edificações da ONG, demonstrando que é possível unir criatividade, elegância e praticidade com respeito à diversidade e ao meio ambiente, deixando, ainda, um legado que atenda às necessidades da instituição. A ambientação dos mais de 40 espaços está voltada para a temática da conscientização sobre a síndrome de Down.

Abertura para o público

A Mostra Sustentável 2019 estará aberta ao público entre os dias 4 de setembro e 13 de outubro, de quarta-feira a domingo. De quarta a sexta-feira, o horário de funcionamento é das 15h às 21h e, aos sábados, domingos e feriados, das 11h às 19h.  A Fundação Síndrome de Down fica na Rua José Antônio Marinho, 430, Barão Geraldo, em Campinas.

Os ingressos custam R$ 25,00 (inteira), R$ 12,50 (meia-entrada) e R$ 10,00 (revisita). Para os idosos do Lar dos Velhinhos de Campinas e pacientes do Serviço de Saúde Cândido Ferreira – onde aconteceram as edições anteriores – as visitas serão gratuitas, mediante agendamento. As vendas são realizadas apenas na bilheteria do evento, aberta até às 19h30. Informações pelo telefone (19) 99121-0262 ou pelo e-mail contato@mostra.com.br.

Toda a cadeia sustentável

Todos os projetos arquitetônicos desenvolvidos contam com uma base comum de sustentabilidade, começando pelo planejamento e pela escolha dos fornecedores geograficamente localizados próximos à obra, o que garantiu a redução na emissão de gases de efeito estufa e uma importante economia de combustível. Outro critério utilizado foi a opção por fornecedores comprometidos com a priorização do reuso de materiais – inclusive dos móveis – e o descarte correto dos resíduos em aterros autorizados e legalizados pelo município.

Durante a reforma, foi priorizado o reaproveitamento máximo da estrutura existente, gerando o mínimo de entulho possível ou, ainda, reaproveitando esses resíduos na própria obra, como nos pisos drenantes dos jardins, por exemplo.

A criatividade dos projetos se apresenta em diferentes formas de reuso de materiais ou da ressignificação de móveis e outros objetos, muitos deles advindos de “garimpagens” em antiquários ou de descartes de outras obras. As madeiras utilizadas, por exemplo, são todas de demolição, MDF ou provenientes de reflorestamento, e processadas criteriosamente nas vertentes ambientais e sociais, com utilização de fonte de energia renovável e respeito à política de revenda destes materiais. Destaque também para as flores e plantas ornamentais, presentes na maioria dos ambientes, trazendo beleza e mais vida para os ambientes.

Apresentação para a imprensa 
Dia: 3 de setembro
Horário: das 10h às 14h30
Local: Rua José Antônio Marinho, 430, no distrito de Barão Geraldo, em Campinas.
Credenciamento: mostrasustentavel@ateliedanoticia.com.br.  

Serviço: 
Mostra Sustentável 2019
Data: 
Entre 4 de setembro e 13 de outubro de 2019, de quarta-feira a domingo.
Horário: De quarta a sexta-feira: das 15h às 21h; sábados, domingos e feriados: das 11h às 19h.
Local: Fundação Síndrome de Down (Rua José Antônio Marinho, 430, Barão Geraldo, Campinas).
Ingressos: R$ 25,00 (inteira), R$ 12,50 (meia-entrada), R$ 10,00 (revisita). Para os idosos do Lar dos Velhinhos de Campinas e pacientes do Serviço de Saúde Cândido Ferreira, as visitas serão gratuitas, mediante agendamento.
Vendas: Somente na bilheteria do evento, aberta até às 19h30. 
Informações: contato@mostra.com.br ou (19) 99121-0262.

