Connect with us

Geral

Campinas aplicou mais de 15,4 mil doses de vacina durante o Dia D

Published

on

A Secretaria de Saúde de Campinas aplicou mais de 15,4 mil doses das vacinas contra poliomielite e sarampo durante o Dia D, que aconteceu no último sábado, dia 4 de agosto. Contra pólio, foram vacinadas 7.772 crianças, 13,70% do público-alvo. Já contra sarampo, foram imunizadas 7.630 crianças, de zero a 4 anos, 11 meses e 29 dias (13,43%).

 

 

O segundo Dia D da Campanha de Vacinação será no dia 18 de agosto, também sábado. Na ocasião, todos os centros de saúde e outros postos volantes estarão abertos para vacinar as crianças.

 

 

 

Para receber as doses, é preciso levar documento e carteira de vacinação. A meta é vacinar 95% das 56.790 crianças nesta faixa etária. Durante a semana, as vacinas estão disponíveis em todos os centros de saúde.

 

 

 

Em julho, a Secretaria de Saúde de Campinas fez um alerta para os casos de sarampo no Brasil e chamou a atenção das pessoas para a vacinação.

 

 

 

“Além dos dois dias D, faremos uma série de ações durante o mês de agosto para atingir a meta, que é vacinar 95% das crianças que fazem parte do público-alvo. É importante que os pais levem seus filhos ao Centro de Saúde mais próximo e atualizem a carteira de vacinação, principalmente para essas duas vacinas que são o foco da Campanha neste momento”, afirma a diretora do Devisa, Andrea von Zuben.

 

 

Sarampo

 

O sarampo é uma doença infecciosa aguda, de natureza viral, grave, transmitida pela fala, tosse e espirro. É extremamente contagiosa, mas pode ser prevenida pela vacina. Pode ser contraída por pessoas de qualquer idade.

 

 

 

Em 2016, o Brasil recebeu da Organização Pan-Americana de Saúde (Opas) o certificado de eliminação da circulação do vírus do sarampo. Atualmente, empreende esforços para manter o certificado, já que o país registrou surtos e casos isolados da doença. Campinas não tem registros de sarampo. No entanto, existe a necessidade da vacina, já que há casos confirmados em outros locais.

 

 

 

Atualmente, o Brasil enfrenta dois surtos de sarampo: em Roraima e no Amazonas. Além disso, alguns casos isolados foram identificados nos estados de Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Pará, Rondônia e São Paulo. O reaparecimento da doença está relacionado às baixas coberturas vacinais no País. Em Campinas, dados parciais de 2018 mostram que a cobertura da primeira dose da vacina (tríplice viral) está por volta de 96,09%. Já em relação à segunda dose, é de cerca 77,7%.

 

 

No mundo, há registros de casos de sarampo em alguns países da Europa e das Américas.

 

 

Os sintomas do sarampo são:

 

Febre alta, acima de 38,5°C;

 

Dor de cabeça;

 

Manchas vermelhas, que surgem primeiro no rosto e atrás das orelhas, e, em seguida, se espalham pelo corpo

 

Tosse;

 

Coriza;

 

Conjuntivite;

 

Manchas brancas que aparecem na mucosa bucal conhecida como sinal de koplik, que antecede de 1 a 2 dias antes do aparecimento das manchas vermelhas.

 

 

Sobre a Poliomielite

 

De acordo com dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), três países ainda são considerados endêmicos (Paquistão, Nigéria e Afeganistão). O Brasil está livre da poliomielite desde 1990. Em 1994, o país recebeu, da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS), a Certificação de Área Livre de Circulação do Poliovírus Selvagem.

Geral

Lei amplia para 700 as vias que podem mesclar uso residencial e comercial

Published

on

By

 

 

A entrada em vigor da Lei Complementar 304/2021, em junho deste ano, ampliou a permissão para instalar novas atividades em vias coletoras de

Campinas. Como resultado, 2.375 comércios, serviços e entidades podem agora funcionar em ruas secundárias que levam o tráfego para as grandes avenidas de bairros.

 

 

Com a medida, mais de 700 vias passaram a ter potencial econômico reforçado em regiões como Campo Grande, Ouro Verde, Taquaral, Vila Brandina, entre outros, reforçando o acesso da população a núcleos locais comerciais. Consulta dos endereços pode ser feita pela internet no Portal do Zoneamento On-line da Prefeitura.

