Connect with us

Geral

Campanha do Outubro Rosa 2018 tem como tema ‘Mulheres Fortes, Eu Venci’

Published

on

O Outubro Rosa 2018 em Campinas foi aberto nesta segunda-feira, 1º de outubro, com uma revoada de balões, apresentação de dança e a iluminação da Torre do Castelo, tudo com a cor rosa, símbolo da campanha de prevenção do câncer de mama. A campanha prossegue ao longo do mês com extensa programação, todas atividades gratuitas, com o objetivo de mobilizar a sociedade para a importância das ações de prevenção da doença – primeira causa de morte por câncer entre as mulheres campineiras. 

 

“Outubro é o mês para cada mulher colocar no seu calendário um dia do ano para cuidar da própria saúde. Quanto mais cedo for o diagnóstico, maior a chance de cura. Escolhemos o tema deste ano ‘Mulheres Fortes, Eu Venci’, que significa vencer o medo de fazer o exame. Porque hoje este é o maior problema: não temos fila de espera de exames de mamografia na rede pública da cidade. Mas, há mulheres que precisam tomar a decisão de fazer o exame”., disse a primeira-dama de Campinas, Sandra Ciocci, líder do movimento Transforma Campinas (www.transformacampinas.com.br) e coordenadora da campanha do Outubro Rosa. 

 

Sandra Ciocci abriu a campanha que ocorreu em dois momentos: o primeiro momento foi pela manhã, com uma revoada de balões na cor rosa, em frente ao Symetria, no bairro Castelo. Os balões carregavam sementes de ipês-rosa para que possam brotar onde cair na cidade. Também começaram as vendas das camisetas da campanha, por R$ 15,00. Toda renda obtida será revertida para o Grupo Rosa e Amor e para o Centro de Atenção Integral à Saúde da Mulher (Caism) da Unicamp. No dia 31, encerramento da campanha, está agendada a entrega da renda arrecadada para as entidades.

 

A edição do Outubro Rosa deste ano conta com uma extensa programação que inclui duas exposições, caminhada, iluminação de outros prédios públicos na cor rosa, além de palestras. O Paço Municipal e os reservatórios de água da Sanasa dos bairros Nova Campinas, Gramado, São Vicente, DIC, São Bernardo e Alto do Taquaral também passam a ser iluminados, à noite, com uma luz rosa.

 

A programação completa do Outubro Rosa pode ser conferida no portal da Prefeitura: 

http://www.campinas.sp.gov.br

 

O Outubro Rosa está sendo promovido pela Prefeitura de Campinas, Sanasa, Transforma Campinas, Symetria, Unimed, Grupo Bandeirantes, EPTV, Rede Família, TVB, TV Câmara, VTV, Shopping Iguatemi, Galleria Shopping, Grupo Rosa e Amor, Caism, Ative Vida, Dimen, Groove 19, Agni´s, Grupo Mulheres do Brasil, D/Lavoro, Débora Selanne, Érika Ramos e Franco Júnior.

Geral

Estabelecimentos poderão funcionar até meia-noite a partir de 1º de agosto

Published

on

By

A Prefeitura de Campinas informou que seguirá as medidas anunciadas nesta quarta-feira, dia 28 de julho, pelo Governo do Estado referentes ao Plano São Paulo de combate à pandemia de coronavírus. As regras de flexibilização serão publicadas em decreto no Diário Oficial do Município de sexta-feira, dia 30 de julho.

 

A partir de domingo, dia 1º de agosto, o limite de horário de funcionamento de comércios, serviços em geral e espaços religiosos será estendido de 23h para meia-noite.

 

A capacidade de ocupação nos estabelecimentos, atualmente em 60%, passará para 80%. As novas regras da fase de transição terão validade de 1º até 16 de agosto.

 

O município mantém o respeito aos protocolos, uso obrigatório de máscaras em ambientes de acesso público e passa a seguir o distanciamento mínimo de pelo menos um metro entre os alunos nas salas de aula das escolas públicas e particulares.

 

A partir do início do próximo mês, também não haverá mais toque de recolher durante as madrugadas.

 

O acesso de clientes a shoppings, galerias, lojas de rua, bares e restaurantes deverá ser interrompido às 23h, com atendimento permitido até meia-noite. Todas as atividades econômicas devem obedecer aos protocolos de segurança sanitária.

 

Os eventos que geram aglomerações – casas noturnas, shows de médio e grande porte, competições esportivas com público, etc.– continuam proibidos.

 

Fica mantida a recomendação de escalonamento de horários de entrada e saída para trabalhadores dos setores de comércio, serviços e indústrias. Também seguem liberadas as celebrações individuais e coletivas em igrejas, templos e espaços religiosos, sob rígido cumprimento de protocolos de higiene e distanciamento social.