Eventos

Projeto Animafísica divulga seu primeiro curta-metragem de animação

Publicado

em

Por

Aprender sobre Física de Partículas pode ser divertido! É o que prova a equipe do Animafisica, projeto de divulgação científica que une pesquisadores e alunos do Instituto de Física da UNICAMP. Com apoio da FAPESP (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo), o grupo desenvolveu seu primeiro curta-metragem de animação, “Quarks e Léptons”, que funcionará como uma ferramenta de divulgação científica voltada para o público não especializado e, principalmente, para jovens estudantes.

“Quarks e Léptons”, trabalho do cineasta e animador Maurício Squarisi, do Núcleo de Cinema de Animação de Campinas, conta a história de Mari, uma garota filha dos professores Pedro e Duda, que faz uma aposta com o pai, em troca de conseguir ingressos para o show da sua banda favorita. A partir deste desafio, a protagonista e o público aprendem lições importantes sobre modelo atômico e partículas elementares, de modo bastante descontraído.

A animação já está disponível no canal do Animafísica no Youtube. A equipe, que inclui um grupo de alunos de licenciatura em Física, preparou também uma série de vídeos complementares, com explicações mais detalhadas sobre os conceitos que aparecem no filme. A playlist completa conta também com um vídeo dos bastidores da produção.

Para o Prof. Dr. Orlando Luis Goulart Peres, coordenador geral do projeto temático ‘Desafios para o Século XXI em Física e Astrofísica de Neutrinos’, ao qual a iniciativa está ligada, “a proposta é despertar a curiosidade dos estudantes, aproximando o público em geral do universo da pesquisa e da Física de modo prazeroso”.

Segundo o Prof. Dr. Marcelo Moraes Guzzo, coordenador do Animafísica, o tema do curta-metragem é um conteúdo novo entre os alunos de Ensino Médio. “O estudo da Física de Partículas tem grande potencial de impacto no futuro da ciência no Brasil. Por isso estamos muito entusiasmados em dialogar com a nova geração, e, quem sabe, motivar estudantes a juntarem-se a nós”, convida.

“Os ingredientes de humor, música e pequenas brincadeiras intercalam informações sobre Física de Partículas, que são passadas propositadamente de modo leve e até superficial, eu diria. O roteiro também deixa espaço para que o público imagine, questione e tire suas próprias conclusões”, explica Squarisi, que desenvolveu o filme com a técnica do desenho animado em papel.

Se depender do entusiasmo e da vontade do grupo de trabalho, “Quarks e Léptons” será apenas o primeiro de uma série de curtas-metragens. A ideia é que outros dois filmes sejam produzidos pela equipe – um sobre Física de Neutrinos e outro sobre Raios Cósmicos. O objetivo para o próximo ano é reforçar os laços com escolas e professores, levando o conteúdo para as salas de aula a fim de alcançar um número cada vez maior de estudantes. “Sobre o primeiro filme, além dos vídeos de apoio que já estão disponíveis, estamos trabalhando na produção de textos, que formarão um ebook, a ser lançado no próximo ano também pela internet.”, completa Marcelo Guzzo.

O site do projeto Animafísica é o www.animafisica.com.br. O filme “Quarks e Léptons” pode ser conferido neste link: https://youtu.be/Fo6Pz_3Dil4

Saiba mais nos canais Animafísica:

www.youtube.com/channel/UC4T0iWBg9oQhiXuyw9x2G_w

www.animafisica.com.br

www.facebook.com/animafisica

www.instagram.com/animafisica

www.twitter.com/animafisica

Animafísica: Física de Partículas sob o olhar da animação

Produção de um curta-metragem em animação para divulgação científica ligada ao

Projeto Temático ‘Desafios para o Século XXI em Física e Astrofísica de Neutrinos’,

do Instituto de Física Gleb Wataghin (IFGW), da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP).