 

 

A permissão de usos antes possíveis apenas nas vias arteriais (as avenidas principais) também nas vias coletoras na Zona Mista 1 expandiu em cerca de cinco vezes a possibilidade de usos mais dinâmicos nessa nova área, segundo dados da Secretaria Municipal de Planejamento e Urbanismo (Seplurb). 

 

 

Antes da lei, essas atividades eram permitidas em cerca de 130 vias dos bairros beneficiados; agora, são mais de 700 ruas e avenidas secundárias com possibilidade de mesclas de usos – comercial e residencial – fator determinante para a dinamização dos bairros.

 

 

Novas possibilidades

 

 

A nova lei permite a instalação, em vias secundárias, atividades comerciais varejistas e atacadistas, serviços e entidades institucionais considerados de média incomodidade. Nessa condição incluem-se, entre outros, supermercados, padarias, clínicas e associações, que antes só eram permitidas em avenidas/vias arteriais. 

 

 

Para saber se em determinado endereço é possível abrir o negócio pretendido, qualquer pessoa pode consultar pela Internet o “Portal do Zoneamento On-line” da Prefeitura de Campinas. A ferramenta está acessível em https://zoneamento.campinas.sp.gov.br/.

 

 

A versão atual do Portal traz os decretos e leis complementares publicadas neste ano, relacionados ao uso do solo e à hierarquia viária, que permite analisar a classificação de vias arteriais e coletoras, referentes à Zona Mista 1 em Campinas. Assim, os empresários podem realizar, de forma rápida, consulta prévia de viabilidade para abertura de empresas nos endereços de interesse.

 

 

No Zoneamento On-line também é possível consultar a abertura de empresas diretamente no Via Rápida Empresarial, da Junta Comercial do Estado de São Paulo (Jucesp).

 

 

O acesso ao portal é gratuito e funciona em celulares, computadores de mesa, laptops e tablets. Não é preciso cadastro, basta entrar na página e colocar os dados do endereço a ser pesquisado.

 

Lei amplia para 700 as vias que podem mesclar usos residenciais e comerciais

 

 

Permissão expande em cinco vezes dinamização das rua e contribui para desenvolvimento de redes de serviços nos bairros

 

 

 

A entrada em vigor da Lei Complementar 304/2021, em junho deste ano, ampliou a permissão para instalar novas atividades em vias coletoras de

Campinas. Como resultado, 2.375 comércios, serviços e entidades podem agora funcionar em ruas secundárias que levam o tráfego para as grandes avenidas de bairros.

 

 

Com a medida, mais de 700 vias passaram a ter potencial econômico reforçado em regiões como Campo Grande, Ouro Verde, Taquaral, Vila Brandina, entre outros, reforçando o acesso da população a núcleos locais comerciais. Consulta dos endereços pode ser feita pela internet no Portal do Zoneamento On-line da Prefeitura.

 

 

A permissão de usos antes possíveis apenas nas vias arteriais (as avenidas principais) também nas vias coletoras na Zona Mista 1 expandiu em cerca de cinco vezes a possibilidade de usos mais dinâmicos nessa nova área, segundo dados da Secretaria Municipal de Planejamento e Urbanismo (Seplurb). 

 

 

Antes da lei, essas atividades eram permitidas em cerca de 130 vias dos bairros beneficiados; agora, são mais de 700 ruas e avenidas secundárias com possibilidade de mesclas de usos – comercial e residencial – fator determinante para a dinamização dos bairros.

 

 

Novas possibilidades

 

 

A nova lei permite a instalação, em vias secundárias, atividades comerciais varejistas e atacadistas, serviços e entidades institucionais considerados de média incomodidade. Nessa condição incluem-se, entre outros, supermercados, padarias, clínicas e associações, que antes só eram permitidas em avenidas/vias arteriais. 

 

 

Para saber se em determinado endereço é possível abrir o negócio pretendido, qualquer pessoa pode consultar pela Internet o “Portal do Zoneamento On-line” da Prefeitura de Campinas. A ferramenta está acessível em https://zoneamento.campinas.sp.gov.br/.