Continue Reading

Geral

Parceria entre Saúde Municipal e empresas inicia vacinação em Campinas

Published

on

By

A vacinação contra a Covid-19 na Arcor do Brasil, primeira empresa parceira da Prefeitura de Campinas no projeto criado para acelerar a aplicação de doses no município, foi iniciada na manhã desta quarta-feira, dia 28 de julho. Até as 17h, foram vacinados 32 dos 445 funcionários que fazem parte de grupos contemplados na campanha (pessoas a partir de 30 anos; com comorbidades a partir dos 18 anos, entre outros).

 

A imunização destes públicos será realizado até sexta-feira, 30 de julho, nos três turnos de trabalho da empresa (manhã, tarde e noite).

 

“A importância para nós é poder contribuir de forma integral nas comunidades que atuamos e na sociedade em geral, proporcionando um ambiente seguro e saudável para nossos colaboradores e familiares”, diz Geraldo Netto, diretor de Capital Humano da Arcor do Brasil.

 

Desde 20 de julho, data da publicação do chamamento público, 26 empresas aderiram à parceria. Juntas, as organizações representam 71.890 trabalhadores, sendo que 22.767 fazem parte dos grupos que estão sendo vacinados nos centros de saúde do município. 

 

Para a diretora do Departamento de Vigilância em Saúde (Devisa), Andrea von Zuben, a parceria com as organizações é muito importante. “A Saúde Pública agradece a cooperação das empresas para acelerar a vacinação dos campineiros”, afirma.   

 

As empresas que aderem à parceria são avaliadas pelo Devisa. Se aprovadas, recebem treinamento, vacinas e insumos para aplicação. Em contrapartida, se responsabilizam por vacinar os funcionários dos grupos que estão sendo imunizados pela Secretaria de Saúde. 

 

Para serem aprovadas, as empresas precisam cumprir alguns requisitos. Entre eles, ter um profissional de enfermagem para a aplicar as doses e duas pessoas para cuidar da digitação dos dados exigidos pelo sistema.

 

 

Ampliação

 

 

Nesta quarta-feira, a Prefeitura de Campinas ampliou as parcerias para acelerar a vacinação. Com isso, além das empresas, estabelecimentos de ensino situados no município também poderão aderir à estratégia para vacinar seus alunos. Até então, apenas os funcionários destas instituições poderiam ser vacinados. Importante lembrar que a medida contempla os grupos atendidos atualmente no programa de vacinação da cidade.

 

As empresas e instituições de ensino que tiverem interesse devem fazer a adesão pelo site https://vacina.campinas.sp.gov.br/vacinas/covid-19.

Continue Reading

Geral

São Caetano do Sul busca em Campinas modelo para cuidados com animais

Published

on

By

 

 

 

 

O Departamento de Proteção e Bem-Estar Animal (DPBEA) de Campinas, órgão vinculado à Secretaria Municipal do Verde, Meio Ambiente de Desenvolvimento Sustentável (SVDS), recebeu nesta semana a visita do vereador de São Caetano do Sul, município do interior de São Paulo, Ubiratan Figueiredo, que trabalha pelo ativismo animal. 

 

 

Acompanhado de sua comitiva e assessores, o vereador conheceu as políticas públicas relacionadas à causa animal praticadas por Campinas e que são consideradas referência para todo o País. A DPBEA já recebeu mais de 50 visitas de parlamentares de outras cidades que vieram conhecer o trabalho realizado na cidade.

 

 

O parlamentar foi recebido pelo diretor do departamento, Vagner Bellini, que apresentou o trabalho desenvolvido no departamento. “Normalmente, a preocupação de quem visita o departamento é entender como nós fazemos funcionar nosso serviço de castração, que é exemplar”, explicou Bellini.

 

 

O diretor do DPBEA explicou que muitas prefeituras têm dificuldades em usar os recursos públicos para ações na causa animal, mas Campinas consegue avançar nesse sentido. “O segredo é a utilização do Fundo de Recuperação, Manutenção e Preservação do Meio Ambiente (PROAMB), que começou a operacionalizar financeiramente, de forma expressiva, a partir de 2013, quando o secretário do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável de Campinas, Rogério Menezes, potencializou as operações considerando sua importância institucional em relação às demandas ambientais prioritárias do município”, detalhou Bellini.

 

 

Ele acrescentou que é fundamental manter a transparência e a participação da sociedade por meio de sua representação, que em Campinas acontece com a parceria do COMDEMA (Conselho Municipal de Meio Ambiente). 

Continue Reading

Populares