Apoio: Fapesp

Coordenação: Prof. Dr. Marcelo Moraes Guzzo

Pesquisador: Prof. Dr. Orlando Luis Goulart Peres

Animação de Mauricio Squarisi, do Núcleo de Cinema de Animação de Campinas

Colaboradores:

Eduardo Akio Sato (Mestre e Doutorando em Física pela Unicamp)

Dayane Fumiyo Tokojima Machado (Mestre em Divulgação Científica e Doutoranda em Política Científica e Tecnológica pela Unicamp).

Material de apoio – Alunos de graduação do Instituto de Física da Unicamp:

Diego Sena Simão

Eduardo Scotton Arruda

Eduardo Walter da Silva

Lucas Trentim

Mateus Rennó

Nicole Penno Albiol Garcia

Willian Gabriel

Continue Lendo

Eventos

Orquestra faz malabarismo no Reder Circus para acompanhar, ao vivo, todo o espetáculo

Publicado

em

Por

Instalado no estacionamento do Parque D. Pedro Shopping, em Campinas, o circo do famoso diretor de musicais Frederico Reder tem, obviamente, na música, seu grande diferencial. As sessões acontecem de quinta a domingo (quintas e sextas às 20h e sábados, domingos e feriados às 16h, 18h e 20h). Preços a partir de R$ 30,00 (referentes à meia-entrada do Setor Bronze)

Mesmo que uma apresentação de circo sempre arranque aplausos do público, os diretores dos espetáculos buscam surpreender e inovar a todo momento. Artistas habilidosos e talentosos, interação com a plateia e visual deslumbrante são alguns dos recursos utilizados para atrair os olhares e a atenção. Mas trabalhar com uma orquestra ao vivo em um espetáculo com tantas atrações diversas é muita ousadia.

Por isso, o show apresentado pelo Reder Circus no estacionamento do Parque D. Pedro Shopping, em Campinas, é único e intenso. Haja habilidade do maestro e dos músicos para sincronizar o ritmo da música com os movimentos de malabaristas, acrobatas, trapezistas, palhaços, ilusionistas e dançarinos sem deixar que o espetáculo saia do ritmo exato que cada atração necessita.

Só mesmo Frederico Reder para dirigir e movimentar um espetáculo assim. Ele foi produtor de grandes sucessos teatrais e precursor dos documentários musicais como “60! Década de Arromba”, estrelado por Wanderléa, e “70! Década do Divino Maravilhoso”, com a participação especial das Frenéticas e de Baby do Brasil, só para citar os dois mais recentes.

O Reder Circus tem temporada prevista até 15 de dezembro. As sessões acontecem de quinta a domingo (quintas e sextas às 20h e sábados, domingos e feriados às 16h, 18h e 20h). Os ingressos custam a partir de R$ 30,00 (referentes à meia-entrada do Setor Bronze) e podem ser adquiridos nas bilheterias do circo ou no site www.sympla.com.br/redercircus. Informações: (19) 99605-0576 (telefone ou WhatsApp).

Orquestra

Sob a batuta de Gabriel Guilherme – considerado o melhor baterista do Brasil -, auxiliado por Vítor Arantes (piano), a orquestra do Reder Circus é formada por dez músicos: baixista, baterista, flautista, guitarrista, pianista, saxofonista, tecladista, trombonista, trompetista e violinista. O desafio é sincronizar cada nota com os movimentos dos tradicionais artistas circenses.

Como a orquestra fica no mezanino sobre o palco, o maestro Gabriel Guilherme dispõe de uma tela na qual recebe as imagens do espetáculo. Caso algum artista perca o ritmo devido a algum erro na execução de seu número, o maestro precisa avisar os músicos pelo fone de ouvido e improvisar um arranjo próprio para aquele momento.

Imprevistos acontecem, principalmente no circo, e os improvisos se fazem sempre necessários. “Uma vez, o som parou no meio do espetáculo e tivemos que fazer o restante do show todo com a bateria acústica acompanhando os números. Foi um grande solo de percussão”, lembra o maestro.