 

 

A versão atual do Portal traz os decretos e leis complementares publicadas neste ano, relacionados ao uso do solo e à hierarquia viária, que permite analisar a classificação de vias arteriais e coletoras, referentes à Zona Mista 1 em Campinas. Assim, os empresários podem realizar, de forma rápida, consulta prévia de viabilidade para abertura de empresas nos endereços de interesse.

 

 

No Zoneamento On-line também é possível consultar a abertura de empresas diretamente no Via Rápida Empresarial, da Junta Comercial do Estado de São Paulo (Jucesp).

 

 

 

O acesso ao portal é gratuito e funciona em celulares, computadores de mesa, laptops e tablets. Não é preciso cadastro, basta entrar na página e colocar os dados do endereço a ser pesquisado.

Continue Reading

Geral

Programa GestAÇÃO é apresentado durante reunião no Salão Vermelho

Published

on

By

A secretária de Gestão e Desenvolvimento de Pessoas, Eliane Jocelaine Pereira, apresentou, na tarde desta terça-feira, 3 de agosto, o Programa GestAÇÃO . A reunião, no Salão Vermelho, contou com a participação de diretores, coordenadores e chefes de setor da Pasta. 

 

“A partir do apoio da Comunitas e das reuniões que temos tido, em especial com as equipes da secretaria, surgiram ideias e propostas de caminhos que podemos trilhar para a concretização de políticas públicas voltadas para a qualificação do serviço público”, explicou a secretária. “É assim que nasce o GestAÇÃO, que tem seu princípio em gestar ideias que resultarão em uma maior qualificação dos servidores e dos serviços prestados ao cidadão”, completou.

 

O Programa se caracteriza pela composição e integração das metas que vão reger o trabalho da Pasta ao longo da gestão. 

 

O eixo central do programa vai ser a metodologia de linha de cuidados com o servidor, com políticas públicas materializadas em marcos regulatórios, programas, projetos, benefícios e pesquisas, interligados da entrada até a aposentadoria dos profissionais. 

 

O programa será desenvolvido em quatro eixos: melhoria dos processos de seleção; melhoria dos processos de desenvolvimento de carreira; melhoria dos processos de desenvolvimento humano; e melhoria do ambiente de trabalho. 

 

Ainda como parte do GestAÇÃO, a criação de um Laboratório de Inovação em Gestão e Desenvolvimento Humano também será uma ferramenta importante para o engajamento dos servidores na formulação e implementação de políticas públicas voltadas à qualificação, tanto do funcionalismo como dos serviços prestados à população. “Para que as ideias se concretizem e construamos uma cultura de inovação na Administração, queremos engajar o servidor neste processo. Queremos que eles tragam suas ideias e contribuições para o nosso Laboratório de Inovação, que será um ambiente orgânico vivo, dinâmico, permanente e aberto para propostas”, disse a secretária. 

 

Entre as ações para engajar o servidor estão a produção de manuais e pesquisas; de rádio e podcasts; revistas e boletins; e mídias sociais. Também será criado um acervo, com as memórias e experiências dos servidores, além da Labteca, uma plataforma interativa e concreta do laboratório de ideias.

 

Continue Reading

Geral

Setransp/Emdec ativam semáforos no cruzamento Bragança Paulista x Itatiba

Published

on

By

A Secretaria de Transportes (Setransp) e a Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (Emdec) ativam novos conjuntos semafóricos no cruzamento da Rua Bragança Paulista com a Rua Itatiba, na região do Jardim Novo Campos Elíseos. Os equipamentos entram em operação a partir das 10h de 10 de agosto, próxima terça-feira. 

 

 

Os novos conjuntos semafóricos também possuem foco para a travessia de pedestres. A região recebeu nova sinalização viária, tanto vertical (placas), como também horizontal (pintura de solo). 

 

 

A instalação dos equipamentos e a nova sinalização buscam aumentar a segurança durante a circulação. A região está inserida no entroncamento do Corredor BRT Perimetral com o Corredor BRT Ouro Verde, ao lado do Terminal BRT Campos Elíseos, que está em fase de finalização das obras. 

 

 

Agentes da Mobilidade Urbana da Emdec irão monitorar o trânsito na região. Técnicos semafóricos acompanharão a operação dos novos equipamentos e realizarão ajustes na programação, caso necessário. 

 

 

 

 

 

Continue Reading

Populares