Considerando que o Reder Circus homenageia os grandes circos brasileiros – Orlando Orfei, Garcia, Vostok e Royter, entre outros -, o maestro teve que ser muito habilidoso para não descaracterizar a linguagem clássica. “Foi preciso encontrar um meio-termo que incorporasse elementos de musicais e cinema ao espetáculo circense, além de entender a estrutura de cada número e convencer os artistas a mudar um pouco a forma de execução, para que tudo fosse sincronizado”, explica Gabriel Guilherme.

Sobre o maestro

Diretor musical, maestro e baterista, Gabriel Guilherme dedica-se ao Reder Circus desde abril de 2018, ajudando a construir o espetáculo. Desde então, já participou de mais de 600 apresentações. Nenhuma totalmente igual à outra.

Na opinião dele, o mais complexo é equilibrar o emocional com o físico, o que exige uma grande demanda de resistência e preparo. No fim das contas, vale a pena. “Recebemos elogios constantes pela sincronia da música com os números. A energia é impressionante, inexplicável. Todo mundo precisa experimentar uma vez na vida”, sugere.

Gabriel é considerado o melhor baterista do país. Foi vencedor do “V-Drums Contest Brasil” (Roland) e 4º melhor do mundo no festival “V-Drums World Championship”. É formado em Música pela Universidade Livre de Música, em Rádio, TV e Cinema pela FMU/SP e em Engenharia de Áudio e Acústica Arquitetônica pela Synthex AV Technologies. Realizou trabalhos com diversos artistas, com destaque para Rafael Bittencourt (baterista do Angra), Fernando Nunes (Cássia Eller e Lenine), Lucas Silveira (Fresno), Fiuk, Wanderléa e Baby do Brasil.

Serviço:
Reder Circus – Abracadabra
Local: Parque D. Pedro Shopping – Campinas (Av. Guilherme Campos, 500 – Jardim Santa Genebra)
Horários: de quinta a domingo (quintas e sextas às 20h; sábados, domingos e feriados às 16h, 18h e 20h).
Ingressos: a partir de R$ 30,00 referentes à meia-entrada* do Setor Bronze.
Setores:
Diamante (Camarote Palco) – R$ 250,00
Ouro (Cadeira VIP Central) – R$ 100,00
Prata (Cadeira VIP Lateral) – R$ 80,00
Bronze (Cadeira Lateral) – R$ 60,00
*Meia-entrada: Válida para crianças menores de 12 anos, estudantes, idosos acima de 60 anos, pessoas com deficiência e jovens de 15 a 29 anos de baixa renda. Necessária apresentação da identificação na entrada.
Vendas: nas bilheterias e no site www.sympla.com.br/redercircus
Informações: (19) 99605-0576 (telefone ou WhatsApp)

Continue Lendo

Eventos

Teatro Iguatemi Campinas volta a receber espetáculo da Galinha Pintadinha

Publicado

em

Por

A Brain + e a Teatro GT trazem para o interior do estado de São Paulo “A Fabulosa Trupe”, espetáculo da Galinha Pintadinha que conta com muita música, luz e animações incríveis. Dias 14 e 15 de Dezembro no Teatro Iguatemi Campinas.

A Galinha Pintadinha vive uma nova aventura em busca do Pintinho Amarelinho que se perdeu. No caminho eles irão encontrar muito muitos amigos já conhecidos por toda a família brasileira: A Borboletinha, a Baratinha, o Sapo Cururu e muitos outros. Tudo isso em um espetáculo mágico, com muita luz, música e incríveis animações. 

Gênero: Musical de fantoches infantil.

Classificação: Livre

Duração: 60 minutos

SERVIÇO

Data: dias 14 (sábado) e 15 (domingo) de Dezembro.  

Horário: às 15h.    

Local: Teatro Iguatemi 3º piso do Iguatemi Campinas – End: Av Iguatemi, 777 – Vila Brandina

Telefone: (19) 3294-3166

Continue Lendo
error: Content is protected !!